O domingo de eleições começou com uma boa notícia para Salvador, a capital baiana foi escolhida pela Federação Internacional de Judô como sede do Mundial de Judô por equipes em 2012. A decisão foi comunicada através dos canais oficiais da Federação na internet, o site oficial e o twitter. Salvador derrotou grandes adversários para conseguir o feito. Londres (Inglaterra), Moscou (Rússia) e Dubai (Emirados Árabes) ficaram para trás.

O anúncio foi feito na cidade de Abu-Dabi (capital dos Emirados Árabes), durante a realização do Grand Slam de Judô. No dia 8 de setembro, o secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Nilton Vasconcelos, foi a Tóquio, no Japão defender a candidatura de Salvador em uma apresentação técnica. Fortalecida com cartas de apoio assinadas pelos Ministérios do Turismo e do Esporte, o Governo do Estado e a Prefeitura de Salvador assumiram vários compromissos com a federação, levando a ela as reais intenções da cidade.

O governador Jaques Wagner também se dedicou a trazer o evento para capital. Em julho, quando Salvador recebeu no Centro de Convenções da Bahia, as semifinais e a final da 1ª Copa do Mundo de Judô por Equipes, o governador se reuniu com o presidente da Federação Internacional de Judô, Marius Vizer, quando entregou ao pdirigente um documento com todas as informações sobre a infraestrutura, cultura e atrações turísticas de Salvador.

De acordo com o secretário Nilton Vasconcelos, para o campeonato de 2012 será montada uma estrutura no Centro de Convenções. Mas não é descartado o uso de outra opção, que seria o Centro de Referência Internacional de Judô, que será construído em Lauro de Freitas.

Eric Luis Carvalho
No TRIBUNA DA BAHIA