Quem passou pelo aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, nesta semana, se deparou com uma cena vexatória. Um defeito nos dois bebedouros instalados no piso superior provocou alagamento e colocou a segurança de passageiros e de quem trabalha no local em risco.
O perigo é grande porque os equipamentos estão instalados ao lado das poltronas e dos fios da estação de energia para recarregar celulares e computadores. Passageiros que esperavam um dos voos para Belo Horizonte ironizaram o fato de pagarem uma tarifa tão cara enfrentar tamanho descaso.
Eles observaram que os riscos são grandes de alguém pisar no chão molhado, cair e sofrer um acidente grave. Atualmente, a Infraero é quem administra o aeroporto de Ilhéus, que deve ser transferido para iniciativa privada nos próximos anos. Antes da conclusão do processo, a estatal deveria aos menos fazer uma simples manutenção nos bebedouros.
*Com informações do Blog do Pimenta