Um dos motoristas, idetificado como Rudson Souza de Sales Nunes, foi preso em flagrante e encaminhado para o presídio de Itabuna

Ainda não foi idetificado o segundo homem quem participou de um suposto racha que deixou duas crianças e uma adolescente feridos neste domingo (26), em Itabuna, a 433 km de Salvador. Os jovens continuam internados nesta terça-feira (28) no Hospital Manoel Novaes.

Segundo informações da TV Santa Cruz, a assessoria do hospital informou que G.A.S, 10 anos e I.C.M, 13 anos, que tiveram ferimentos, fizeram exames e estão em observação. Já J.V.R.S, 11 anos, que teve traumatismo craniano, continua internado em estado gravre na Unidade de Terapia Extensiva (UTE) do hospital.

Um dos motoristas, idetificado como Rudson Souza de Sales Nunes, 18 anos, que dirigia o Fiat Uno que atropelou as crianças e a adolescente, foi preso em flagrante e encaminhado hoje pela manhã para o presídio de Itabuna. Em depoimento o jovem negou ter feito um racha com o outro carro. Sione Porto, titular da delegacia, investiga o caso.

Entenda o caso
O acidente aconteceu neste domingo (26). As crianças brincavam em frente a uma casa no bairro São Roque quando dois carros desceram pela Avenida Rebolças Brandão em alta velocidade.

Um dos veículos era conduzido por Rudson, que perdeu o controle e atingiu dois primos de 10 e 11 anos, e a amiga de 13 anos. Parentes e moradores afirmam que os veículos faziam racha. O condutor do outro veículo fugiu. Rudson não tinha carteira de habilitação.


Redação CORREIO DA BAHIA