A cúpula da controladora da Bahia Mineração, a ENRC, estará em Salvador nesta segunda, para um encontro com o governador Jaques Wagner. Grande investidora mundial, a empresa explora uma mina de minério de ferro em Caetité e construirá o terminal privado do Porto Sul, em Ilhéus, que custará um bilhão de reais. Na comitiva, o principal acionista da corporação, o cazaque Alexandr Machkevitch, Felix Vulis, o presidente mundial do grupo, além de José Francisco Viveiros, presidente da Bahia mineração no Brasil.


DT