Mário Amorim.

O sindicalista Mário Amorim renunciou à presidência do PT de Ilhéus, na tarde de ontem (segunda, 16).

Segundo informações, ele buscava ter mais autonomia no comando do partido e travava uma constante quebra de braço com Everaldo Anunciação (membro do PT estadual ligado ao deputado federal Josias Gomes).

No último sábado, militantes e pré-candidatos a vereador do PT, ligados ao grupo do vereador Alisson Mendonça, foram impedidos de entrar na sede do partido. As chaves da sala não foram cedidas, irritando profundamente Mário Amorim, que decidiu pela renúncia.


No BLOG DO GUSMÃO