WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


Fevereiro 2018
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  






:: 8/fev/2018 . 17:29

Roubo no Condomínio Sol e Mar

SEGUNDO UM MORADOR, QUE PROCUROU A REDAÇÃO DO R2CPRESS, A QUADRA A ERA TRANQUILA ATÉ CHEGAR UM NOVO MORADOR.

NO BLOCO 1, QUADRA A, APARTAMENTO 3, O MORADOR QUE TRABALHA VIAJANDO E SÓ VOLTA PRA SUA CASA DE 15 EM 15 DIAS, TEVE VÁRIOS PERTENCES  ROUBADOS (TV, VENTILADOR, BOTIJÃO), PROVAVELMENTE ENTRARAM PELA JANELA DA COZINHA E SAÍRAM PELA PORTA DA FRENTE.

NOSSA COMUNIDADE PEDE SOCORRO!

COMÉRCIO DE ILHÉUS VAI FUNCIONAR EM HORÁRIO ESPECIAL NO CARNAVAL

Nesta quarta-feira (7), o Sindicato do Comércio Varejista de Ilhéus (Sicomércio) divulgou os horários em que o comércio vai funcionar durante o período de Carnaval.

Nesse sábado (10), o comércio vai funcionar em seu horário normal. Já na segunda-feira (12), por não ser feriado, os estabelecimentos vão funcionar conforme os critérios de cada empresa.

Na terça-feira (13), o comércio não vai funcionar. Na quarta-feira (14) de cinzas, as empresas poderão abrir entre as 8 e as 11 horas.

PRF VAI INICIAR OPERAÇÃO CARNAVAL 2018 NAS ESTRADAS DA BAHIA

Nessa sexta-feira (9), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai iniciar a Operação Carnaval 2018 nas estradas federais que passam na Bahia. O objetivo é reduzir o número de acidentes nas estradas no período dos festejos momescos. A ação vai continuar até a quarta-feira (14) de cinzas.

A PRF estima um aumento de cerca de 40% no fluxo de veículos nos dias de maior movimentação, na saída: sexta e sábado; e no retorno: terça e quarta.

Segundo a PRF, um dos motivos para o aumento no número de acidentes no período do Carnaval é o abuso de bebidas alcoólicas. O motorista que for pego com qualquer indício de consumo de álcool poderá receber uma multa no valor de R$ 2.934,70, além de ter a carteira suspensa e ser proibido de seguir com a viagem.

A Polícia Rodoviária Federal vai montar um esquema especial de policiamento nas BRs 324, 116, 101, 135, 242 e 020. Em determinados trechos, a PRF contará com o apoio de Grupos de Operações Especiais e Motopoliciamento que terão o auxílio de radares portáteis e fotográficos.

A operação também tem o intuito de coibir o excesso de velocidade e ultrapassagens proibidas, além de intensificar a fiscalização das motocicletas, do uso do cinto de segurança e do transporte seguro de crianças.

E NÓS, FICAMOS A VER NAVIOS?

Anísio Cruz – fev 2018

Não tenho ido frequentemente ao centro, mas as notícias que recebo, dão conta de que milhares de turistas estão a desembarcar dos navios que aportam na nossa cidade. São eles oriundos de diversas nações americanas e europeias, principalmente, que circulam trôpegos pelas ruas, em busca de atrativos. Câmeras e celulares em punho, fazem os seus registros para guardarem consigo, as lembranças da efêmera passagem pela velha capitania fundada em 1536, na época das Capitanias Hereditárias. 482 anos, portanto, do que seria uma história rica, recheada de construções coloniais, não fosse a ação dos temidos Aimorés, que aqui habitavam, sabe-se lá desde quando. Pouca coisa sobrou para marcar a história da Vila de S. Jorge, e o melhor exemplar, parcialmente preservado, é a Igreja de S. Jorge, que estranhamente não é seu padroeiro, posto destinado a N. Srª das Vitórias, cuja capela situa-se no alto do mesmo nome, dominando a paisagem.

Na verdade, os nossos visitantes nem se dão conta dos detalhes históricos, que nos contam os livros, como o de Silva Campos, por exemplo. Eles, os turistas, estão mais interessados em coisas mais recentes, quase sempre vinculadas ao escritor Jorge Amado e seus romances que percorreram o mundo, traduzidos em vários idiomas. Buscam para seus registros, lugares como o Bataclan, e o Vesúvio, vizinho da monumental Catedral de S. Sebastião, e a sua Arquitetura inconfundível, todos eles do século passado, no início do ciclo da cacauicultura, cuja saga serviu de mote ao consagrado escritor. Da mesma época, alguns casarões dos coronéis do cacau, que ostentam a vida faustosa que possuíam os reis do cacau, que dominaram (ou será que ainda dominam?) a velha Capitania. O recuperado Cine Theatro Ilheos, localizado bem próximo, que sempre abre assuas portas para visitação, e a Casa de Jorge Amado, com o seu acervo de objetos pessoais, e manuscritos diversos. Bem próximo, o palacete Marquês de Paranaguá, sede da Intendência nos primórdios da cidadania, a Associação Comercial, e também no polígono do “quarteirão Jorge Amado”, o palacete do afamado Misael Tavares, um dos protagonistas mais conhecidos dos romances. Lá no alto, o Convento N. Srª da Piedade, das irmãs ursulinas, o mais importante exemplar gótico do interior da Bahia, domina a paisagem. De lá, uma ampla visão do recortado litoral ilheense, enseja belas fotos. Bem ao lado, a antiga Casa do Bispo, necessitando reformas. Mas há muitos outros atrativos para a curta parada dos nossos visitantes, aqui nas “terras do sem fim”, como os 86 Km de lindas praias, e suas barracas, onde servem os frutos do mar, tão do agrado de quantos nos visitam. A Lagoa Encantada, e seu esplendoroso espelho d’água, abastecido por algumas cascatas, bem que poderia ser mais valorizada, mas quase não faz parte dos roteiros dos guias, que preferem passeios mais curtos. Com tal descaso, a antiga Vila de Olivença, com as suas belezas naturais degradas por ocupações predatórias, e a capela de N. Srª da Escada, além do Balneário do Tororomba, único à beira mar a possuir águas medicinais, carecendo de mais divulgação. Fechando o circuito, a também antiga da Vila de Santana, situada num antigo Engenho, que pouca coisa guarda da sua rica história. :: LEIA MAIS »

INICIADA A CONSTRUÇÃO DO ACESSO NORTE DA NOVA PONTE DE ILHÉUS

O Governo do Estado iniciou a implantação  do Acesso Norte da nova ponte Ilhéus-Pontal, um trecho de cerca de mil metros  de pista, paralelo às avenidas Soares Lopes e 2 de Julho, no centro da cidade. A intervenção faz parte do complexo viário da nova ponte, que terá também o Acesso Sul, através do bairro Pontal, num total de  2,7 quilômetros.

Por conta da obra, caçambas, pás carregadeiras e retroescavadeiras estão sendo utilizadas no local, causando alterações pontuais no tráfego na área. Para orientar os moradores e visitantes de um dos principais polos turísticos da Bahia a Superintendência de Infraestrutura, órgão da Secretaria Estadual de Infraestrutura, e a Superintendência Municipal de Transito de Ilhéus realizam um trabalho conjunto que inclui pessoal de apoio e placas de sinalização. Também foi disponibilizado o telefone (73) 3234 2450 para atender a comunidade.

A NOVA PONTE

A nova ponte, com investimentos de R$ 99,6 milhões tem o objetivo de desafogar o trânsito na área central de Ilhéus, que sofre com grande congestionamento nos horários de pico, impactando o turismo durante a alta estação. A obra está com 32,15% do projeto executado.

Será a primeira ponte estaiada da Bahia, com  533 metros de comprimento e 24,6 metros de largura e contará com passeio, canteiro central, pistas duplas nos dois sentidos e uma ciclovia. Serão 298 metros de trecho estaiado, com estrutura sustentada por cabos. Os 235 metros restantes serão formados por conjunto armado.

 

LUIZ CASTRO EM: DECOLOLRES

POR QUE TANTAS RELIGIÕES?

A religião é um conjunto de ensinamentos sobre o relacionamento do homem com as divindades. O homem sempre se argüiu com questões existenciais. Quem sou eu? O que estou fazendo aqui? Para onde vou? Deus existe? Qual o sentido da vida?

O homem nos primórdios da historia humana, numa perspectiva animista, acreditava que o sol, a lua, as estrelas tinham espíritos, isto é, o cosmos seria povoado por vários deuses (politeísmo).

Ao lado dos sistemas religiosos politeístas, o homem passava acreditar em um ser superior; Deus (monoteísmo) que é amor: bondade, tolerância, misericórdia, sempre disposto a perdoar as nossas mazelas. Um Deus misericordioso, onipotente, onipresente, onisciente.

O que não entendemos por que Católicos e Protestantes se degradem na Irlanda do Norte? Budistas e Muçulmanos no Siri Lanka? Cristãos e Muçulmanos no Suldão? Muçulmanos e Hinduísta na India? Sunitas e Xiitas no Iraque e Irã? Cristãos e Muçulmanos no Himalaia? Tudo acontece porque não têm Deus no coração, por falta de amor, por sentimentos não fraternais do ser humano. :: LEIA MAIS »























WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia