WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom ponte ilheus embasa secom bahia


outubro 2019
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  








NOTÍCIAS DA AVEP

17ª RODADA DE VITÓRIA DOS CAPITÃES ALEX DE MOISES E VALDOMIRO

2 a 1 e 3 a 2 foram os placares dos ‘babas’ respectivamente nos campos Grimaldo e Martial, aliás escores de dois bons jogos, e fizeram parte da 17ª rodada da Associação dos Veteranos de Esporte Praiano –AVEP, entidade de ‘babas de praia’ quase centenária de Ilhéus, da mencionada modalidade esportiva realizada dia 29 de setembro de 2019. No Grimaldo (o de 2 a 1) a vitória foi da equipe do Capitão Alex de Moises ao vencer a do Capitão Eldon do Ofertão com 2 gols do próprio Alex de Moises; Charles Reis fez para a perdedora; no Martial com gols de Luís Claudio(2) e Mario Sergio o time do Capitão Valdomiro venceu o do Capitão Renatinho dos Leais; Fabio Alan e Alan Firula marcaram para o perdedor. Os juízes Werlem Lima (Campo Grimaldo) e Wilson Salviano arbitraram os ‘babas’ sem reclamações mais contundentes, conforme os olheiros de árbitros, contra eles por parte dos ‘babistas’. Ambos integram a Associação de Árbitros de Futebol de Campo de Ilhéus –AAFCI. Levaram Cartão Amarelo: Valdomiro, Luciano Santana, Ismar Landgol, Gutemberg e Eldon do Ofertão. Dirigiu a rodada como Diretor de Baba do Dia, o beque-um tanto ‘atacativo’ Dinho da Van.

COMENTÁRIOS

Na mesma linha desta Notícias, os olheiros também foram de acordo que houve dois ‘babas’ bem disputados. No Grimaldo o quadro do Cap. Eldon do Ofertão saiu na frente do placar e entrou no vestiário ganhando de 1 a 0 pro de Cap. Alex de Moises que, mesmo sofrendo pressão até os 20’ da 2ª etapa, resistiu, empatou aos 25’ e aos 30’ selou a vitória por 2 a 1. No Martial o time do Cap. Renatinho dos Leais vencia o baba de 1 a 0 até os 10’ da 2ª etapa, sofreu o empate para o adversário aos 15’, botou vantagem novamente fazendo 2 a 1 aos 20’ mas daí em diante cedeu a posse de bola para o time do Cap. Valdomiro que igualou o placar de 2 a 2 aos 30’ e a vitória de 3 a 2 aos 35’.

Além desses comentários escolheram Alex de Moises, Luciano Santana, Marconi, Gutemberg Trator, Charles Reis, Daniel Murta, Fabio Alan, Junior Murta, Correia do HSBC, Luís Claudio, Mario Sergio e Valdomiro destaques da rodada.

Equipes que atuaram, conforme súmulas, no Campo Grilmaldo:

(Cap. Alex de Moises): Goleiro Marcelo(Claudio Assis entrou no intervalocomo quebra-galho), Gutemberg Trator, Djalma Peludo, Prof. Jorge Reis e Gilson; Danilo, Paulo Cesar, Luciano Santana, Marconi, Wendel da Autoescola e Alex de Moises.

(Cap. Eldon do Ofertão): Goleiro Ricardo, Sizinio do Remo(Ismar Landgol entrou aos 35’ da 1ª etapa), Luís Mario Garotinho, Rogério ‘Boca Preta’ Midlej e Silva; Souza da Polícia, Daniel Murta e Charles Reis; Eldon do Ofertão, Crispa da Galera do Fla e Garrancho 100 Anos de Praia(Nilton do BB entrou no intervalo).

Equipes que atuaram, conforme súmulas, no Campo Martial:

(Cap. Renatinho dos Leais): Goleiro Rosivaldo(Goleiro Fernando entrou no intervalo), Pedro Chama Gol(Everaldo Cabeça de Flande entrou no intervalo), Marcondes, Gilcelio Ram Ram e Cezar Alves; Junior Murta, Major do Bahia de Itabuna e Fabio Alan; Renatinho dos Leais, Artur ‘Alicate’ Kruschewsky e Alan Firula.

(Cap. Valdomiro): Goleiro Claudionor, Mario Cabeça Branca, Correia do HSBC, Luís Claudio e Paulinho da AFC; Adauto Negocinho, Zé Eduardo e Passos de Uruçuca; Erisvan (Vado do Bradesco entrou no intervalo), Mario Sergio e Valdomiro

DJALMA PELUDO X ISMAR LANDGOL

Como é praxe bom número de avepianos após os domingueiros ‘babas de praia’ se deslocarem para um encontro etílico no Bar Três Irmãos do promoter avepiano Zezinho da Baixa Fria, aí nos lances inevitáveis que sempre acontecem entre os presentes depois da ingestão de constantes ‘umas e outras’, um, foi, há pouco tempo, digno de registro: a aposta proposta pelo beque-de-espera III Djalma Peludo ao atacante-ligeiro Ismar Landgol rezando que na Temporada 2019 o citado atacante não chegaria a 12 gols. O desafio proposto pelo Peludo tinha sentido porque, ocorridas 5 rodadas Landgol sequer havia feito m golzinho de cagada. E mais: vinha jogando mal pra cacete. E assim saiu o acordo: o avante Landgol tinha que fazer 12 gols até o fim da Temporada, caso contrário o obrigava pagar 6 caixas de ‘litrão’; em contrapartida o beque Peludo se submeteria –se os gols não fossem conseguidos– a uma solene raspagem de sua vasta pelugem corpórea. Resultado: Como o atacante-ligeiro Ismar Landgol havia completado uma dúzia de gols desde a rodada passada (a 16ª), então o beque-de-espera III Djalma Peludo, cumprindo a palavra de ‘machocho’, não correu do pau e –mesmo com o chororô de seu negocinho, o avepiano Adauto Negocinho–, se submeteu à raspagem de seu cabeludo corpo. Raspagem esta realizada pelos avepianos adeptos da esculhambação com tesouras, maquinas de barbear entre outros instrumentos de corte, meio a discursos e lamentações. Local do ocorrido: Bar Três Irmãos – na Baixa Fria.

CESTA DA FRATERNIDADE

Nesta rodada o presidente Djalma Peludo em nome da AVEP doou a Cesta da Fraternidade (cesta com alimentos não perecíveis doados pelos associados) a Casa de Apoio ao Paciente com Câncer Dom Eduardo, importante entidade filantrópica da cidade de Ilhéus.

IVO BABA NA AVEP

A estreia de Ivo Baba na AVEP na rodada passada motivou um grupo de associados a rolar um papo sobre o futebol das antigas de Ilhéus e, nele participava o ex beque-defensivo e ‘atacativo’ de Camamu, Everaldo Cabeça de Flande que saiu com essa: “Rapaz, esse Ivo Baba é um conversador da porra! Fala pelos cotovelos e não deixa ninguém falar, mas tem uma coisa: jogava pra cacete!”. Cabeça de Flande também é conhecido como a língua ferina avepiana.

Bom, é justamente na ‘jogava pra cacete’ –deixando o resto da descontraída brincadeira de Cabeça de lado– que este escrito quer se prender, ou seja, à passagem –embora em brevíssimo relato– de Ivo Baba no futebol.

Em campo na cata de informações, esta Notícias encontrou o nome do homem: Lenival Oliveira de Carvalho – nascido aqui na Capitania dos Ilhéus em 19.05.1945

Como se vê, nada tem a ver com Ivo o que sugere –mesmo sem haver chegado a alguma conclusão– se tratar de nome artístico ou de fantasia. Com o nome “Baba”

alguns pesquisados insinuaram poder estar ligado àquele “Baba” do Flamengo dos tempos áureos do futebol carioca, mas só insinuações.

Por falar neste time rubro-negro Ivo iniciou a jogar futebol muito cedo, atuando no Flamengo ilheense (o amarelo e preto) em 1961 e 1962. Entre 1963 e 1965 jogou pelo Colo Colo, da Princesinha do Sul, passando integrar a Seleção de Futebol Amador de Ilhéus e torna-se campeão em 1966 por esta seleção no Torneio Intermunicipal Baiano de Futebol. Neste mesmo ano de 1966 voltou ao Flamengo ‘amarelo e preto’ de Ilhéus e é convocado para a Seleção Baiana de Amadores para participar de um torneio interestadual realizado em Recife-PE.

No período de 1967 a 1969 volta a vestir a camisa do Colo Colo ilheense, desta feita como profissional.

Em 1970 se incorpora –também como profissional– ao Itabuna Futebol Clube da cidade vizinha, e sagra-se vice-campeão baiano por este clube.

Em 1971 e 1972, ainda como profissional retorna a Terras da Gabriela e joga no Ilhéus de Futebol e Regata.

Ivo Baba, no entanto, não ‘amarra as chuteiras’ no Ilhéus de Futebol e Regata pois, mesmo se eximindo da responsabilidade de vínculo clubista –no âmbito amador e profissional– ele, um ‘fominha de bola’ confesso, como reconhece seus admiradores, continuou jogando aqui, ali, acolá, nos campos soçaites, nos ‘babas de praia’ e até nos famosos rachas de ruas de tempos idos, os chamados ‘gol a gol’.

Pois é, Ivo jogou nos ‘birros’ quando a Região Cacaueira –em especial Itabuna e Ilhéus– praticava um futebol de qualidade exemplar, como exemplar foi seu futebol.

Este ‘brevíssimo relato’, como mencionado acima, faz parte –partido da AVEP e desta Notícias– das ‘boas vindas’ a IVO BABA, atleta que deu parcela de contribuição importante ao futebol da Região Cacaueira e por tabela, ao da Bahia.

Em tempo: o relato teve a firme contribuição, ajustando datas e eventos, do volante avepiano Luciano Santana.

PAULO GOIS: DE FERVOROSO FLAMENGUISTA A CORINTIANO ROXO

As idas do beque-de-espera II Paulo Gois a São Paulo todo fim de ano –de férias do Bradesco– deu no que deu: de fervoroso flamenguista virou corintiano roxo. Não duvide os mais incrédulos. Acontece que Paulo Gois tem um primo chamado Carlos Gois que mora em São Paulo e que em tempos atrás foi da divisão de base do Corinthians.

Nas referidas estadias do beque-de-espera II na capital paulista, o primo não titubeava em leva-lo a Arena Corinthians (o chamado Itaquerão) e a sua sede social.

Aí velho, o cara foi gostando e paquerando aquele estadiozão e aquela sede cheia de piscinas enormes e, num processo de vira-folha irreversível, não deu outra: não pensou duas vezes em trocar o time carioca, outrora do coração, pelo paulista Corinthians.

Obs. no ano passado Carlos Gois a convite, aproveitando a curta permanência aqui na Terra da Gabriela, atuou na AVEP

Texto do associado Heckel Januário. Fotos das “babas” de Marconi Almeida, fotógrafo oficial e diretor de Divulgação da Avep. O Prof. Jorge Reis é o fotógrafo de momentos etílicos desta entidade e seu Secretário.

1 resposta para “NOTÍCIAS DA AVEP”

  • Henkel Januário says:

    No trecho do tópico Djalma Peludo x Ismar Landgol onde se lê – se os gols não fossem conseguidos – leia-se – se os gols forem conseguidos –

Deixe uma resposta para Henkel Januário





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia