WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia embasa sesab bahia


julho 2019
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  






:: jul/2019

DECOLORES: APROVEITE SUA VIDA E SEU TEMPO

Imagine que você tenha uma conta corrente e cada manhã você acorde com um grande saldo bancário no valor estimado de 86.400,00, mas não é permitido transferir o saldo do dia para o dia seguinte.
Todas as noites o saldo será zerado, mesmo que você não tenha conseguido gastá-lo. Que fará você? Gastará cada centavo, é claro!
Todos nós somos clientes do banco de que estou falando: o tempo. Todas as manhãs são creditados 86.400 segundos para cada um. Todas as noites o saldo é debitado como perda. Não é permitido acumular o saldo. De manhã sua conta é reiniciada. À noite as sobras do dia se evaporam. Não há volta. Você precisa gastar no presente o seu depósito diário.
Invista no que for melhor: na saúde, na felicidade, no sucesso! O relógio está correndo. Faça o melhor para o seu dia-a-dia.
Para você perceber o valor de um ano, pergunte a um estudante que repetiu o ano. Para perceber o valor de um mês, pergunte a uma mãe que teve o bebê prematuramente. Para você perceber o valor de uma semana, pergunte a um editor de jornal. Para perceber o valor de uma hora, pergunte aos amantes que estão esperando para se encontrar. Sobre o valor de um minuto, pergunte a uma pessoa que perdeu o avião. Para saber o valor de um segundo, pergunte a quem conseguiu evitar um acidente. Para perceber o valor de um milésimo de segundo, pergunte a quem ganhou medalha de prata numa olimpíada.
Valorize cada momento! E valorize mais porque você deve dividi-lo com alguém suficientemente especial para gastar seu tempo junto com você.
Lembre-se, o tempo não espera ninguém. Ontem é história. Amanhã é mistério. Hoje é dádiva. Por isso é chamado de presente!!!

Colaboração de Luiz Castro
Bacharel Administração de Empresa

Fios pegando fogo na rua Ernesto Sá centro de Ilhéus

Comerciantes em pânico no centro de Ilhéus com tantos fios pegando fogo na rua Ernesto Sá.

Corpo de bombeiros já foi acionado mas ainda não chegou no local.

Qualidade de vida foi debatida no Programa Diabético Saudável

POR SECOM

Hábitos saudáveis, alimentação adequada e atividade física contribuem para uma vida com mais qualidade e diminuição das chances de pessoas diagnosticadas com diabetes evoluírem a doença. Estes assuntos foram tratados no Programa “Diabético Saudável”, realizado na última sexta-feira (26), na sede da Secretaria de Saúde (Sesau). A atividade é parte de um projeto de mestrado em Ciências da Saúde, da nutricionista Melissa Tavares, que também integra o Centro de Atenção ao Diabético Hipertenso e Idoso de Ilhéus (CADHII).

Os participantes tiveram à disposição exames de sangue, avaliação nutricional com bioimpedância e avaliação dos hábitos alimentares, através de aplicação de questionários. A ação contribuiu não apenas com o trabalho acadêmico, mas serviu de orientação e estímulo ao grupo participante. Uma alimentação com baixo teor de açúcar e ingestão de alimentos não processados diminuem as chances de pessoas com pré-diabetes evoluírem para o tipo II doença, por exemplo.

Na ocasião, a nutricionista agradeceu a parceria celebrada com a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), Prefeitura de Ilhéus, através da Sesau. “Ressaltar ainda o apoio do prefeito Mário Alexandre e do secretário de Saúde, Geraldo Magela. Com isso foi possível desenvolver um estudo sobre a melhor forma de orientar a alimentação dos pacientes diabéticos e buscar a cada dia a melhor assistência”, declarou a Melissa Tavares.

Açúcar – Atualmente, o Brasil consome 50% a mais de açúcar do que o recomendado, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Isso significa que, por dia, cada brasileiro, consome em média 18 colheres de chá do produto, quando o recomendado seria até 12. Isso tem impactado no aumento do diabetes nos últimos anos. Outra doença que tem crescido entre os brasileiros, e que está relacionada com o alto consumo de açúcar é a obesidade.

 

Não se aposente da vida

Por ocasião do Dia dos Avós, comemorado em 26/7, recordei-me de minha saudosa avó Laura. Viveu nesta encarnação 99 anos, lúcida, ativa e juvenil. Veio a falecer — vejam vocês o dinamismo dela — alguns dias depois de voltar da feira, e por causa de um acidente quando retornava para casa. Com sua sabedoria, adquirida nos longos embates da vida, ensinava: “Aos que chegam, na sua existência, ao fundo do poço, só resta levantar a cabeça e começar a subir”. Sábias palavras.

Por sinal, em palestra que proferi sobre o que é ser jovem, veiculada pela Super Rede Boa Vontade de Comunicação (rádio, TV e internet), destaquei esta máxima de Samuel Ullman (1840-1924), a qual muito aprecio: “A juventude não é um tempo de vida, é um estado de espírito”. Por isso, ao ouvir o incentivo que damos ao Jovem de Boa Vontade, o vovô ou a vovó jamais deve sentir-se excluído das nossas atividades. Eu mesmo, com muito gosto, já tenho quase 80 anos. Há décadas venho dizendo: aposentar-se do trabalho não significa aposentar-se da vida. Ela continua sempre. Portanto, é um erro descartar grandes valores porque estão “em idade avançada”. Descobertas importantíssimas foram feitas por homens e mulheres quando ultrapassavam os 60, 70 ou 80 anos. É preciso, pois, aliar ao patrimônio da experiência dos mais velhos a energia dadivosa dos mais moços.

Enquanto houver um sopro de vida, de alguma maneira poderemos ser úteis. Façamos continuamente o Bem.

José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.

Ponte Ilhéus: Novos cabos são instalados e Estado prevê inaugurar em fevereiro de 2020

A primeira ponte estaiada da Bahia reúne investimentos de mais de R$95 milhões, vai ligar o centro urbano de Ilhéus, à zona sul da cidade, no trecho da BA-001 entre a Praia do Cristo e o Morro de Pernambuco, passando sobre a Baía do Pontal. No último sábado (27), a OAS colocou o sexto par de cabos. O quinto foi instalado no dia 18, diminuindo intervalo para nove dias. O Governo do Estado prevê entrega para fevereiro de 2020.

As imagens foram registradas pelo vice-prefeito José Nazal, que é membro da comissão que acompanha a obra. Segundo informações concedidas por ele ao Blog Pimenta, o último estai (cabo) deve ser colocado em dezembro, ligando os dois extremos, quando a ponte ganhará a forma definitiva. Ele disse ainda ao blog que no final do ano, ficaria faltando colocar as mãos francesas e o piso.

A ponte vai beneficiar cerca de 511 mil moradores de Ilhéus, Itabuna, Una, Canavieiras, Buerarema, Itacaré e Uruçuca, além de se tornar um novo cartão-postal. A economia da região também terá ganhos com o desenvolvimento do turismo, a atração de novos empreendimentos e o escoamento da produção agrícola, principalmente do cacau.

No último final de semana, o governador esteve em Itabuna para participar das comemorações do aniversário de 109 anos de emancipação. Na coletiva à imprensa, Rui estima inaugurá-la em fevereiro de 2020, já que a construtora assegurou entrega para janeiro. A ponte deve resolver os problemas de trafegabilidade que a cidade enfrenta, principalmente no verão, quando recebe milhares de visitantes.

POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL VAI LEILOAR QUASE 500 VEÍCULOS APREENDIDOS NA BAHIA

A Polícia Rodoviária Federal na Bahia vai leiloar, no próximo dia 12, a partir das 9h, em Eunápolis, no extremo-sul do estado, cerca de 500 veículos. São carros e motos apreendidos durante operações e abordagens realizadas pelas equipes da PRF das delegacias de Eunápolis, Jequié e Simões Filho.

O edital 2/2019, do tipo maior lance ofertado, visa arrematação de veículos retidos, abandonados, removidos ou recolhidos que se encontram há mais de 60 dias nos pátios das unidades da PRF na Bahia. O leilão será nas dependências do Hotel Portal, na Avenida Antônio Carlos Magalhães, em Eunápolis.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, os interessados poderão examinar os lotes nos dias 8 e 9 de agosto, das 8h às 12h e de 13h às 17h. Os veículos estarão disponíveis para os interessados em pátios na BR-101, no KM 263, no bairro Vermelho, em Santo Antônio de Jesus; na BR-116, KM 677; e Avenida Gov. Aurélio Viana, no bairro Cidade Nova, em Jequié.

Os veículos poderão ser visitados também na BR-101, na Avenida Bahia, no bairro Vivendas Costa Azul, em Eunápolis; no Pátio da PRF, em Eunápolis, na BR-101 KM 720; em Teixeira de Freitas, na BR-101, no KM 880; na Assistência Trevo, na rua Ibirapuã, no bairro Acácia, em Nova Viçosa; no pátio da PRF, no distrito de Humildes, na BR-101, KM 173; além de Simões Filho, na BR-324, no KM 604.

Ciclista de Itabuna morre a caminho de Bom Jesus da Lapa

Na BA 263, próximo a cidade de Itapetinga, logo cedo, por volta das 6hs, um homem foi morto por atropelamento. Orlando José de Melo, tinha 52 anos, foi atropelado por um caminhão baú, que seguia destino a Itambé. A vítima era de Itabuna e seguia de bicicleta para Bom Jesus da Lapa. Esta é a segunda vez que Orlando seguia de Itabuna para a Lapa, onde ele pedalava 614 quilômetros.

Titular do Turismo da Bahia e cabaneiros de Ilhéus discutem melhorias para o setor

O secretário de Turismo da Bahia, Fausto Franco, acompanhado do secretário de Turismo de Ilhéus, Fábio Manzi se reuniu na manhã de domingo (28), na Cabana Palmito, com um grupo de 30 cabaneiros das praias dos Sul. Entre os pontos discutidos com os gestores, o desenvolvimento turístico regional, planos de investimentos na área de infraestrutura e iluminação. O encontro contou com a presença do ex-jogador ilheense da seleção brasileira, Aldair.

O encontro foi um pedido do prefeito Mário Alexandre que articulou ainda uma parceria com o Sebrae e com a Associação de Turismo de Ilhéus (Atil). O secretário de estado considerou imprescindível o diálogo com o setor. “Juntos somos mais fortes. A Prefeitura, o Governo do Estado e todos que trabalham com turismo, somando e multiplicando esforços. Saio daqui feliz e imbuído por colocar em prática tudo o que foi conversado aqui”, salientou.

O desejo do Governo do Estado, segundo Franco é ver Ilhéus como protagonista na atividade, não apenas na alta estação, mas em todo o ano. “Faremos isso em parcerias, a exemplo do Secretaria do Patrimônio e União (SPU). Possuo uma relação muito boa com órgão, e ainda esta semana, irei provocá-lo, para que no dia 22 de agosto esteja aqui na cidade. Queremos ser ponte entre os entes federativos”, concluiu o titular da Setur.

Cenário do turismo – Para o chefe do Executivo ilheense, é preciso estar atento às necessidades da população. “O secretário viu nossa preocupação. São cerca de mil empregos diretos e indiretos gerados pela atividade turística, que há anos, almeja por estas melhorias. Essa parceria com o Governo do Estado cria forças para colocar o município de Ilhéus de uma vez por todas no cenário do turismo ano inteiro”, ressaltou o prefeito Mário Alexandre.

O encontro com os cabaneiros serviu ainda para discutir sobre as rotas da Estrada do Chocolate, enrocamento de pedras da nova ponte de Ilhéus, além das ações de coibição do avanço do mar e revitalização do bairro São Miguel, na zona norte e acesso das praias do litoral norte às cidades da Costa do Dendê, além das rotas que ligam o município à Lagoa Encantada e Rio do Engenho.

Empreendedorismo – A coordenadora regional do Sebrae, Claudiana Figueiredo ressaltou a participação da entidade. “Vamos fazer aquilo que temos expertise. Iremos qualificá-los no atendimento e mostrar que essa região tem um diferencial que é o de acolher com qualidade e com bons serviços. Gostei muito da reunião e acho que é um momento novo. Oportunidade para trabalhar empreendedorismo em rede e engajamento da iniciativa privada do turismo”.

No entendimento do secretário de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo, Jerbson Moraes, é obrigação do poder público manter os espaços turísticos atrativos. Para ele, “preservar a orla e suas barracas bonitas, padronizadas, respeitando o meio ambiente, acolhendo o turista de uma forma especial. O prefeito Mário tem valorizado isso, oferecendo um projeto urbanístico para essa localidade”, informou.

“Muito positiva a presença do secretário do estado, reforçando o apoio que o prefeito Mário já tem dado. Felizmente, tudo tem acontecido de bom na gestão dele. Ninguém pode negar seu apoio e apoio da Prefeitura, pois tem ajudado a resolver as demandas em relação ao SPU”, comemorou o presidente da Associação dos Cabaneiros da Praia do Sul (ACPS), Jorge Fonseca (Saci).

Na oportunidade, Saci entregou nas mãos do secretário Fausto Franco, o novo Projeto Festival do Camarão 2020, que prevê realização no entorno da Orla Sul e da Praia dos Milionários. O encontro contou ainda com a participação dos secretários municipais, Hermano Fahning (Serviços Urbanos); Rubenilton Silva (Desenvolvimento Social); Eliane Oliveira (Educação) e o presidente da Atil, Átila Eiras.

 

Centro de Zoonoses de Ilhéus alerta para cuidado com escorpiões

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) do município alerta à população de Ilhéus que esta época do ano, é favorável ao surgimento de escorpiões, período que as fêmeas têm maior concentração de veneno. Também dá dicas sobre como proceder caso alguém se depare com um desses animais, que está enquadrado na classe dos aracnídeos, assim como as aranhas.

De acordo com o chefe de Vigilância do CCZ, Aloísio Leite, os principais disseminadores de escorpiões, geralmente são cemitérios e imóveis insalubres, e cita os terrenos com entulhos e mato alto, residências com acúmulo de inservíveis, madeiras, sobras de construção e redes de esgoto expostas (inclusive vias públicas).

Algumas espécies têm expectativa de vida de até 10 anos e, para evitar a presença deles dentro de casa, é necessário tomar alguns cuidados preventivos. Como o escorpião se alimenta de baratas, é bom evitar o surgimento do inseto, mantendo o ambiente bem limpo. Pilhas de madeira, cercas, tijolos, ferro velho e entulhos em geral também são os locais prediletos dos escorpiões.

“Estas espécies estão cada vez mais presentes no meio urbano. Se adaptam ao ambiente do homem devido ao crescimento acelerado dos centros. Por isso, é preciso que a população saiba quais medidas adotar para evitar acidentes e mortes por envenenamento. Outra dica é a criação de galinhas, para o caso de propriedades rurais. Elas são um remédio para estes casos ”, sugeriu Aloísio.

Prevenção – Manter limpos os quintais, não acumulando folhas secas, lixo e entulhos. Remanejar periodicamente materiais de construção armazenados, usando luvas de raspa de couro para proteger as mãos. Colocar o lixo em sacos plásticos fechados para evitar baratas e outros insetos. Conservar camas e berços afastados, no mínimo, 10 centímetros da parede.

Segundo o Ministério da Saúde a erradicação da espécie não é possível e nem viável por ser um grande predador natural de baratas e pequenos insetos. O CCZ orienta ainda a contratação de uma empresa especializada para a dedetização dos quintais e paredes é a forma mais correta de evitar a presença dos aracnídeos.

Em caso de acidentes, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) recomenda ir imediatamente ao hospital mais próximo. Se possível, levar o animal ou uma foto para identificação da espécie, permitindo assim uma avaliação mais eficaz sobre a gravidade do acidente. Comunique e solicite o Setor de Zoonoses pelo telefone 73 99924-6384, uma vistoria para receber outras orientações.

 

 

Vá sem pressa, faça uma prece!

Paiva Netto

Sempre tenho chamado a atenção das pessoas para que tomem cuidado com o trânsito nas estradas e nas metrópoles.

Há muitos anos, num editorial do conceituado jornal brasileiro Folha de S.Paulo, encontrei este pensamento de Goethe (1749-1832), famoso vate e escritor alemão: “A morte é, de certa forma, uma impossibilidade que, de repente, se torna realidade”. Realmente, a maioria dos seres humanos não pensa que um dia terá de “passar desta para melhor ou para pior”, de acordo com o seu comportamento na Terra.

 

O grande equívoco da humanidade é viver como se depois da morte nada houvesse. Certamente, conforme nos revelam os Mentores Espirituais, um dos maiores dramas na Pátria da Verdade é a chegada de multidões livres das algemas da carne, mas completamente ignorantes do que seja o Mundo Invisível.

Mas voltemos ao editorial daFolha de S. Paulo sobre violência no trânsito, cujo conteúdo, infelizmente, ainda é atualíssimo: “(…) a frase do grande poeta alemão reflete com admirável precisão a maneira como muitos encaram a morte. E não resta dúvida de que essa visão é especialmente comum entre os jovens, cuja inexperiência aliada a um arrebatamento natural como que lhes confere um sentimento de onipotência e imortalidade. E esse sentimento, por ser extremamente enganoso, tem muitas vezes consequências terríveis. As mais notáveis e perversas se fazem ver no alto índice de envolvimento de jovens em acidentes de trânsito no mundo inteiro. Desastres do tráfego já são a principal causa de morte nessa faixa etária, fazendo mais vítimas do que a aids ou outras doenças incuráveis”.

Não adianta apenas dispor leis para os seres humanos. É preciso prepará-los para a Lei. O código de trânsito já existe. Todos sabem que têm de utilizar o cinto de segurança, diminuir a velocidade e respeitar sinais e faixas. No entanto, por que muitos não cumprem essas normas? Talvez porque não valorizem a própria existência.

A campanha Vá sem pressa, faça uma prece!, promovida pela Legião da Boa Vontade (LBV), visa à conscientização de motoristas e pedestres, para que venham a acatar as leis de trânsito por Amor à sua vida e à dos semelhantes.

Fica aqui, portanto, a nossa contribuição para o fim da violência no trânsito, de forma que a velocidade irresponsável ainda existente nas ruas se sublime em atos cada vez mais velozes de respeito a todos e de socorro às pessoas em situação de pobreza. Eis o nosso lema: Promover Desenvolvimento Social, Solidário e Sustentável, Educação e Cultura, Arte e Esporte, com Espiritualidade Ecumênica, para que haja Consciência Socioambiental, Alimentação, Segurança, Saúde e Trabalho para todos, no despertar do Cidadão Planetário. :: LEIA MAIS »

Pesquisa avaliou viabilidade econômica de criação de cabritos e cordeiros na região de Ilhéus e Itabuna

A estimativa de viabilidade da criação de ovinos e caprinos para abate em pequenas propriedades na região de Ilhéus e Itabuna é o tema de um projeto de pesquisa desenvolvido na UFSB pelo professor Bruno Borges Deminicis. Com o uso de metodologia estatística, a equipe formada pelo pesquisador e os bolsistas Daniel Santos Ferreira e Thassiana Lacerda Coelho trataram dados do mercado regional para calcular quais os retornos de investimento na comparação entre os sistemas de confinamento e de criação a pasto. Além da qualificação dos estudantes, o estudo apresenta dados importantes para a avaliação do empreendimento.

O professor Bruno compartilhou os principais dados do trabalho, que foi apoiado com bolsas de iniciação científica pelo edital 2017-2018 do Programa de Iniciação à Pesquisa, Criação e Inovação (PIPCI), gerido atualmente pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROPPG). Os planos de trabalho desenvolvidos para a pesquisa receberam premiações no 4º CIPCIem 2018, ficando com o 1º e o 3º lugares dentre os trabalhos de iniciação científica apresentados na área Ciência e Saúde no Campus Jorge Amado.

De que trata a pesquisa?

É um estudo de viabilidade econômica da criação e produção de cordeiros e cabritos para abate em pequenas propriedades no sul da Bahia, considerando dois sistemas de criação e manejo dos rebanhos: em confinamento e a pasto.

Qual a contribuição dos resultados obtidos no plano de trabalho para o avanço do projeto?

Conforme o coordenador do estudo, professor Bruno Deminicis, a análise dos indicadores de viabilidade econômica demonstrou índices de lucratividade e de retorno favoráveis tanto para o sistema a pasto e quanto em confinamento de cordeiros e cabritos em pequenas propriedades no sul da Bahia. Dentre os modelos analisados, a terminação em confinamento se sobressaiu ao apresentar maiores Taxa Interna de Retorno (TIR) e Valor Presente Líquido (VPL). O professor Deminicis explica que o sistema de confinamento apresenta maior investimento inicial; entretanto, apresenta taxa interna de retorno acima do obtido na simulação para o sistema a pasto e também bem acima da taxa de rendimento anual da poupança, dessa forma configurando-se num modelo mais ajustado às características locais.

Como foi feita a pesquisa?

O objetivo era avaliar financeiramente dois modelos de sistema de produção de cordeiros (à pasto e confinados) na região sul da Bahia, Brasil. Para isso, conta o professor Deminicis, a equipe elaborou uma planilha de fluxo de caixa com previsão para 15 anos, a partir da qual calcularam-se os indicadores: Valor Presente Líquido (VPL) e Taxa Interna de Retorno (TIR), considerando uma Taxa Mínima de Atratividade a 10%. Realizou-se simulação de Monte Carlo, visando avaliar a probabilidade de ocorrência para o VPL nos dois sistemas de terminação.  Para que o fluxo de caixa refletisse o real potencial econômico na região, as informações dos coeficientes técnicos e dos índices (fatores pertinentes a implementação dos sistemas de produção) foram coletados no sul da Bahia, nos municípios de Ilhéus e Itabuna, por consulta à pequenos proprietários e ao comércio local. As receitas foram definidas em função dos valores do mercado no ano de 2017/2018.

Qual a importância da pesquisa?

A utilização de um modelo probabilístico permite a análise de situações futuras aleatórias de acordo com os fluxos de caixa adotados com base no mercado da região, diminuindo o risco de incerteza no investimento dos modelos em uma situação real, ou seja, este tipo de estudo pode e deve ser realizado em situações reais de investimento em qualquer que seja a atividade financeira, tanto para o micro, pequeno ou grande empreendedor, rural ou urbano. “Este tipo de estudo é deveras importante, pois pode-se minimizar o risco de mercado com pesquisa e informação. Essa estratégia simples será igualmente boa para todos os produtores, porém ela deve ser adaptada para suprir as capacidades internas e ambientais (externas) competitivas”, comenta o professor Bruno.

O que os resultados indicam/informam?

O professor Deminicis conta que os resultados demonstraram viabilidade econômica para os dois sistemas analisados. Em relação à criação de cordeiros no sistema a pasto, VPL anual de R$ 640.557,33 e TIR 18,96%. O sistema confinado apresentou VPL anual de R$ 1.083.896,91 e TIR de 21,84%. Para a criação de cabritos, a equipe encontrou o resultado de simulação para o sistema a pasto de VPL anual de R$ 8.377,00 e TIR 15,67% e para o sistema confinado um VPL anual de R$ 11.528,44 e TIR de 19,32%.

Os resultados da simulação de Monte Carlo evidenciaram elevada probabilidade de rentabilidade dos dois sistemas de produção serem maiores que ao rendimento da poupança (7%), com o sistema de produção em confinamento apresentando maior retorno econômico. O professor Deminicis explica ainda que, no quadro configurado para a metanálise estruturada de dados simulados, não foi considerada uma escolha especifica por raça. O pesquisador informa que “a raça de ovinos de corte mais criada no Brasil é a Santa Inês, sendo esta uma raça desenvolvida no nordeste brasileiro, resultante do cruzamento intercorrente das raças Bergamácia, Morada Nova, Somalis e outros ovinos sem raça definida (SRD)”.

 

Equipe responsável pela pesquisa

Proponente e coordenador: profº Dr. Bruno Borges Deminicis

Discentes: Daniel Santos Ferreira (Bolsista IC CNPq) e Thassiana Lacerda Coelho (Bolsista IC UFSB)

 

Assaí Atacadista é inaugurado em Ilhéus com investimentos de 60 milhões

POR SECOM

Mais um empreendimento para somar na economia de Ilhéus, especificamente na rede atacado. Foi inaugurado na manhã desta sexta-feira (26), o Assaí Atacadista, a primeira do Sul da Bahia. O ato contou com a presença do governador Rui Costa, acompanhado do prefeito Mário Alexandre e do seu vice, José Nazal, além do presidente do grupo, Belmiro Gomes, autoridades políticas e população. O Assaí Ilhéus recebeu investimentos de R$60 milhões e gerou 440 empregos no município.

Na cerimônia, Rui ressaltou o surgimento de empreendimentos como o Assaí Atacadista, na geração de centenas de empregos e no fortalecimento da economia para o município. “Lojas como essa geram em média mais de quatrocentos empregos, facilitam o acesso da sua população aos bens de primeira necessidade e aumenta a concorrência, o que leva a redução de preços. Então, isso é bom para a população e bom para economia”.

Presente para Ilhéus – Ao considerar a grandeza do empreendimento, Mário Alexandre lembrou da força do seu governo e empenho dos vereadores na atração do centro de compras. “Antes mesmo de assumir o governo municipal conversei, lá em São Paulo, com o Belmiro e convidei ele para instalar uma loja em Ilhéus.  Acompanhamos a evolução desde as primeiras tratativas, construção e agora, esse presente para o povo de Ilhéus”, comemorou.

Por sua vez, o presidente do Grupo Assaí, Belmiro Gomes destacou a competitividade de preços para o consumidor. “O empreendimento traz a proposta de um preço competitivo ao consumidor, o que é o diferencial em relação às demais lojas do mesmo ramo em Ilhéus. Então, é motivo de muito orgulho, se tratando de uma região tão importante. Vai trazer muitos benefícios não apenas para Ilhéus, mas para os municípios que estão aqui à sua volta”.

Alegria – A consumidora Márcia Costa chegou cedo ao atacadista. Depois de inaugurado, ela tratou de se dirigir ao balcão para fazer o cartão do cliente, e aproveitar as vantagens. “A gente fica muito feliz, é mais um empreendimento para nossa cidade, e essa alegria, quero logo garantir meu cartão”, relatou.  A mesma opinião foi a do seu Josias Filho. “Nosso povo está alegre com a chegada do Assaí, então, hoje, vou aproveitar para comprar muito”, opinou.

O Assaí Atacadista é uma empresa do Grupo Pão de Açúcar (GPA), e uma das maiores redes de atacado de autosserviço do Brasil. Serão oferecidos cerca de sete mil itens entre hortifrúti, mercearia, alimentos, embalagens, higiene, bebidas e limpeza, de grandes marcas regionais, nacionais e importadas. Localizada à margem da BA-001, Ilhéus-Canavieiras, o Assaí funcionará de segunda à sábado, das 7 às 22h, aos domingos e feriados, das 7 às 18h.

 





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia