Girando




Busca por Data
outubro 2014
D S T Q Q S S
« set   nov »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Mês out/2014

Agência Câmara Notícias

Comissão aprova detenção de adolescente que cometer vandalismo

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado aprovou, na última quarta-feira (29), o Projeto de Lei 6100/13, do deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que amplia as possibilidades de apreensão de menores infratores, permitindo que a polícia detenha adolescentes por vandalismo e depredação de patrimônio público.
Zeca Ribeiro
Deputado Alexandre Leite (DEM-SP)
Leite: proposta pode contribuir para diminuir a sensação de impunidade percebida pela população.
O projeto altera o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA – Lei 8.069/90), que prevê a detenção apenas em casos de crime com violência ou de grave ameaça. Conforme a proposta, o menor que cometer ato contra a saúde, a paz e a incolumidade públicas – como incêndios e explosões – deverá ser apreendido. A apreensão poderá ser em caso de flagrante ou em circunstâncias que indiquem o crime a partir de confissão ou prova testemunhal.

Pelo texto, a autoridade policial também poderá apreender os produtos ou instrumentos da infração e requisitar exames ou perícia.

O parecer do relator, deputado Alexandre Leite (DEM-SP), foi favorável à proposta. Para ele, “a condição de pessoa em desenvolvimento, normalmente atribuída a crianças e adolescentes, não deve ser uma desculpa para o cometimento de crime”. Ele acredita que a proposta pode contribuir para “diminuir a sensação de impunidade percebida pela população”.

Tramitação
A proposta será analisada agora pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Depois, o texto segue para o Plenário.

Íntegra da proposta:

Reportagem – Lara Haje
Edição – Rachel Librelon

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura ‘Agência Câmara Notícias

 

ESTÁ CHEGANDO A HORA / POSTAGEM FIXA

Cartaz gabriela 2014

DO FUNDO DO BAÚ DE JOSÉ LEITE


1) MOVIMENTO PELA REABILITAÇÃO DO PADRE CÍCERO.
2) DIA DE FINADOS: DIA DE LEMBRAR DOS FAMILIARES E DOS AMIGOS QUE JÁ SE FORAM.
3) AS FOTOS DESTAQUES DA SEMANA.

•| MATÉRIA COMPLETA »

Enem

Forças Armadas apoiam MEC na distribuição das provas do Enem

Brasília, 31/10/2014 – Sob coordenação do 4º Batalhão de Infantaria Leve (4º BIL), situado em Osasco, na região metropolitana de São Paulo, 53 organizações militares do Exército Brasileiro manterão sob suas guardas as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), do Ministério da Educação. Ao mesmo tempo, militares e equipamentos da Marinha e da Força Aérea Brasileira (FAB) distribuirão esses exames em 62 localidades de difícil acesso na região amazônica.

O cronograma de guarda das provas e distribuição do material começa a ser deflagrado a partir das orientações repassadas pelo Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA). Nessa edição, que acontece nos dias 6 e 7 de novembro, o Enem contará com a participação de 8,7 milhões de candidatos.

“Após a mobilização das eleições, quando participamos com o apoio logístico e com a presença de militares na garantia da lei e da ordem (GLO), a missão de distribuição de provas do Enem consiste na nossa segunda mais importante mobilização”, explicou o capitão-de-mar-e-guerra Walter Marinho Sobrinho, da Subchefia de Operações do Ministério da Defesa.

Operação Enem

As provas do Enem, impressas em São Paulo, ficam sob o controle dos militares do batalhão de Osasco, que as distribuirão para outros quarteis da Força terrestre. O acordo com o ministério da Educação teve início em 2009 e tem por finalidade assegurar que os exames não cheguem às mãos indevidas ou sejam utilizados de forma criminosa.

Por sua vez, a Marinha e a FAB estarão transportando essas provas para 62 localidades de difícil acesso na Amazônia. Aeronaves e embarcações partem, em datas diversas (dependendo da distância e do meio de transporte empregado) das principais capitais daquela região, como Manaus, Belém, Porto Velho e Boa Vista, em direção aos mais longínquos rincões do país. A previsão de chegada aos seus destinos no dia 6 de novembro, devendo iniciar o percurso de retorno a partir de 10 de novembro.

Posse Rafa:: ILHEENSE QUE ORGULHA SUA TERRA

PARA LER EM TELA CHEIA CLIQUE ONDE ESTÃO AS 4 SETINHAS (LADO DIREITO).


Enviado por Heraldo Faskomy.

Maratona Fitness

A Maratona Fitness busca ofertar um dia voltado à prática de atividades físicas, ampliando a  integração entre estudantes e profissionais de educação física, alunos de academias,  industriários e familiares, praticantes de atividades físicas e admiradores. Objetiva promover  uma intervenção baseada na execução prática de diversas atividades físicas, características de  academia, como: step, jump, zumba, aerobox, Tae-bo, dança, hidroginástica e atividades  esportivas (futebol, vôlei de areia). Com essa atividade, cumprimos o propósito do SESI de  investir na qualidade de vida, por meio de vivências significativas, valorizando as nossas  instalações.
Data: 15/11/2014
A partir de 09h00 (manhã)
Local: SESI Ilhéus.
Endereço: Avenida Ferroviária, 315, Iguape.
Objetivo: Promover um dia voltado à pratica de atividades físicas, por meio de intervenções  como step, jump, aerobox, dança, hidroginástica e atividades esportivas.
Público: Industriários e dependentes, estudantes e profissionais de Educação Física e áreas  afins, praticantes de atividades físicas e admiradores.

Contatos: (73) 3639-9331/9308
À disposição!
Marcos Vicente Carvalho Santos
Qualidade de Vida
SESI Unidade Sul
Sistema FIEB/ www.fieb.org.br
(73) 3639-9323 / 3639-9308

mvicente@fieb.org.br

Hans Schaeppi em: H O T E L A R I A  E  T U R I S M O

por Hans  Schaeppi

Hans Schaeppi

ELA É DILMAIS!

     Como diz o jingle que fiz para a presidenta Dilma, “ela é Dilmais”. Apesar da PTfobia que estava tomando conta de muita gente, a presidenta ganhou as eleições até nas Minas Gerais, terra do candidato tucano. Não adiantou a sujeira jornalística da revista Veja, que vai responder a processo pelo seu ato vergonhoso. Para Ilhéus e a Bahia como um todo, foi um alívio. Pode-se dizer que nenhum, repito, nenhum município brasileiro foi tão agraciado pelo Governo Federal como Ilhéus. Repetindo as obras concedidas: Complexo Intermodal Porto Sul (com Ferrovia de Integração Oeste-Leste, dois portos Sul, aeroporto internacional, ZPE); Escola Técnica Federal, Hospital Regional, Universidade Federal da Costa do Cacau, ponte Ilhéus-Pontal, duplicação da rodovia Ilhéus-Itabuna e Saneamento Básico do Pontal. Ainda bem que Dilma venceu as eleições, pois não teremos mais o medo de que essas obras não se concretizassem.

TURISMO DE ESPORTES

     Um dos segmentos apontados pela OMT-Organização Mundial de Turismo, e que mais poderia desenvolver a atividade em Ilhéus seria o Turismo de Esportes. Com 86 quilômetros de praias, rios e a baía do Pontal, bastaria para que se desenvolvesse todas atividades afins, como a Pesca de Praia, Pesca Oceânica, corrida de regatas e de caiaques, surf, windsurf, stand up, e outras modalidades afins. Mas o fato, é que nada se faz. Itacaré e Canavieiras estão semanalmente nas manchetes dos jornais regionais, estaduais e nacionais. Na semana passada lemos que os municípios de Itacaré e Camaçarí ganharam do Governo Federal, em parceria com o Governo Estadual, embarcações de pesca oceânica construídos com recursos do FNE (Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste).

Porque será que IIhéus não se mexe? Será porque o Turismo não é prioritário? Ou falta competência de alguém, ou de muitos…?

OUTROS SEGMENTOS

•| MATÉRIA COMPLETA »

PSICOMUNDO <> COISAS QUE OS BRASILEIROS NÃO OLHAM COM ATENÇÃO <>

O mundo e as desairosas atitudes dos nossos governantes jamais serão modelos de exemplos que demonstre uma idéia que estamos caminhando para o Brasil do futuro, tendo como base um olhar com dignidade dentro dos meios aplausíveis de bem-estar social. São tantas coisas que acontecem no cotidiano da vida de muitos brasileiros e poucos param para refletir como andam os assuntos inusitados que denigrem a imagem humana e dão enormes prejuízos morais e materiais à nossa imensa população.

Se os brasileiros observarem realmente as atuações das classes políticas que continuam com as rédeas ansiosas do poder que os elevem a ter riqueza fácil. Sempre enganando de forma maquiavélica, privando à maioria dos pobres sobreviventes dessa nação dos benefícios básicos e transformam pessoas trabalhadoras em miseráveis cheios de agonias diárias.

No Brasil quem pratica corrupções e praticam atos ilícitos estão levando vantagens com as reinantes impunidades; os que praticam assaltos nos erários e enriquecem facilmente são liberados e vão para casa; e alguns até fazem queixas de que estão sofrendo e coitadinhos com pressão arterial sem imaginar que precisam tomar vergonha na cara e ser cidadão honesto e trabalhador. Quem não em nossa Terra não adquiriu os males de pressão alta?

Quando verificamos seres humanos trancafiados em presídio em Parnaíba, no Piauí, recebendo a sua alimentação em sacos plásticos; por onde andam os recursos administrativos e financeiros desse Estado? Ficamos imaginando também como vivem esses detentos dentro dessa prisão; e muito mais como podemos esperar a recuperação dessas pessoas!

•| MATÉRIA COMPLETA »

100 ANOS DA BANDA FILARMÔNICA Lyra Popular de Belmonte


Enviado por José Rezende Mendonça.

Quem iria imaginar … rs


Enviado por Marcelo Ribeiro.

Premiação do Festival Anual da Canção Estudantil encerra encontro estudantil com Saulo Fernandes

Depois de três dias intensos de exposições, oficinas, cursos, competições esportivas, produções literárias para mais de 20 mil alunos da rede estadual, a realização da sétima edição do Festival Anual da Canção Estudantil (Face), na noite desta quinta-feira (29), concluiu a programação do 3ª Encontro Estudantil Todos Pela Escola, organizado pela Secretaria estadual de Educação (Sec). Os selecionados para a final, que aconteceu em um palco montado no gramado da Arena Fonte Nova, apresentaram suas músicas e o público que participava do evento ainda pôde curtir um show do cantor Saulo Fernandes, enquanto os jurados escolhiam os melhores da noite.

Foram 15 canções selecionadas para serem apresentadas em Salvador e o grande destaque da noite ficou com o estudante de 19 do município de Teixeira de Freitas, Roberto Clarisseau Marcial Neto. Acompanhado do seu violão, ele tocou e cantou a música “O jovem nordestino”, de autoria própria. Para o jovem, essa experiência vai além de ter sido escolhlido em primeiro lugar. “Eu não ganhei aqui no palco, eu ganhei muito antes, desde quando cheguei aqui em Salvador para os ensaios, conhecer todo mundo que participou, a diversidade cultural da Bahia, chegar aqui e poder aprender tudo isso foi o real prêmio”, explicou o vencedor.

As apresentações da noite foram abertas por volta das 19h desta quinta (30) na Arena Fonte Nova com shows dos vencedores do Face do ano passado, para depois passar os microfones para os competidores do festival, que em 2014 completa sete edições. Enquanto os jurados decidiam os ganhadores da noite, o público formado por estudantes, professores e profissionais da educação assistiram a um show do cantor Saulo Fernandes. Saulo chegou um pouco antes e acompanhou parte das apresentações e elogiou os estudantes. “Eu estou encantado, principalmente com o texto, essa é uma oportunidade de encontrar esse elo entre a arte e educação, e eu acredito nisso, no poder transformador da música”.

3º Encontro Estudantil Todos Pela Escola – A iniciativa da Secretaria estadual de Educação reuniu, entre os dias 28 e 30 de outubro, projetos das mais diferentes expressões artísticas e intelectuais com mais de vinte mil alunos da rede estadual em espaço que foi montado na Arena Fonte Nova, em Salvador. Durante os três dias do evento os estudantes participaram de uma programação que incluiu exposição da 7ª Mostra do Artes Visuais Estudantis (AVE), Terceira Aventuras Patrimoniais do Educação Patrimonial e Artística (EPA), 6º Sarau Estadual do Tempos de Arte Literária (TAL). entre muitas outras ações.

Fotos do festival neste link: http://www.secom.ba.gov.br/galeria/9264/Encerramento-do-3o-Encontro-Estudantil-Todos-Pela-Escola.html]

Secom  – Secretaria de Comunicação Social – Governo da Bahia

ESCOLA SANTA CECÍLIA

À mestra com carinho!

Professora UZULEIKA SILVA.

100 anos de vida.

PROFª. UZULEIKA SILVA

Quantos anos se passaram. Lembro-me perfeitamente do meu primeiro dia de aula na Escola Santa Cecília. A sala de aula  ficava logo na entrada da casa. As mesinhas com quatro cadeiras, estavam todas arrumadas para receber os pequenos alunos, início de uma vida escolar.

A escola funcionava na casa das Silva, à Rua Manoel Vitorino, 189, hoje Rua D. Valfredo Tepe, e está gravado na parede da frente o ano de 1929.

Para nos receber à porta estava a mestra UZULEIKA SILVA. Corpo franzino e atenta a todos os alunos para o início do ano letivo.

Ninguém conhecia ninguém, todos olhando um para o outro, mas a mestra estava por perto animando o ambiente.

Não me lembro de nenhum colega chorando após o pai deixar na escola, ficamos todos quietos, como se estivéssemos aguardando o que viria a seguir.

Mas o que ficou de verdade, foi o meu primeiro contato com uma professora, com uma mestra da qualidade da Professora Uzuleika Silva.

Filha de Augusto Juvenal da Silva e Maria Alves da Silva.

Como irmãos e irmãs: Mário, Álvaro, Sílvio, Osvaldo, Alina, Rosa, Isaura, Georgina, Urânia, Thilda, Maria Augusta.

Dessa turma tive já como adulto contato mais próximo com o amigo de meu pai SÍLVIO SILVA, eram como carne e unha, andavam juntos, participavam das entidades sociais juntos, enfim, eram grandes amigos e parceiros.

Sílvio Silva foi funcionário da Receita Estadual, diretor do Clube dos Comerciários, presidente da Liga Ilheense de Futebol e diretor do Tiro de Guerra 240. Até hoje guardo a minha carteira de atirador com a sua assinatura.

Neste 01 de novembro, minha primeira professora UZULEIKA SILVA, faz 100 anos, grande parte da vida dedicada ao ensino e que teve participação na formação escolar de inúmeras pessoas da nossa cidade.

As Silva, como eram carinhosamente chamadas as irmãs de Professora Uzuleika, também tiveram importante presença na vida social de Ilhéus.

A ESCOLA.

FOTO ESCOLA SANTA CECÍLIA 2014_ANO 1929Tentei fazer uma visita à minha professora, infelizmente não logrei êxito, mas o sentimento não pode parar e fui até a porta da minha primeira escola – Santa Cecília, e lembrei-me das mesinhas e das quatro cadeiras e, claro, da minha mestra Uzuleika.

A casa onde funcionou a escola fica bem ao lado da Praça Castro Alves, ou Praça da Irene como também é conhecida.

Agradeço a DEUS ainda por ter a oportunidade de escrever algumas linhas sobre esta importante cidadã ilheense.

OBRIGADO minha mestra! Parabéns pelos seus 100 anos.

ZÉCARLOS JUNIOR

A festa de Todos os Santos, uma chance para testemunhar a esperança cristã

O grande número de mártires que a perseguição de Diocleciano produziu, fez que a Igreja instituísse uma festa para comemorar os santos ‘anônimos’

Em uma sociedade que tende a evitar a questão da morte, a festa pagã do Halloween pode ser uma ocasião propícia para testemunhar a alegria do Evangelho e da esperança cristã.

Assim, em países de tradição católica, a solenidade de Todos os Santos é comemorada no dia 1 de novembro para destacar a vocação universal dos cristãos à santidade. Neste dia a Igreja comemora todos os santos que não têm uma festa própria no calendário litúrgico.

O grande número de mártires cristãos que a perseguição de Diocleciano produziu (284-305) levou a Igreja no século IV a estabelecer um dia para comemorá-los, já que o calendário não era suficiente para dar a cada um o seu. A primeira data era 21 de fevereiro.

Mas em 610 a festa litúrgica dos Santos mudou para 13 de maio, dia em que o Papa Bonifácio IV consagrou o Pantheon romano, onde se honravam os deuses pagãos, como templo da Santíssima Virgem e de Todos os Mártires.

Há pouco mais de cem anos depois, Gregório III (731-741) a transferiu para o 1 de novembro, em resposta à celebração pagã do Ano Novo celta ou “Samagin” – agora chamada Halloween – , na qual se festejava a noite do 31 de outubro, acreditando que ocorria a abertura entre o mundo material e o das trevas, e que os mortos viessem visitar os vivos.

Mais tarde, Gregório IV (827-844) estendeu a celebração do 1 de Novembro para toda a Igreja. Neste dia os cristãos homenageiam os santos “anônimos”, pessoas que viveram a serviço de Deus e de seus contemporâneos.

Neste sentido, é a festa de todos os batizados, que são chamados por Deus à santidade. A celebração termina, portanto, com um convite à experimentar a alegria daqueles que colocaram Cristo no centro de sua vida.

(Fonte: Zenit.org)

Em movimento contra a homofobia, homens vestem saia na Uesc

A hora do almoço na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) nesta quinta-feira foi diferente! Unidos por uma luta necessária, vários estudantes realizaram o Movimento Pró-saia, em que homens e mulheres vestiram saias, e proclamaram palavras de ordem.
O ato, organizado pelo Coletivo Aqui Há Voz, pelo Coletivo LGBT Flores Astrais e pelo Centro Acadêmico de Comunicação Social, se intensificou após a morte violenta de Lucas Fortuna, militante das causas LGBT, em 2012. O objetivo é dar um basta à homofobia, que mata uma pessoa a cada 26 horas no Brasil.
Na realização do movimento, que aconteceu no Restaurante Universitário e nos principais pavilhões da instituição, das 12h às 13h, diversos casos de crime por homofobia foram gritados, além do cobrança imediata da aprovação do Projeto de Lei 122, que criminaliza a homofobia no país.
“O ato de vestir saia é se propor a estar no lugar do outro, transgredir o próprio gênero, desfazer padrões impostos pela sociedade, e se colocar no lugar das vítimas de LGBTfobia que recebem olhares e comentários maliciosos todos os dias”, disse Suama Reis, uma das organizadoras do movimento.

 

Fotos: Centro Acadêmico de Comunicação Social.

por Pablo Brandão

Aprendeu com a prefeitura?

Ontem o  transformador aqui da frente  pipocou.

Foi um susto danado de grande.

Mais de 12 horas depois.

Os vizinhos começaram a ligar. Uns conseguiram e outros desistiram.

Acontece que foi, se não me falha a memória, um pouquinho depois das 20 horas de ONTEM (30 10 2014).

O movimento de noite, aqui na rua, cai muito. Tem horas que demora uma semana para passar um carro. Os ônibus que circulam são  aqueles de horário ‘cravado’ e nada de horários intermediários.

Assim como a Prefeitura escolhe os piores dias da semana e os horários mais inconvenientes para mexer nas coisas da cidade (lembrem do asfaltamento numa sexta feira, na direção da ponte) a tal da empresa terceirizada da COELBA deixou para trocar o transformador hoje pela manhã. Desnecessário dizer os transtornos para os moradores que ficaram sem a energia elétrica de ontem até agora, motoristas, transeuntes que gostariam de começar o dia em paz etc etc etc …

Praticamente (se não estiver errado) mais de 12 horas sem energia.

Por que CARvALHO não fez essa troca ontem? Não adianta alegar segurança porque já fizeram o mesmo serviço, pela noite, sem nenhuma dificuldade e todo mundo aqui da rua gostou.

Apenas para registrar: Os funcionários que trabalharam na troca do transformador são bons pra caramba principalmente  o que fica guiando o ‘muque’ do caminhão.

 

PISEAGRAMA LANÇA CAMPANHA DE FINANCIAMENTO COLABORATIVO

Primeira revista sobre espaços públicos no Brasil completa três anos, lança número sobre agricultura e meio ambiente e inicia campanha no Catarse.

PISEAGRAMA é uma revista sobre espaços públicos: existentes, urgentes e imaginários.

Semestral, a revista articula e reúne as artes, a política e a vida cotidiana, publicando boas histórias, ensaios críticos, jornalismo literário, proposições e práticas espaciais, para discutir nossas cidades, sua relação com o meio ambiente, a maneira como vivemos e nos relacionamos.

Financiamento colaborativo: um novo modelo de viabilidade

Apesar dos centros urbanos estarem cada vez mais em pauta, não há, no país, nenhuma outra revista inteiramente dedicada aos espaços públicos, à relação que estabelecemos entre urbanidade e recursos naturais e, de forma mais ampla, à vida compartilhada na cidade. “A reflexão sobre o espaço público costuma ficar restrita às ciências sociais, ao urbanismo e às reclamações cidadãs nos cadernos sobre cidades dos jornais locais, o que talvez diga algo sobre a falta de imaginação com que são produzidas e geridas as cidades no Brasil”, afirmam os editores em sua página no Catarse, mecanismo de financiamento colaborativo que vem tornando possíveis muitos projetos culturais pelo Brasil.

catarse.me/piseagrama

“Acreditamos estar preparados para dar um salto e continuar a revista em estreita relação com os leitores”, afirma Roberto Andrés, professor de arquitetura na UFMG e um dos editores da revista. A proposta é simples: o apoiador é mais que um simples apoiador. Ele se torna assinante, recebendo as duas próximas edições em casa com 20% de desconto. “Foi a maneira que encontramos não só para viabilizar a revista, mas também para consolidar uma rede de leitores que garantam nossa existência a médio prazo”, explica Fernanda Regaldo, também editora. Muito mais do que recursos, a campanha no Catarse gera o público necessário para que a publicação aconteça e possa seguir adiante.

Cultivo: a cidade o meio ambiente

•| MATÉRIA COMPLETA »

CENTRO MÉDICO DE ILHÉUS / RETRATAÇÃO PÚBLICA

PARA LER EM TELA CHEIA CLIQUE ONDE ESTÃO AS 4 SETINHAS (LADO DIREITO).

SOU VASCAÍNO

Aos meus amigos vascaínos!

E toda galera ilheense!

Candidata ao título de MUSA DO VASCO. Imagem de fundo: Internet.

Candidata ao título de MUSA DO VASCO. Imagem de fundo: Internet.

A nossa amiga DANI SENA, bela ilheense, empresária da moda e candidata ao título de MUSA DO VASCO.

Os vascaínos que quiserem apoiar a Dani é só entrar no face e votar no seu nome.

Com certeza vai ser uma representante à altura da tradição vascaína.

No próximo domingo estará se apresentando no programa Domingo Legal do SBT.

ZÉCARLOS JUNIOR

Cabarés dos anos 30 são tema do novo espetáculo de Sôanne Marry

A Cia. de Dança Sôanne Marry traz a atmosfera sensual e boêmia dos cabarés da década de 1930, em seu novo espetáculoMaria Moçoila. A estreia está marcada para as 20 horas do próximo dia 21 de novembro, na Tenda Teatro Popular de Ilhéus. No dia 22, o musical será reapresentado no mesmo horário. Segundo a diretora e coreógrafa Sôanne Marry, o musical recria o glamour das noites de um bordel, através de coreografias de balé moderno.

Maria Moçoila - foto Sôanne Marry (2)

Maria Moçoila – foto Sôanne Marry (2)

A inspiração para Maria Moçoila veio das biografias de Noel Rosa, Dalva de Oliveira, Nelson Gonçalves entre outros cantores e músicos que misturavam romantismo e boemia. Outra base para o espetáculo foi o filme L’Apollonide – Os Amores da Casa de Tolerância do diretor francês Bertrand Bonello.  “O musical mescla ficção e realidade, o antigo e o contemporâneo, retratando o cotidiano das ninfetas”, adianta a diretora.

Entre coreografias românticas e sensuais, Maria Moçoila revela ainda os amores da casa de tolerância, onde alguns homens se apaixonam, enquanto outros se tornam viciosamente dependentes. O musical ainda mostra como as garotas chegam tímidas e logo aprendem o ofício, dividindo seus segredos, medos e dores.

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa)

Campanha de vacinação contra febre aftosa começa dia 1º de novembro
Meta é vacinar cerca de 150 milhões de cabeças em todo o país
Brasília(30/10/2014) – A segunda etapa da Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa 2014,  conduzida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), por meio da Secretaria de Defesa Animal (SDA) e das Superintendências Federais de Agricultura (SFA),  em conjunto com os serviços veterinários estaduais, terá início,  na maioria dos estados brasileiros, no dia 1º de novembro, próximo sábado. A primeira etapa da campanha ocorreu  no primeiro semestre deste ano.

A meta é vacinar aproximadamente 150 milhões de bovinos e bubalinos. Em 14 estados – Acre, Alagoas, Amazonas, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Piauí e São Paulo – a vacinação deve ser feita em todo o rebanho de bovinos e bubalinos. Em  Roraima a campanha está sendo finalizada e em Rondônia teve início na metade do mês de outubro.

Nos estados da Bahia, de Goiás, de Mato Grosso do Sul, de Minas Gerais, do Rio de Janeiro, do Rio Grande do Sul, de Tocantins, de Sergipe e no Distrito Federal, a vacinação deve ser feita nos animais com idade abaixo de 24 meses. Já no Amapá, ocorrerá a primeira vacinação anual de todo o rebanho. O estado de Santa Catarina não está inserido no calendário,  por já ser reconhecido como zona livre de febre aftosa sem vacinação.

Durante a primeira etapa da Campanha de Vacinação contra a Aftosa, 97,55% do rebanho brasileiro foi vacinado. Até o final de 2013 a população total de bovinos e bubalinos era de 212,4 milhões de cabeças.

Após a vacinação dos animais, o produtor deve apresentar a relação dos animais vacinados e a nota fiscal da vacina nos escritórios do serviço veterinário oficial,  para comprovar a vacinação do rebanho.  Os serviços veterinário estaduais têm o prazo de 30 dias para encaminhar ao Ministério da Agricultura o relatório das atividades da campanha de vacinação contra a doença.

A febre aftosa é uma doença viral, altamente contagiosa, que afeta animais de casco fendido, como bois, búfalos, cabras, ovelhas e porcos. A enfermidade é transmitida principalmente pelo contato entre animais doentes e sadios. O vírus também pode ser transportado pela água, ar, alimentos, pássaros e pessoas (mãos, roupas e calçados) que entraram em contato com os animais doentes.

Clique aqui para saber os procedimentos corretos para a imunização do rebanho e e aqui para ver o calendário de vacinação.

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 ... 18 19 20 Próximas