Condema discute a licença ambiental de sete empreendimentos
Vistoria do Ministério da Saúde aprova regionalização do Samu
Corrida da Gabriela será neste sábado na avenida Soares Lopes

***

Condema discute a licença ambiental de sete empreendimentos

Durante reunião extraordinária realizada na tarde desta última segunda-feira (03), no Salão Nobre do Palácio Paranaguá, no centro da cidade, o Conselho de Defesa do Meio Ambiente de Ilhéus (Condema) concluiu a análise de sete licenciamentos ambientais. Com a participação de 10 conselheiros e oito visitantes (representantes de empresas e consultores ambientais), a reunião ordinária foi a penúltima a realizada em 2012.
De acordo com o presidente da entidade, Cid Edson Póvoas, para este mês, mais uma reunião está agendada. Na próxima segunda-feira (10), será realizada reunião ordinária, também a partir das 17 horas, no auditório da Fundação Cultural. Na oportunidade será definida a formação da nova Câmara Técnica de licenciamento (CTL), um pedido de prorrogação de licença que não foi concluída pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema), além de eleição e posse do novo presidente, que ficará no cargo por um ano.
Durante a última reunião também está prevista a entrega dos certificados dos conselheiros que tiveram frequência a partir de 75% (setenta e cinco por cento) nas reuniões ordinárias deste ano. Na reunião da última segunda (3) foram renovadas as licenças dos empreendimentos da Sertenge, Moradas do Porto (Programa Minha Casa, Minha Vida), os condomínios verticais Mássimo e Beach Class (Cicon), Vitória Park, da SSN Incorporações e o da ZPE Bahia, referente ao projeto de implantação da Zona de Processamento de Exportação.
Também foram analisados os processos do condomínio Atlantis Residence, da Morelli Residence, com licenciamento aprovado e o do Areal Aliança, cujo processo foi devolvido à Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Sema) visando à realização de correções e colocação de novas informações feitas pela Câmara Técnica. O conselheiro José Nazal Soub, Coordenador da VII Câmara Técnica de Licenciamento (CTL) explica que, depois de publicada as resoluções do Condema a Sema emitem as licenças e o processo é encaminhado para as secretarias da Fazenda e do Planejamento visando à emissão dos respectivos alvarás.

Vistoria do Ministério da Saúde aprova regionalização do Samu

Na tarde desta segunda-feira (3) o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Ilhéus recebeu técnicos do Ministério da Saúde para uma vistoria em sua sede, localizada no bairro do Malhado. A vistoria faz parte do processo para a regionalização do serviço do Samu de Ilhéus. Segundo o diretor-administrativo, Edson Freitas, a visita foi bem sucedida e a regionalização para a sede de Ilhéus foi aprovada.
Ainda, segundo o diretor Edson Freitas, agora será gerado um relatório no qual os últimos ajustes deverão ser solicitados para a finalização do processo. Os técnicos do Ministério da Saúde também visitaram as cidades de Canavieiras e Itacaré. O objetivo é verificar as condições dessas cidades para aderirem a regionalização. Assim, é provável que estas duas localidades sejam as primeiras a serem reguladas pelo Samu Regional de Ilhéus. A previsão para o início da regulação nestes municípios seja em fevereiro.
A regionalização do Samu de Ilhéus atenderá uma área microrregional com 21 municípios beneficiando um total de 720 mil habitantes. Cidades como Canavieiras, Una, Itacaré e Valença fazem parte dessa microrregião. Todos os municípios integrantes receberão uma ambulância de unidade básica ou de unidade avançada. O Samu de Ilhéus realizará a regulação dos atendimentos nestes municípios, através da central de atendimentos 192.
A regionalização representa um grande avanço para a região, já que estas cidades não possuíam atendimento móvel de urgência, além da geração de empregos, destinação de mais verbas e estrutura para o Samu da cidade de Ilhéus. A regionalização do Samu é um projeto de âmbito nacional do Ministério da Saúde e que já ocorre também em outras regiões da Bahia, a exemplo de Eunápolis que é a cidade reguladora daquela região.

Corrida da Gabriela será neste sábado na avenida Soares Lopes

Ilhéus vai sediar no próximo sábado (8), a partir das 16 horas, a Corrida da Gabriela, um evento promovido pela Personal Club, em parceria com a Federação Bahiana de Atletismo (FBA), que tem o objetivo de promover o esporte e atrair novos praticantes. A corrida, que busca fomentar a modalidade no interior da Bahia atendendo à necessidade de disseminar a prática esportiva pelo estado, conta ainda com o apoio institucional da Sudesb, do Governo da Bahia e também da Prefeitura de Ilhéus através da Superintendência de Esportes.
A prova terá dois percursos diferentes, de 5 e 10 quilômetros, com largada e chegada nas proximidades da Catedral de São Sebastião, na avenida Soares Lopes. O percurso de cinco quilômetros será de uma volta pelas principais ruas do centro da cidade. Já o segundo percurso terá duas voltas. A coordenação da prova informa haverá postos de hidratação em todo o percurso, a cada 2,5 quilômetros e também na chegada. É obrigatório o uso de camiseta com o número de inscrição fixado e aberto na parte da frente do uniforme. O não atendimento desta obrigatoriedade implica na imediata desclassificação do atleta.
As inscrições para participar da prova foram encerradas nesta terça-feira (4), contando com um número expressivo de atletas de diferentes idades, oriundos das mais diversas cidades baianas. Serão premiados os cinco primeiros homens e mulheres vencedores na categoria geral. Todos os atletas que completarem a prova receberão medalhas de participação. A organização da prova informa que não haverá premiação pecuniária. Qualquer reclamação ou protestos deverá ser feito por escrito ao diretor da prova até 15 minutos após a divulgação do resultado oficial.