Obra de reforma da Praça Coronel Pessoa deverá ser concluída no prazo de 15 dias
Prefeitura realiza serviços de limpeza dos cemitérios
Prefeitura de Ilhéus inaugura núcleo do Peti no São Domingos
Newton Lima participa de audiência pública sobre o Porto Sul e entrega caderno de investimentos

***

Obra de reforma da Praça Coronel Pessoa deverá ser concluída no prazo de 15 dias

Deverá ser concluída nos próximos 15 dias a obra de reforma e ampliação da Praça Coronel Pessoa, localizada no centro da cidade e considerada um dos mais importantes logradouros públicos de Ilhéus. A informação é do secretário de Desenvolvimento Urbano, Gérson Marques, que informa, ainda, que os serviços estão sendo tocados por 25 trabalhadores e com recursos do próprio município.

De acordo com Marques, o trabalho envolve a substituição completa do piso, a execução de um projeto de paisagismo e a instalação de um novo sistema de iluminação. “Além da utilização de pisos táteis, também estaremos realizando no local uma pequena reforma no ponto de ônibus e a conclusão do pavimento da rua Ernesto Sá”, acrescenta o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano.

Também presente na recém reformada Praça Ruy Barbosa, piso tátil é um material diferenciado no que concerne à cor e à textura em relação ao piso que se encontra ao redor. A proposta é que este tipo de piso seja perceptível para pessoas com baixa visão ou com deficiência visual. “Pode parecer uma mera abstração para a maioria, mas para o deficiente visual e para a pessoa com baixa visão este piso é fundamental para uma maior segurança”, comenta Marques.

Prefeitura realiza serviços de limpeza dos cemitérios

Para receber os parentes dos falecidos que costumam visitar os túmulos no Dia de Finados, a Prefeitura de Ilhéus, através da Secretaria de Serviços Urbanos, já realizou os serviços de limpeza dos cemitérios da cidade. Foram beneficiados com esses serviços os cemitérios da Vitória, no centro, o São João Batista, na zona sul da cidade, e o São Jorge, no Basílio. Também receberam serviços de manutenção os cemitérios do Salobrinho e do Banco da Vitória.

De acordo com o secretário de Serviços Urbanos, Gerson Marques, nesses locais foram realizados os serviços de capinagem, roçagem, pintura dos muros, limpeza dos acessos e várias outras melhorias. O prefeito de Ilhéus, Newton Lima também determinou que além desses serviços, também fosse realizado o reforço na segurança dos cemitérios, não somente para evitar a invasão dos vândalos, como também garantir que os vasos, flores e outros objetos levados pelos parentes dos falecidos não sejam roubados.

A visita aos túmulos no Dia de Finados faz parte da tradição do Brasil. A escolha da data se deu em virtude do dia de todos os santos, primeiro de novembro, pois os religiosos acreditavam que todas as pessoas, ao morrerem, entram em estado de graça, mesmo não sendo canonizados. O dia dos mortos é um dia de respeito, dedicado para que as famílias celebrem a vida eterna dos seus entes falecidos, tendo esperança de que tenham sido recebidos pelo reino de Deus. A cultura de dedicar um dia para homenagear os mortos varia muito de localização ou religião, mas segue os princípios do catolicismo, pois a partir do século XI, os papas Silvestre II, João XVII e Leão IX passaram a exigir esta celebração.

Prefeitura de Ilhéus inaugura núcleo do Peti no São Domingos

A Prefeitura de Ilhéus inaugura no próximo dia 04, às 15 horas, no bairro São Domingos, zona norte de Ilhéus, mais um núcleo do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti). O município passa a contar com 18 espaços do programa, que tem o intuito principal de retirar crianças e adolescentes, com idade entre 06 e 15 anos, do trabalho infantil. No São Domingos, o núcleo funcionará na rua Antônio Lavigne, 391 e para o evento que marca a abertura das atividades está prevista a presença do prefeito Newton Lima e do secretário de Assistência Social e Trabalho, Ari Silva Santos, entre outras autoridades, além da comunidade do bairro.

A abertura do espaço também contará com a presença da equipe da Unidade Móvel Odontológica (Odontomóvel) e de profissionais da secretaria de Assistência Social e Trabalho que realizarão cadastramento e recadastramento do Programa Bolsa Família. Segundo a coordenadora do Peti em Ilhéus, Rosana Muniz, cerca de 40 crianças e adolescentes já se cadastraram ao núcleo, porém este número deve aumentar após a abertura da unidade. “O trabalho de cadastramento foi iniciado na última semana e com o início das atividades esperamos que outras crianças e adolescentes participem do programa”.

Assim como nos demais espaços, no Peti do São Domingos as crianças e adolescentes assistidos pelo programa participarão de atividades voltadas para o esporte, lazer e cultura, “sempre com o cunho lúdico”. O trabalho de acompanhamento das atividades é desempenhado por dois educadores sociais e o planejamento mensal das atividades é feito com apoio de pedagogos. Uma das atividades previstas para este mês é o Desfile da Beleza Negra, que contará com representantes de todos os núcleos. Em Ilhéus, são aproximadamente 1.250 crianças e adolescentes atendidos pela iniciativa.

O programa funciona de segunda a sexta-feira, das 8h30min às 11h30min e das 13 às 16 horas. Na opinião do secretário Ari Silva Santos a instalação do serviço no São Domingos representa um importante passo para mudar a realidade social de muitas famílias que vivem na zona norte. Este ano, o governo municipal estendeu a abrangência do programa, inaugurando sedes do Peti em Inema e no Banco do Pedro, ambas localidades da zona rural.

De acordo com as novas resoluções do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) o Peti deve trabalhar em parceria com outros serviços oferecidos pela secretaria, como o Conselho Tutelar, Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), para que haja uma adaptação à realidade dessas crianças e de suas famílias.

Newton Lima participa de audiência pública sobre o Porto Sul e entrega caderno de investimentos

A audiência pública que teve como foco o Complexo Intermodal Porto Sul atraiu milhares de pessoas ao Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães na tarde do último sábado (29). Convocada pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), a audiência visou a apresentação e a discussão sobre o Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e o Relatório de Impacto Ambiental (Rima) do Porto Sul. Cópias dos documentos estiveram disponíveis para consulta pública em escolas, bibliotecas e sedes das prefeituras de Ilhéus e Itabuna.

Foram realizadas apresentações do EIA/RIMA nos municípios da área de influência direta e indireta, além de Oficina Técnica com representantes das secretarias municipais, que gerou a formulação do Caderno de Investimentos para o município, que teve como tema “Porto sul: o papel do poder público municipal frente ao cenário de Impactos Socioambientais” e contempla as principais medidas que deverão estar associadas ao cronograma do empreendimento antes, durante e após sua implantação, caso venha a ser liberado pelo IBAMA.

O Caderno de Investimentos foi protocolado pelo prefeito de Ilhéus, Newton Lima junto ao superintendente do IBAMA na Bahia, Célio Costa Pinto durante a realização da última audiência pública sobre o Porto Sul. Na oportunidade, Newton Lima reiterou seu apoio ao empreendimento e parabenizou o governo do estado pela iniciativa. “Mais uma vez nosso povo tem uma grande oportunidade de exercer sua cidadania e participar do processo democrático, discutindo e opinando sobre nosso presente e, principalmente, sobre o nosso futuro. Nesses últimos três anos, Ilhéus e região têm debatido o projeto porto sul, com responsabilidade e maturidade”.

Ainda de acordo com a opinião do prefeito de Ilhéus, “o governo municipal tem mantido com o governo estadual uma discussão continuada sobre os estudos, de modo que o município esteja preparado para atender as demandas que um projeto dessa envergadura trará para nosso povo, hoje tão empobrecido. Desta forma é de fundamental importância o entendimento entre as entidades governamentais e os parceiros da iniciativa privada, garantindo a implementação de políticas públicas eficazes, que tragam soluções para os graves problemas que enfrentamos”.

Além do prefeito Newton Lima, participaram da solenidade de abertura dos trabalhos os secretários estaduais de Meio Ambiente, Eugênio Spengler, da Indústria Naval e Portuária, Carlos Costa e da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, Almiro Sena; a presidente da Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Turismo, a deputada Ângela Souza; o presidente da Bahia Mineração, Francisco Viveiros; os deputados federais Josias Gomes e Geraldo Simões; os deputados estaduais Rosemberg Pinto, Fátima Nunes e Ivana Bastos, que preside a Comissão Especial do Porto Sul e Ferrovia Oeste-Leste e a coordenadora de Licenciamento de Portos, Aeroportos e Hidrovias, Maiana Graciosa, secretária executiva da audiência.

Promotores e procuradores do Ministério Público Federal e do Estadual também participaram da audiência. Como parte da programação, as autoridades participantes da mesa de abertura do evento se colocaram a favor do projeto, assim como o prefeito Newton Lima. A audiência contou ainda com a apresentação técnica do projeto e debate aberto ao público. Após a audiência, o IBAMA tem um prazo de até seis meses para o parecer técnico.

A audiência em números – Considerada a maior audiência pública já realizada no Estado da Bahia, e uma das maiores do Brasil, o evento promovido no último sábado (29) pelo IBAMA chama a atenção pelos números. De acordo com a organização, 3.787 pessoas estiveram presentes ao Centro de Convenções, conforme assinaturas na lista de presença; 25 cidades foram representadas, 272 inscritos para questionamentos sobre o projeto, mais 13 horas de audiência, 10 mil lanches distribuídos, 10 mil refrigerantes, 4 mil litros de água, 900 litros de café e 8 mil frutas consumidas, além da atuação de 170 pessoas na equipe de apoio.