Por Gustavo Kruschewsky

Existem várias maneiras de se ganhar dinheiro nos dias atuais.  Na aposta em jogo, doação, ilegalmente e laborando. Algumas pessoas afirmam que imprecando a Deus, com fé, consegue-se reverter o quadro e resolver problemas financeiros, aliás isso é o que se vê em muitas agremiações rotuladas de religiosas que se utilizam dos “fieis” – através de várias estratégias – a fim de armazenar grandes fortunas em bens materiais.

A falta de dinheiro é um dos maiores males da atualidade, proporciona limitações severas na liberdade do ser humano, surgem enfermidades. Os mais fortes resistem mais ao enlanguescimento. O humor malogra-se, ou seja, vai para as cucuias. Muitas vezes este tipo de situação leva à prática de ações delituosas de toda a espécie em pessoas que tem tendências. O desespero se instala no espírito da pessoa que tem tendência ao exercício do crime e se junta a grupos com o mesmo sentimento de armazenar fortunas ilegalmente a todo custo. O indivíduo pode virar bicho, porque perde a tão falada – e para ele utópica – cidadania prevista em estatutos, leis orgânicas e constituições de Estado e Federal.

É doloroso ver o filho fora da escola. Ver exaurir o crédito na mercearia. Faltar o recurso para pagar o aluguel e as taxas cobradas de uso do imóvel. Não ter dinheiro para comprar roupa e calçado. Faltar a grana para pagar a condução. Inexistir o poder de compra do remédio para ser restabelecido de uma doença. Pior ainda, não se ter acesso a uma assistência médica decente. E o desemprego continuando e se alastrando no país, apesar de informações jornalísticas apontarem que este fato de natureza moral, social e política está diminuindo.

No tocante à sorte em jogo, as loterias federais e o jogo do bicho são alguns meios de esperança posto ao alcance de todos, para tentar ganhar algum dinheiro ou até mesmo ficar rico para o resto da vida.

Ora, para tentar a sorte é necessário ter dinheiro. É um perigo. O efeito pode ser contrário. Existem pessoas que gastam fortunas com o jogo e só perdem dinheiro. Portanto, quem não tem dinheiro perderá a oportunidade de ganhar dinheiro apostando na sorte.

A segunda hipótese é receber dinheiro por doação. Normalmente, o dinheiro doado por alguém a outrem tem prazo determinado e certos limites. Por exemplo: A pensão alimentícia fática ou legal, que não deixa de ser uma doação, retira a liberdade de quem a recebe. A não observância de certas regras previstas em lei pode ocasionar a perda do pensionamento. Outro exemplo é o programa Bolsa Família, criado pelo governo federal, só leva ao estímulo da ociosidade e faz cercear a capacidade de muita gente de se desenvolver e trabalhar, porque falta emprego. É o próprio governo isentando-se da responsabilidade de proporcionar condições a diferentes empresas de serem instaladas nas cidades a fim de gerar empregos para a população, onde o governo deve reduzir as absurdas taxas e impostos que os empresários – mormente os mais fracos – tem de pagá-los acrescidos à política dos excessivos direitos trabalhistas a exemplo do trabalhador urbano. É preciso, pelo menos, uma revisão na Carta Magna. A falta de emprego para milhões de pessoas é prejuízo também para o próprio Estado que diminui a sua arrecadação que será empregada em benefício da própria população.

Ganho de dinheiro ilegal, é a pior forma de obtê-lo e está sendo desde priscas eras a mais comum hoje no Brasil. Tem pessoas que tem inclinação e o desígnio de ganhar dinheiro agindo através de roubo, furto, assalto a banco, sequestro e sequestro relâmpago. Existem pessoas que exercem funções públicas, obviamente, que não são todas, com o escopo apenas de corromper. Subtraem dinheiro dos cofres públicos e/ou exigem propinas e percentuais de empreiteiras e de fornecedores, através de compras feitas para órgãos públicos que “dirigem”. As próprias pessoas de bem, a polícia e a justiça devem tomar providências severas para que estes tipos de pessoas sejam punidas. HOJE, A EXEMPLO DA OPERAÇÃO LAVA JATO, os infratores estão sendo penalizados. Vale dizer que quem paga propina (corruptor passivo) também está cometendo este tipo de delito.

Logo, todas estas formas citadas de se ganhar dinheiro são possíveis no Brasil. Mas, o modelo sonhado por todos, verdadeiramente o mais seguro e que garante uma maior segurança emocional vem se tornando cada vez mais difícil, é o ganho do dinheiro com o trabalho fruto do emprego.

Fatos comprovam que muitas pessoas ativas e do bem nos municípios do Brasil estão desempregadas. O ser humano desempregado fica com a alma desencantada. O estado do indivíduo sem trabalho remunerado caracteriza o vilipêndio, verdadeiro desprezo ao próximo. É uma humilhação. Só o emprego fará renascer, na alma da pessoa que estava desempregada, o encantamento e o sentimento verdadeiro de se ver como uma pessoa legítima, ou seja, que recebe o dinheiro genuíno, que vem de fonte original, fruto puro do seu próprio trabalho, e que será recompensada com a devida aposentadoria – depois de alcançar a idade – pré-estabelecida pela legislação previdenciária.

Humberto Maturana assim se expressou: “Se não vemos o outro como o outro legítimo, não nos importamos, esse é o nosso problema. Não vemos, não expandimos nossa visão, agimos colocando fronteiras”.