Girando




Busca por Data
julho 2017
D S T Q Q S S
« jun    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Dia 2/jul/2017

Após correria no interior, Rui participa de todos os atos do 2 de Julho

As comemorações pelos 194 anos de Independência da Bahia se estenderam na tarde deste domingo (2). Depois de uma intensa agenda de trabalho no interior, quando visitou cinco cidades em cinco dias, o governador Rui Costa participou de todos os atos do 2 de Julho em Salvador. Pela manhã, ele marcou presença no Largo da Lapinha, com o hasteamento das bandeiras do Brasil, da Bahia, de Salvador e do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB), e seguiu no cortejo pelas ruas do Centro Histórico.

Foto_Carol Garcia_GOVBA

O primeiro ato da tarde foi no 2º Distrito Naval, no bairro do Comércio, de onde Rui acompanhou o hasteamento das bandeiras do Brasil e Bahia no Forte São Marcelo e a queima de fogos, como parte das homenagens aos heróis da Independência. Na ocasião, o governador destacou a participação popular nos festejos.

“Os ideais do 2 de Julho permanecem hoje: de liberdade, independência e crescimento que gere emprego e renda para o nosso povo. Eu acho que o 2 de Julho nunca esteve tão atual. Por isso essa multidão está aqui nas ruas. Viva a Bahia! Viva o 2 de Julho!”, afirmou Rui.

Do Comércio, o governador seguiu para o Campo Grande, onde aguardou a chegada dos carros com as imagens dos caboclos, acompanhados por diversas fanfarras, filarmônicas e outras manifestações culturais. No local, foi realizada a execução dos hinos nacional e da Bahia, além do acendimento da pira com uma tocha, que percorreu diversas cidades do Recôncavo Baiano.

Já nesta segunda-feira (3), Rui viaja para Senhor do Bonfim, no centro norte do estado. Até o fim de julho, o governador pretende completar 300 viagens ao interior da Bahia. Até o momento, já foram realizadas 287 viagens e visitados 157 municípios.

Na Lapinha, Rui afirma que é “preciso reconstruir os pilares que fundamentaram o 2 de Julho”

Já são 194 anos desde a Independência da Bahia, mas o orgulho pela conquista só cresce com o passar do tempo. Uma das mais importantes datas do calendário baiano, o 2 de Julho atrai milhares de pessoas para as ruas de Salvador. O governador Rui Costa participa dos festejos, iniciados em frente ao panteão, no Largo da Lapinha, com o hasteamento das bandeiras do Brasil, da Bahia, de Salvador e do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB).

Foto_Manu Dias_GOVBA

Para Rui, o contexto socioeconômico atual do Brasil reforça a importância da data. “O 2 de Julho nunca esteve tão atual. O povo baiano consolidou a democracia e a independência do Brasil com o 2 de Julho. Hoje é preciso retomar o crescimento econômico. É preciso retomar o caminho do Brasil. O povo brasileiro já sofreu demais e está exausto; há três anos vivendo uma crise dessa proporção. Chegou a hora da virada. Chegou a hora de reconstruir os pilares que fundamentaram o 2 de Julho”, afirmou Rui

Neste domingo, o 2 de Julho pinta as ruas da capital com as cores do estado e do país, atraindo pessoas de todas as idades para o cortejo cívico. Ainda na Lapinha, o governador depositou flores no túmulo do general Labatut, um dos heróis da independência e líder do exército pacificador que garantiu a vitória da Bahia contra as tropas portuguesas na histórica Batalha de Pirajá.

Filarmônicas e manifestações populares desfilaram com apoio da Funceb

A participação no desfile do 2 de Julho abre oficialmente as ações da SecultBA no mês da Independência da Bahia

2deJulho_FotoLucasRosario

O sol raiou a 2 de Julho. Organizações, manifestações culturais, gestores e representantes da população de Salvador que cultivam a data magna do estado se concentraram no Largo da Lapinha, de onde partiu no início da manhã o Cortejo que rememora as lutas definitivas pela independência do Brasil na Bahia. Um pouco antes de 9h, autoridades do governo do Estado, secretarias e suas entidades vinculadas iniciaram o trajeto em celebração aos 194 anos destas lutas. No caminho o cortejo ganhou a adesão do Caboclo e da Cabocla, ícones das batalhas travadas, seguindo para o Terreiro de Jesus no Centro Histórico.

•| MATÉRIA COMPLETA »

ESCULAMBOU GERAL VII

Hélio Luz, delegado foi chefe da policia civil do estado do rio de janeiro  na década de 90, em 1996 criticou a estrutura dos sistemas policiais do Brasil, afirmando que a policia foi criada para ser corrupta. PQP, foi um deus nos acuda.
Comentando  as  ações promovidas pelo Estado na busca de um inimigo, Hélio afirma categoricamente,eles não são inimigos do Estado, eles são integrantes do Estado, acontece que eles foram marginalizados. O Estado criou estes caras. É produto direto do que nós fizemos. E se alastrou na terras brasilis.Esta é a face cruel da desigualdade. Precisamos conhecer mais o Hélio.
Contratado por Michel, Ricardo Molina pode parar no banco dos réus. Delegados da Polícia Federal querem que o órgão processe o perito por acharem que ele – “sem elementos” – desqualificou a gravação feita pelo empresário Joesley Batista.  Molina insinuou para jornalistas uma “alta incidência” de problemas no áudio,com certeza o chefe da poliça também será processado,pois através de sua defesa Michel,pede  que peritos da PF. respondam a questionamentos sobre o áudio,claro, na mesma linha do seu perito.
Facchim, enviou a denúncia do presidente para a câmara, logo   a tartaruga amazônica(tem o pescoço tipo anzol), costurou a 1ª sessão das dez necessárias,conforme o rito .Apareceu CELSO JACOB, deputado do PMDB do Rio de Janeiro,condenado a 07 anos se prisão , por falcatruas cometidas quando prefeito de Entre Rios, cidade daquele estado. O presidiário,comparece, vota nos colegas e  depois retorna para cadeia.
Essa porra pode dar certo .
São decisões do Judiciário, com respaldo jurídico.O STF essa semana deu espetáculos homéricos:  Elogiado ao extremo pelo Marco Aurélio ,Aécio ficou em liberdade e pode assumir seu cargo no senado.Facchim solta  o Loures(a gazela da mala). Aos elogios ditados pelo Marco Aurélio, eu respondo: Você  com respaldo jurídico, recoloca no senado um FDP mentiroso,canalha, ladrão e assassino. Quanto ao Facchim, espero que ele mande  devolver os 35 mil que o LOURES mandou por engano para a justiça, para que a justiça seja de fato perfeita.
Enquanto isso na republica de Curitiba, 0s percuradores, Fernando e Delta vociferam contra decisões do STF,como o Durango Kid, estão longe dos holofotes o ego tá em baixa . Mas eles vão aparecer,quem procura acha…
…….
TONHODEMACUCO
 JULHO/2017
http://www.r2cpress.com.br/v1/2017/06/25/esculhambou-geral-vi/

Avançar e degolar

No GOTAS DE PAZ

ILHÉUS / Corrida do Fogo 2017

PARA LER EM TELA CHEIA CLIQUE NAS DUAS SETINHAS.