WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom ponte ilheus embasa secom bahia


Janeiro 2019
D S T Q Q S S
« dez   fev »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  








PSICOMUNDO <> ATOS E EFEITOS DO COMPORTAMENTO HUMANO <>

Será que alguém já parou para pensar como se torna muito difícil “ser Deus” que consegue conciliar e dar jeito em tantas reclamações? É igualmente como a existência da imagem de ser “Pai ou Mãe” quando expressada na sua compreensão e infinita bondade! É uma cobrança inesgotável e tudo está faltando, nada ficou bom, nem está completo! Quando está forte a presença do calor muitas pessoas reclamam; faz frio ou chove também reclamam; se o tempo fica seco, adivinha: todos reclamam! Ninguém se lembra de agradecer a oportunidade que Deus dá, em experimentar as sensações do frio ou do calor, ter dias secos ou molhados!

Quantas pessoas no mundo reclamando da vida! A existência humana na face da Terra é feita de metas. Tem muita gente sem roteiro de projeto, mostrando dessa forma a sua grande margem de desorganização em suas condutas, e simplesmente faltando a sua vontade de chegar a algum lugar sustentável e seguro. E quando ocorre que são alcançados determinados limites de benefícios, tem muita gente achando que o mundo em sua expansão se torna algo sem graça. É como se tudo ficasse tão fácil e que num piscar de olho, surge novamente como num passo de mágica!

As reclamações jamais poderão deixar de existirem numa sociedade política calculista, imediatista, individualista e capitalista com elevado teor de extravagância de ganância quando tudo fica facilitado e ninguém fiscaliza. E por que as pessoas de hoje reclamam tanto? Reclamam da vida, da falta de dinheiro, da falta de tempo, das pessoas e até de si próprias. Vivem achando que são marginalizadas e escravizadas pelo Sistema de Governo inconseqüente que sempre impera no País. E como reclamam da falta de compreensão, da falta de responsabilidade dos assessores incautos dos governantes, dos arrochos fiscais e das ações dos políticos em suas ilicitudes e das suas deslavadas corrupções!

Tem momentos que ninguém se aproxima dos que reclamam o tempo todo. Cria-se um clima de azedume afastando as pessoas, as boas energias e as alegrias que possamos ter. Então é necessário pedir que muita gente pare de reclamar e vai viver a vida, correr atrás daquilo que quer para não ficar sentado apenas reclamando! Se observarmos bem, existem pessoas que sempre persistem na vontade de reclamar. Então, vale à pena pensar nos irmãos que estão jogados nas ruas passando vexames, nas crianças sem pai e nem mãe, nos idosos que estão jogados nas calçadas das ruas, nos Asilos públicos, nos pais que ouvem seus filhos chorarem de fome e sede sem condições de nada fazer. Tudo isso acontece em todos os caminhos que andamos e pouco se pode fazer para trazer de volta as alegrias perdidas por pessoas que nasceram para viverem as plenitudes da felicidade e da paz.

Na maioria das vezes, o fato de determinada pessoa ter tudo, não significa que ele não precisa de nada! Tomando como base que coisa nenhuma nos pertence para sempre, pois daqui apenas levamos as boas lembranças dos benefícios ligados aos bens espirituais que imortalizam os homens através da solidariedade humana. Muitas pessoas podem ter enorme quantia de dinheiro, carro do ano, boas oportunidades de empregos, mas pode carecer de uma estrutura afetiva que é essencial ao pleno desenvolvimento humano. A consequência poderá ser reclamações, como uma forma de aliviar a tensão do insuportável martírio constante. Dentro desse estágio de vida aparecem inconscientes vontades de querer mais, achando que ainda faltam muitas coisas para alcançar, para guardar nos seus depósitos de insatisfações, tudo numa busca evasiva.

Não entendemos, por um exemplo, porque nos países desenvolvidos a taxa de suicídio é maior e os fortes atentados contra a vida humana possuem grande teor de agressividade! Baseado em noticiários de todos os meios de comunicações, observamos relatos de estudos recentes, demonstrando que o principal fator desse fato se deve que as pessoas alcançam seus objetivos muito cedo, fazendo com que suas vidas se tornem sem nenhum sinal de expectativa, tornando-se assim, propensas às sérias crises explosivas de depressões. São fases da vida originadas da rotina criada ao longo do tempo e sua terrível consequência é o desconforto da doença da moda denominada “ansiedade” como forte aliada da “depressão”. Infelizmente muitas pessoas não sabem dar valor ao que realmente importa, fechando suas vidas a conquistar bens e mais bens, querendo incalculáveis riquezas, não importando os meios aquisitivos, e

esquece que o bem de maior investimento é a sua própria vida, e essencialmente falando, o homem necessita viver a serenidade da paz interior e ser feliz, no aconchego de dormir e sonhar com manifestações de consciência tranqüila.

Algumas vezes a pessoa que vive alucinada querendo armazenar muitos bens materiais, cria um descompasso esquecendo-se do seu tamanho e do tempo que necessita para percorrer! E nesse percurso seria importante um entendimento pessoal consigo mesmo, criando uma ideia: “afinal em que lugar deverá estacionar com suas inclinações de abraçar tudo com seu imaginário anseio de ganância”? E há quem diga que “o nada também tem o seu valor”, basta entender que do mundo terrestre em que vivem os homens não levarão nada, apenas suas boas ações! O homem é sempre nada, enquanto pensar que é, e achar que a sua vida deve ser assim.

Fica muito difícil entender os gritos das reclamações, porque existem muitas pessoas descontes e as injustiças cambaleando no meio da sociedade! Como deixou escrito Ruy Barbosa nas suas charadinhas: “no meio da sociedade a honra cambaleia 1 e 2”! E quem procura permanecer ébrio em suas atitudes, perde a honra e pode-se dizer que receberá seus benefícios conforme a criação da sua Obra, então fica bem melhor ajudar no crescimento do nosso País e não reclamar.

Muitos seres humanos do tipo que vive reclamando de tudo e de todos, deve dar uma parada uns minutinhos para pensar e vai descobrir que existem muitas pessoas em situações horríveis que deveriam estar reclamando, chorando, mais estão vivendo, sorrindo e amando. São nesses momentos que enxergamos e podemos deduzir que os males que achávamos imensos em nós, em nossa vida passou a nada representar. PENSEM NISSO!!!

Eduardo Afonso – Ilhéus-Bahia

1 resposta para “PSICOMUNDO <> ATOS E EFEITOS DO COMPORTAMENTO HUMANO <>”

Deixe seu comentário





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia