WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


Março 2019
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  






:: 8/mar/2019 . 15:58

DO FUNDO DO BAÚ DE JOSÉ LEITE.

1) PADRE CÍCERO NA MARQUÊS DE SAPUCAÍ.

2) AS FOTOS DESTAQUES DA SEMANA.

1) PADRE CÍCERO NA MARQUÊS DE SAPUCAÍ. :: LEIA MAIS »

Matrículas na Especialização em Agroecologia e Educação do Campo ocorrerão de 11 a 15 de março

A comissão de seleção do Programa de Pós-graduação em Agroecologia e Educação do Campo divulgou nota referente às matrículas. Os candidatos aprovados deverão comparecer à Secretaria Acadêmica do Campus Paulo Freire (Endereço: Praça Joana Angélica, número 58, Bairro São José, Teixeira de Freitas) entre os dias 11 e 15 de março, das 14h às 20h. Os seguintes documentos originais e fotocópias simples devem ser apresentados para realizar a matrícula:
a) Carteira de Identidade (RG) e CPF ou Passaporte para candidatas/os estrangeiras/os;
b) Diploma de Graduação emitido ou revalidado por Instituições de Ensino Superior Federais, histórico escolar da graduação e demais certificados comprobatórios declarados no Currículo Lattes;
c) Título de eleitor e comprovante de quitação eleitoral;
d) Certificado de reservista (sexo masculino);
e) Comprovante de vínculo com a categoria de vagas a que se inscreveu;
f) Autodeclaração daqueles que se declararam indígena (Apêndice V), negro (Apêndice VI) ou quilombola (Apêndice VII).

Somente será aceita “Declaração da Instituição” em substituição ao “Diploma de Graduação” no caso de egresso de Instituição Federal ou Estadual de Ensino Superior. A efetivação da matrícula do/a candidato/a ficará condicionada à apresentação dos documentos relacionados acima. Caso não haja comprovação no prazo estabelecido, a/o candidata/o perderá a vaga, que poderá ser preenchida pelo/a próximo/a classificado/a (em lista de espera).

 

 

DECOLORES: Significado de Obsceno

Adjetivo Que se opõe ao pudor; que vai contra o pudor; grosseiro ou vulgar.

Sem moral ou decência; que provoca indignação pela falta de moral; pornográfico.

Diz-se da pessoa que se comporta de modo devasso; quem compõe ou escreve obscenidades.

Que demonstra obscenidade; que contém obscenidades: comportamento obsceno; sorriso obsceno.

Etimologia (origem da palavra obsceno). Do latim abscenus.

Sinônimos de Obsceno

Obsceno é sinônimo de: imoral, impudico

Antônimos de Obsceno

Obsceno é o contrário de: pudico, cândido

Em fim todos significados apresentados estão inseridos na programação da TV que é considerada “poderosa”

Graças a Deus hoje temos opções diversas para se livrar dessa maldita emissora. A exemplo da Rede Vida (família), Canção Nova (formação cristã), Bandeirantes (esportes), Record (novelas bíblicas), SBT (Programas de humor), Tv Aparecida (evangelização), Cnt (conscientização evangélica), Rede Tv (programas pegadinhas divertidas), Rede Brasil (programação variada), Tv Cultura (músicas clássicas e programas sugestivos), entre outras.

Quem quiser salvar sua família elimine essa maldita emissora maldita Globolixo.

Essa é minha opinião. Respeito quem não concordar …

Colaboração de Luiz Castro

Bacharel Administração de Empresa

NOTA DE ESCLARECIMENTO RESCISÃO DO CONTRATO COM A SOLAR AMBIENTAL

O Município de Ilhéus esclarece que a rescisão do contrato administrativo com a Solar Ambiental atendeu ao pedido da própria empresa, após trâmite de processo administrativo iniciado pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Secsurb), com parecer favorável da Procuradoria-Geral do Município (Proger) referendando a rescisão amigável do contrato.

As providências técnicas e jurídicas estão sendo adotadas, a fim de suprir a demanda do serviço essencial e continuo da população ilheense. O governo municipal lamenta a decisão da Solar Ambiental, e garante que os serviços de coleta serão mantidos por servidores municipais, até a contratação da nova empresa, que deverá começar a coleta na próxima segunda-feira (11).

 

Atendimento pelo SUS será ampliado no Ioti a partir desta segunda (11)

POR SECOM

O acesso dos pacientes do SUS à rede de clínicas particulares conveniadas em Ilhéus ganha mais um reforço, com a ampliação dos horários de atendimento do Instituto de Ortopedia e Traumatologia de Ilhéus (Ioti), a partir desta segunda-feira (11). Agora com horário estendido, a clínica localizada na Avenida Lomanto Júnior, 596, bairro do Pontal, receberá os pacientes do SUS das 7 até às 20 horas, de segunda a sexta-feira.

Para o prefeito Mário Alexandre, este é mais um avanço do programa de reestruturação iniciado pela atual gestão em 2017, que já proporcionou a recuperação dos 15 postos de saúde da rede municipal, aquisição de novas ambulâncias, abertura das unidades de Pronto Atendimento (PA) da zona sul e bairro da Conquista, nomeação de mais médicos e profissionais e ampliação dos convênios com a rede de clínicas conveniadas, entre outras melhorias.

 

REFORMA DO BALNEÁRIO TOROROMBA

A Prefeitura de Ilhéus informa que os serviços de
requalificação do Balneário Tororomba, atração turística de Olivença, estão em
fase de conclusão.

Segundo o secretário de turismo e esporte Alcides
Kruschewsky, a reforma compreende recuperação de telhados, rede elétrica,
instalação de grades novas, pintura geral, substituição do piso da portaria e
iluminação.

O investimento é uma iniciativa da Secretaria Municipal de
Turismo e Esporte (Setur), em parceria com o Bar e Restaurante Tororomba, do
proprietário Carlos Andrade, que funciona no local.

Conforme a prefeitura, a reforma inclui também a recuperação
total dos sanitários infantis, com troca de portas e do revestimento de piso e
paredes, construção de biombo em alvenaria e de rampa de acessibilidade.

O balneário tem três piscinas abastecidas com água corrente
do rio Tororomba, que também estão recebendo serviços de manutenção, com
pintura e recuperação de revestimento.

“Agora, vamos pintar o piso do pátio e depois, numa segunda
etapa, faremos a modernização do restaurante, requalificação do véu de noiva,
paisagismo, realocação do quiosque de sorvetes, limpeza do reservatório e
reconstrução da fossa séptica”, completa Alcides Kruschewsk.

DO GALERA DE ILHEUS

TJ-BA registra 33 casos de feminicídio e 32 mil ações de violência doméstica

Tramitam no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) 32,3 mil casos de violência doméstica. De acordo com dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), estes casos ainda estão pendentes de julgamentos. Em 2016, o número de processos era de 29 mil. Já de processos de feminicídio, crime tipificado pela morte de uma mulher em decorrência do gênero, o TJ-BA registra 33 casos pendentes. Os magistrados baianos também decretaram em 2018 4,1 mil medidas protetivas. O relatório não divulgou número de casos já solucionados.   O CNJ registra que, desde 2016, o número de processos por violência contra mulher só cresce no país, sobretudo, o de feminicídio. O ano de 2018 registrou um aumento no número de ações de 38% comparado ao ano de 2016, passando de 3.339 casos para 4.461. As informações foram divulgadas nesta sexta-feira (8), quando se comemora o Dia Internacional da Mulher.   O estudo revela que, em 2016, havia quase 892 mil ações aguardando decisão da Justiça. Dois anos depois, esse número cresceu 13%, superando a marca de um milhão de casos. Os dados dos tribunais foram consolidados pelo Departamento de Pesquisas Judiciárias (DPJ/CNJ). O número de sentenças de medidas protetivas aplicadas também apresentou mudança. No ano passado, foram concedidas 339,2 mil medidas, uma alta de 36% em relação ao ano de 2016, quando foram registradas 249,5 mil decisões dessa natureza.     Vale ressaltar que os números de casos de feminicídios que tramitam no Brasil foram revisados pelos tribunais de Justiça, passando de 10 mil para 4.461. Especialmente três tribunais (Paraná, Rio Grande do Norte e Goiás) atualizaram seus dados, impactando para baixo os números anteriormente publicados.  Anteriormente, o TJ-PR havia informado que tramitavam 4.925 casos referentes ao ano de 2017. Após a revisão, o número caiu para 200. Os dados informados pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJ-RN) também apresentaram uma expressiva diferença. No ano passado, a Corte informou o tramite de 1.380 processos de feminicídio em 2017. Após revisão, a corte reclassificou os dados para 25. O CNJ destacou que a coleta dos dados é nova, pois o crime de feminicídio só foi tipificado em 2015.

A intrepidez feminina: Paiva Netto

Há exemplos de extraordinárias mulheres em todos os cantos do mundo, desde as mais destacadas às mais simples, a começar pela mais singela das mães. Uma delas é “a doceira de Goiás”, no vasto interior do Brasil. Trata-se da exímia poetisa Cora Coralina (1889-1985). Aos 75 anos de idade, apenas contando com instrução primária, publicou seu primeiro livro.

Disse a saudosa Cora:

 — Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.

 É o talento do povo bem instruído e espiritualizadoque transforma miséria em riqueza! A fortuna de um país situa-se, antes de tudo, no coração solidário e na consciência esclarecida de sua gente — valorizando a mulher e dignificando o homem. Neles se encontra a capacidade criadora. É assim em todas as nações.

 Benjamin Franklin (1706-1790) há muito se levantara para esclarecer:

 — A verdadeira sabedoria consiste em promover o bem-estar da humanidade.

 José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.

[email protected] — www.boavontade.com

A nossa homenagem ao seu coração.

Florestas regenerantes recuperam rapidamente a riqueza de espécies, mas lentamente a composição de espécies

As florestas tropicais abrigam mais de 53.000 espécies de árvores, o que representa 96% da diversidade de árvores do mundo. Estas florestas hiperdiversas estão ameaçadas pelas altas taxas de desmatamento causadas principalmente pela expansão agropecuária. Quando um pasto ou um cultivo agrícola é abandonado, ele pode ser rapidamente colonizado pela floresta que regenera naturalmente, as chamadas florestas secundárias. Poderiam essas florestas secundárias ajudar a reverter a perda de espécies e trazer as espécies nativas de volta?

Uma rede internacional de ecólogos da América Latina, Estados Unidos e Europa, liderada por pesquisadores da Universidade de Wageningen, publicaram esta semana um estudo na revista científica Science Advances onde elucidam o papel das florestas secundárias na conservação de da diversidade de árvores tropicais. A rede inventariou as árvores de 1.800 parcelas em florestas tropicais localizadas em 56 áreas de estudo de 10 países da América Latina. Eles compararam os dados de campo das florestas secundárias de diferentes idades com o de florestas maduras bem conservadas adjacentes. O estudo mostrou que o número de espécies (riqueza) nos fragmentos de florestas regenerantes se recupera em poucas décadas, mas que a composição de espécies pode demorar séculos para se assemelhar às florestas maduras originais ou nunca se recuperar.

A Dra. Danaë Rozendaal, líder do estudo disse “Ficamos impressionados ao descobrir que pode levar apenas cinco décadas para se recuperar a riqueza de espécies que normalmente é encontrada em florestas maduras bem preservadas, e que em apenas 20 anos de regeneração 80% do número de espécies já está presente.” De acordo com a pesquisadora, “Este resultado enfatiza a importância das florestas secundárias para a conservação da biodiversidade em paisagens modificadas pelo homem.”

Apesar da rápida recuperação do número de espécies, o estudo também mostra que as espécies de árvores encontradas nas florestas regenerantes é normalmente diferente daquelas encontradas nas florestas maduras adjacentes. Após 20 anos de regeneração, apenas 34% das espécies são as mesmas encontradas nas florestas maduras. Portanto, pode demorar séculos até que as florestas secundárias recuperem as mesmas espécies da floresta original, se isso realmente chegar a acontecer. O Prof. Lourens Poorter, líder da rede 2ndFOR, diz que “Ainda que as florestas secundárias jovens tenham papel importante na conservação de espécies em paisagens modificadas pelo homem, elas não abrigam muitas das espécies encontradas nas florestas maduras bem conservadas.” Portanto, ele recomenda fortemente que “Ambas as florestas secundárias e maduras devem ser preservadas para garantir a conservação da biodiversidade em paisagens modificadas pelo homem.”

Este estudo singular tem implicações diretas para políticas públicas e para a prática da restauração florestal. A regeneração natural tem sido vista como uma forma ecologicamente eficiente de se recuperar grandes extensões de florestas com menor custo do que plantios de mudas. Realmente a regeneração natural pode ser o método ideal para se atingir as metas de restaurar 350 milhões de hectares de florestas até 2030, como definido no acordo internacional Bonn Challenge.

O Prof. Daniel Piotto, do Centro de Formação em Ciências Agroflorestais da UFSB, que integra a equipe de pesquisadores, diz que “É uma ótima notícia que a regeneração natural pode restaurar a diversidade de árvores relativamente rápido. No entanto, é fundamental que aconteçam também ações de restauração focadas em espécies raras e endêmicas típicas de florestas maduras junto à conservação dos remanescentes florestais para garantir a conservação das espécies de árvores nativas no longo prazo”. No caso específico da Mata Atlântica do sul da Bahia, o Prof Piotto explica que o estudo comprova que as florestas secundárias da região sul da Bahia têm a maior riqueza de espécies de toda a Mata Atlântica, com isso o processo de recuperação da composição e riqueza de espécies encontradas nas florestas maduras da região é muito mais lento, quando comparado com outras regiões da Mata Atlântica, o que reforça a importância da manutenção e criação de novas áreas protegidas para conservação dos remanescentes de florestas mais conservados e para garantir a manutenção das populações de espécies nativas da região.





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia