CAPITÃES MARCONI E LE7 VENCEM E CAPITÃES ALVINHO E ELDON DO OFERTÃO LEVAM CACETES NA 3ª RODADA

No domingo(10) deste mês de março de 2019 pela manhã a Associação dos Veteranos de Esporte Praiano –AVEP, entidade de “babas de praia” quase centenária em atividade de Ilhéus, promoveu a 3ª rodada desta modalidade esportiva –ou “Reencontro dos amigos”, para o ex-presidente Jackson Lima– da Temporada 2019 na praia da Avenida Soares Lopes (imediações do espaço cultural Tenda Teatro Popular de Ilhéus). No Campo Grimaldo a equipe dirigida pelo Capitão Marconi venceu a do Capitão Alvinho por 3 a 0 com gols do próprio atacante Marconi(2) e do volante Danilo. No Campo Martial com mesmo escore de 3 a 0 o quadro comandado por Luís Eduardo, o LE7, deu cacete no do Capitão Eldon do Ofertão. Duda Pantera e Alex de Moises(2) foram os goleadores. Os ‘reencontros’ foram arbitrados por Wilson Salviano (Campo Grimaldo) com boa atuação e por Raimundo Miranda com desempenho de regular para bom, conforme os olheiros de árbitros. Os dois pertencem à Associação de Árbitros de Futebol de Campo de Ilhéus – AAFCI. Os partícipes Eldon do Ofertão, Moises e Prof. Jorge Reis receberam Cartão Amarelo.

Equipes no Campo Grimaldo:

(Cap. Alvinho): Goleiro Rodrigo, Gutemberg Trator(Goleiro Jamilton entrou no intervalo) , Alvinho, Correia do HSBC e Pedro Chama Gol; Sousa da Polícia, Vado do Bradesco, Alan Firula, Crispa da Galera do Fla, Paulo Carqueija(Luís Mario Garotinho entrou no intervalo) e Mario Filho

(Cap. Marconi): Goleiro Rosivaldo, Torisco do HSBC(Cesar de Militão entrou aos 30’ da 1ª etapa), Luciano Santana, Danilo e Paulinho do AFC(Claudio Assis entrou aos 31’ da 1ª etapa); Passos de Uruçuca, Tabosa do Ofertão(Zé Eduardo entrou no intervalo), Carlão do Taxi, Luís Humberto, Daniel Murta e Marconi

(Cap. Luís Eduardo, o LE7): Goleiro Marcelo da Receita, Eduardo Japonês(Zezinho da Baixa Fria entrou no intervalo), Djalma Peludo, Prof. Jorge Reis e Luís Eduardo LE7; Nilton do BB, Renatinho dos Leais, Charles, Ralio da Contabilidade, Alex de Moises e Duda Pantera.

(Cap. Eldon do Ofertão): Goleiro Fernando, Silvio Reis(Waldemar da Codeba entrou aos 38’ da 1ª etapa), Paulo Gois do Bradesco, Galletti da Rio de Engenho e Heckel Januário; Podão, Gilson e Cesinha da Nacional; Valdomiro, Eldon do Ofertão e Ismar Landgol(Moises entrou no intervalo)

COMENTÁRIOS:

Os observadores foram unanimes em afirmar que o time (no Campo Grimaldo) sob comando do capitão Marconi foi superior nos 90’ ao do capitão Alvinho e que por isso fez jus ao placar de 3 a 0, sendo o próprio atacante Marconi uma das peças importante na vitória.

Sobre o embate do Campo Martial disseram que o quadro do neófito capitão Eldon do Ofertão não se encontrou em campo na 1ª etapa do baba, dando brecha para o do capitão Luís Eduardo LE7 aproveitar dessa desordem e enfiar 3 gols em série no primeiro tempo: um aos 15’, outro aos 20’ e o terceiro aos 25’. Os gols surgiram pelo miolo da grande área em bobeiras consecutivas da retaguarda. No 2º

entenderam os comentaristas que a entrada do volante Moises deu mais estabilidade ao meio-campo do perdedor e, desse jeito foi pra cima do oponente e só não chegara ao empate em razão das finalizações ineficientes dos atacantes e das boas defesas do goleiro Marcelo da Receita. Nesta etapa (a 2ª) o domínio do time do capitão Eldon do Ofertão foi tão grande que deu condição ao seu zagueiro, o beque-de-espera-2 Paulo Gois do Bradesco(temporariamente em recesso das chamadas dos babas), espalhar pelos quatros cantos que o placar moral do baba foi 3 a 3.

NOTAS

Os olheiros flagraram o beque-de-vigor Alvinho e o atacante-que-quer-uma bola só pra ele, Crispa da Galera do Fla se estranhando e quase chegando às vias de fato. E concluíram: “Eram do mesmo lado; já pensou se não fossem!!”

Antes das equipes se dirigirem para a praia o presidente e beque-de-espera-3 Djalma Peludo reuniu os associados na sede itinerária da AVEP e usando da palavra explanou que no grupo ‘AVEP’ do WhatsApp, que congrega muitos avepianos, ao invés de postagem associada à entidade, ao futebol, estão postando assuntos relativos a política, putaria, fakes news entre outros desvinculadas do objetivo. Completou dizendo que para esculhambação existe o grupo “Resenha da Avep” e, se o promoter Zezinho da Baixa Fria permitir, o “Grupo da Banda Podre”. O beque-de-espreita-2 Silvio Reis sugeriu que quem postasse tema não vinculado, fosse colocado no grupo ‘Geladeira da Avep’ pelo administrador. O beque-de-espreita-1 Prof. Jorge Reis salientou que embora o atacante-que-quer-uma bola só pra ele, Crispa da Galera do Fla não pertença ao rol dos que postam esculhambação, também distorce ao só postar coisas do Flamengo carioca, e pediu para ele maneirar. Resumo da ópera: ficou decidido que quem postar no grupo “AVEP” putaria e outros temas desvinculados vai para a ‘Geladeira da AVEP’.

HAROLDO SE DESPEDE DA AVEP

Fará 7 ponto 6 primaveras em maio deste 2019, mesmo assim, pela sua calhada compleição física para o esporte bretão dava sim –na opinião da maioria dos avepianos–, para ainda “bater uma bola legal”, mas Haroldo da Conceição, ou simplesmente Haroldo, um futebolista de longa data, resolveu amarrar as chuteiras.

Dia 23.12.2018 foi realizado o ‘baba de praia’ de sua despedida. Caráter ilibado e atleta exemplar são exemplos que Haroldo deixa para os neófitos associados da AVEP bem como para os “mais novos” (sem incongruência) veteranos.

De uma breve pesquisa sobre sua experiência com o esporte bretão se tem que Haroldo atuou na década de 60 (século XX) pelo célebre Flamengo –O amarelo e preto de suas cores faziam-no diferente na região Sul da Bahia) de Ilhéus, quadro pelo qual sagrou-se campeão pelo campeonato amador da cidade. Tem-se também que nessa mesma época por este mesmo Flamengo, participou de um torneio ao lado do Colo Colo e do Vitória ilheenses e mais Janizeros e Fluminense de Itabuna, atuando de forma eficiente.

Aproveitando do direito adquirido na lide do dia-a-dia como funcionário de empresa comercial privada, aposentou-se tempo atrás. Agora Haroldo deixa –depois de mais de um quarto de século– a entidade que sempre prezou. Porém a passagem positiva deste volante de origem (e mais tarde lateral-direito por imposição da idade) estará sempre presente no convívio da Associação do Veteranos de Esporte Praiano -AVEP

Texto do associado Heckel Januário. Fotos das “babas” de Marconi Almeida, fotógrafo oficial e diretor de Divulgação da Avep. O Prof. Jorge Reis é o fotógrafo de momentos etílicos desta entidade e seu Secretário.