WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom ponte ilheus embasa secom bahia


Abril 2013
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  






:: 6/abr/2013 . 22:43

PSICOMUNDO – OS NEFASTOS SERVIÇOS DA EMBASA EM ILHÉUS

Para ler em TELA CHEIA clique onde estão as 4 setinhas (Lado direito).

Agrissênior Notícias – Nº 422 – 10 de abril de 2013

Para ler em TELA CHEIA clique onde estão as 4 setinhas (Lado direito).

AVENIDA ITABUNA – Descaso

Sr. Editor Roberto Rabat!

As coisas que acontecem na nossa cidade merecem ser analisadas, repensadas e, principalmente, levadas a sério.

A nossa Avenida Itabuna é uma das principais vias de acesso ao centro da cidade e imediações da Zona Norte.

Começaram a fazer um serviço que teve que retirar a camada de asfalto e esse serviço está por terminar e até o momento não foi realizado.

Nesta manhã ao passar por lá, uma das pistas estava interditada, pois ocorreu um desabamento e um enorme buraco foi aberto.

Ninguém sabe quando esta obra será terminada, se a prefeitura está fazendo o acompanhamento técnico e o porque de tanta demora na sua conduta.

Não se vê nenhum movimento dos comerciantes da área sobre o assunto, então ninguém está preocupado com os prejuízos decorrentes.

ZÉCARLOS JUNIOR

Final da enquete.

 Você acredita nova ponte centro Pontal via Gov. da Bahia?

  • Não; (74%, 247 Votes)

  • Sim; (26%, 87 Votes)

Votos: 334

Caro leitor,

Esse resultado exige nova enquete para dirimir dúvidas.

Nestante entrará outra e é importantíssima a sua participação.

Acho que entendí, mas é preciso confirmar.

Té+V e fique com DEUS (Sempre!).

Rabat

Maria Regina Canhos em: A intolerância

Venho atravessando uma fase muito difícil em minha vida e tenho repensado sobre algumas convicções que tinha, e que agora se revelam incertas. Uma delas é em relação ao amor. Amor tão decantado, mas tão pouco praticado entre nós. Tudo parece ter nome de amor. Egoísmo em nosso mundo é amor, amor próprio. Ciúme em nosso mundo é amor, amor posse. Intolerância em nosso mundo é amor, amor preconceito. Percebem? Tudo parece ser amor; mas não é! Amor é diferente. Amor escuta primeiro para depois aconselhar, avaliar a situação, orientar… Amor não despreza quem quer que seja; não exclui, não anula… Amor não julga, não sentencia, não condena… Amor acolhe!

Verifico que, mesmo dentro dos templos, os cristãos fingem um amor pelo seu semelhante que na realidade não possuem. Caluniam, falam mal por detrás, fofocam… Apedrejam outras tantas Madalenas e também homossexuais, esquecendo-se que Deus é Pai amoroso, cheio de compaixão com suas criaturas em quaisquer situações. Aliás, as pessoas hoje em dia já não sabem o que é certo ou errado; estão perdidas, desorientadas, vulneráveis em sua fé. Numa época em que tudo é possível, nunca se viu tanta intolerância. As posturas são belicosas e os ânimos beligerantes. Não se procura edificar, mas destruir. Nada de somar e sim dividir. A compreensão está descartada como forma de interagir com os pares, porque aparenta uma fragilidade que se contrapõe ao espírito guerreiro atual.

:: LEIA MAIS »

Marli Gonçalves em: Dancinha do tomate

Vou é inventar uma dancinha já já. Preciso ficar famosa. Aliás, precisamos. Mas o problema é que sempre é necessário fazer um vídeo, publicar no YouTube, cair na rede e rezar. Esperar “bombar”, uma coisa que ninguém sabe exatamente como ocorre, como é que algo se torna viral, e como se ganha algum com isso tudo – só o sucesso assim, seco, não vale. Vamos precisar marcar uma data, convocar um povo, irmos à praça pública, pensar no figurino, descolar uns brindes, umas gostosas… Quem topa?

Sou brasileira, portanto… É. Não desisto nunca. Mas não é só isso. Temos ginga, não? Somos um povo simpático, receptivo, criativo, espirituoso, rebolativo, e que sempre dá um jeitinho de passar um dia após o outro, deixar para depois até que o depois nos atropele e não preste socorro. Mas tudo bem. Otimismo! Somos maravilhosos, umas pitanguinhas.

Assim, resolvi pensar numa coreografia especial e peço a ajuda de todos. Imaginei começar algo bem para “cima”. Mãos ao alto, para lembrar como é legal ninguém mais conseguir sair tranquilo nem até ali. Elas, as mãos, ficam um bom tempo no alto, porque a gente vai fazer igual na política, e dividir nossos grupos em dois: Nós e Eles – chamemos assim. As mãos só se abaixarão quando o outro grupo recuar. E assim por diante.

Por sua vez, até que se afastem, os movimentos de mão desse grupo Eles serão bang-bang, simulando um bang-bang, com uma arminha de brinquedo, um explosivo, um rojão. É muito importante o uso das mãos nesse grupo que ataca. As mãos afanam, afagam, e tem uma líder que faz coraçãozinho toda hora com elas.

Os passos: o grupo Nós fica um bom tempo literalmente pisando no tomate – obrigatoriamente teremos de usar tomates cinematográficos porque o verdadeiro, vocês sabem, está pela hora da morte. Para entender esse passo, lembrem do Luis Vieira, do Luiz Gonzaga, daquele passinho miudinho, xaxado, atrás do tomate que foge, como se alguém o puxasse com uma cordinha, já que não dá para comprar nem ele. Sentiu o balanço? Mãos para o alto, mãos para trás.

:: LEIA MAIS »

Elias Reis fará representação no MP contra vereadores da Câmara Municipal de Ilhéus.

Diante dos absurdos que vem ocorrendo no legislativo ilheense, sem que ninguém tome qualquer providência ou se freie a baixaria parlamentar promovida por alguns dos supostos representantes do povo, o radialista ilheense, Elias Reis, estará nesta 2ª feira, 08, solicitando ao legislativo municipal, cópias de todas as Atas e áudios/vídeos das sessões ordinárias desde o último dia 19/02, as quais serão anexadas à representação que será entregue ao Ministério Público Estadual, na pessoa da Promotora Dra. Karina Gomes Cherubini, titular da 8ª Promotoria de Justiça de Ilhéus. A denúncia Também será apresentada a Comissão de Ética e Decoro Parlamentar, através dos seus representantes desta comissão permanente, em Ilhéus.

A falta de decoro parlamentar de alguns vereadores ilheenses já passa do ridículo e a conduta inadequada individual por chacotas, vocábulos impróprios, ofensivos, rudes, obscenos, agressivos e imorais precisam findar. Ofensas pessoais não condizem com o papel exemplar que se espera serem adotadas pelos políticos, representantes eleitos de sua sociedade. E, as formas inadequadas que vem sendo utilizadas por alguns vereadores não se enquadram, em nenhuma hipótese, por linguagem ‘popular’. É pura ofensa e desrespeito com a sociedade e os poucos que se presta a ouvir baboseiras de meia-dúzia de oportunistas. A coisa estar tão baixa no legislativo municipal ilheense, que até mesmo agressão física e ameaça de morte já ocorrerão. Tudo lavrado!

“O decoro parlamentar está descrito no regimento interno da casa. É inconcebível agentes públicos desrespeitarem o parlamento da forma que acontece e, fiquem impunes, afirma Elias Reis, que na peça judicial vai provocar intervenção do MP (já prevendo o corporativismo) para abertura de inquérito contra os despreparados políticos. Os abusos das prerrogativas dos vereadores ilheenses já passam do limite e, a proposição de perda de mandato (mesmo que temporário) se fundamenta na própria Constituição Federal”, pontua Elias Reis.

Com raríssimas exceções o que se vê no parlamento municipal ilheense, é uma verdadeira arena de ataques e agressões promovidas por excelências desprovidas de éticas, controle emocional e equilíbrio do psiqué.

Em tempo: Elias Reis é o mesmo que representou contra a Lei do Pai Nosso, em Ilhéus. Provocou o MP e derrubou a lei no Tribunal de Justiça.

Versículo do dia

Enviado por Helomar Duarte (PAPY).

Enviado por Helomar Duarte (PAPY).





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia