WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
embasa sesab bahia


Abril 2020
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  






:: 26/abr/2020 . 16:10

Guarda Civil de Ilhéus intensifica ação preventiva para conter aglomeração

Para conscientizar e orientar moradores de Ilhéus sobre a seriedade da pandemia do novo Coronavírus e as medidas decretadas pelo prefeito Mário Alexandre, com o objetivo de conter a proliferação do vírus na cidade, a Guarda Civil Municipal (GCM) realiza, por toda cidade, operações preventivas. Nas últimas semanas, o grupamento esteve em ações de fiscalização em mercados, estabelecimentos considerados essenciais e outros locais que geram reunião de pessoas.

Os guardas civis de Ilhéus têm orientado moradores e frequentadores de feiras livres, com a mensagem de alerta, pedindo que as pessoas respeitem o distanciamento social, medida que é considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como a principal forma de evitar a disseminação do vírus. A ação é vista também nas praias do município. No relato do GCM, Cleidson Santos da Silva, a população ainda não se conscientizou da real situação.

“Com o fechamento do comércio devido a pandemia, o fluxo de pessoas diminuiu, mas ainda há presença de pessoas nas mediações de bancos e casas lotéricas. Daí o surgimento de grandes filas para acessar os serviços. Orientamos a população evitando aglomerações. Então, o cuidado deve ser redobrado, além do uso de máscara nos locais de trabalho e nas ruas, caso haja necessidade de sair”, relatou Cleidson.

Ronda nas praias – Leonardo Bandeira, comandante da GCM de Ilhéus, informou que esta semana, a instituição atuou no perímetro de praias e relatou as ações. “Recebemos denúncias sobre a ocorrência e presenciamos a formação de ‘babas’ em algumas praias. Nossa ronda chegou ao local e precisou interromper a partida para acabar com a aglomeração. A guarnição destacada fez a orientação para que o grupo voltasse para suas casas”.

As operações preventivas da Guarda Civil Municipal continuam em toda a cidade e envolvem ainda o Setor de Fiscalização e Posturas e o Condecon da Prefeitura de Ilhéus. A instituição pode ser acionada por qualquer cidadão através dos números (73) 99982-9490; (73) 99909-2265 ou (73) 99981-1706, das 8h às 18h. O serviço também funcionará das 18h às 23h, nos números (73) 99913-1356 ou (73) 99857-8690.

Ilhéus: Novo decreto obriga uso de máscara e impõe medidas duras

Por secom

#Ilhéuscontraocoronavírus – Prefeitura de Ilhéus, por meio da atuação do Gabinete de Crise, diante do alarmante crescimento dos casos confirmados de Covid-19 na cidade, publicou na noite deste sábado (25) um novo decreto no Diário Oficial do Município com medidas mais duras. O uso de máscaras por todos os munícipes passa a ser obrigatório, alguns estabelecimentos essenciais funcionarão em dias intercalados e restrições no trânsito serão realizadas. O objetivo, conter o avanço da contaminação do novo coronavírus em Ilhéus. A vigência inicia na primeira hora desta segunda-feira (27).

A partir desta próxima segunda-feira (27) todas as pessoas no território do município de Ilhéus serão obrigadas a usar máscara facial de proteção, seja nas vias públicas, praças, em veículos, para acesso a estabelecimentos públicos ou privados, seja no trabalho ou não. Qualquer pessoa poderá acionar a polícia para a condução de quem não respeitar a norma à Delegacia de Polícia, podendo ser indiciado ou indiciada por crime contra a saúde pública.

Estabelecimentos autorizados a funcionar devem afixar avisos na entrada do imóvel com advertência aos clientes sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras, caso contrário, o consumidor não será atendido.

Agências bancárias e casas lotéricas devem registrar sinalização horizontal que indique o distanciamento entre as pessoas nos locais das filas, e colocar funcionários para manter a organização e o respeito à sinalização registrada. Além disso, os bancos devem apresentar um plano de ação para a descentralização do atendimento em agências, por meio da instalação de postos de atendimento para a solução de dúvidas e solicitações, nos bairros ou em pontos estratégicos da cidade, para diminuir as aglomerações. O prazo é de 72h após o início da vigência do decreto, sob pena de multa.

Uma alteração trazida pelo decreto é em relação à alternância do funcionamento de determinados estabelecimentos essenciais em alguns dias da semana, não mais sendo autorizado o funcionamento em dias corridos.

Lojas de alimentos em geral (padarias, hipermercados, supermercados, mercados, açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros, quitandas e centros de abastecimento de alimentos), distribuidores de gás e de água mineral, estão autorizados a funcionar em dias corridos da semana somente até às 19h, com exceção das farmácias, postos de gasolina e atividades delivery de alimentação que podem funcionar para além desse horário.

As lojas de vendas de material de limpeza, de material de construção, de manutenção de impressora, de recarregadoras de cartuchos, óticas e lavanderias, só podem funcionar nas segundas e quartas-feiras, das 9h às 15h.

Já as lojas de vendas de alimentação e remédios para animais, de insumos ou equipamentos agrícolas, oficinas, borracharias e autopeças, estão autorizadas a funcionar somente nas terças, quintas e sextas, das 9h às 15h.

Os estabelecimentos que desrespeitarem o decreto ou estiverem inadequados, serão multados, podendo o alvará ser suspenso ou cancelado, assim como a licença de funcionamento. Se necessário, poderá ser realizada a apreensão de bens e usada a força policial para fechamento, e o infrator se responsabilizado civil e criminalmente. A devolução dos bens apreendidos será condicionada ao pagamento da multa, com exceção de alimentos perecíveis, que serão revertidos para instituições beneficentes, como abrigos.

A Superintendência de Transporte e Trânsito Mobilidade de Ilhéus (Sutram), realizará blitze para fiscalizar o uso das máscaras pelos munícipes e o bloqueio de vias públicas consideradas estratégicas para o controle de circulação de pessoas, com o objetivo de reduzir o tráfego, bem como proceder à redução de vagas de estacionamento.

PSICOMUNDO <> TERRÍVEL PRAGA DE INSANIDADE DE VIOLÊNCIA CONTRA MULHERES <>

O perfil de homens autores de violência contra mulheres detidos em flagrante torna-se muito triste, desiguais e desumanos. São desastrosas as contribuições para o enfrentamento dentro de tantas residências em nosso País. E não podemos caracterizar essas ocorrências com dificuldades econômicas, pois verificamos tantas pessoas pobres financeiramente, o que podemos afirmar com certeza essa origem é a ausência de educação moral, social e humana. A violência contra a mulher compreende atos praticados em ambiente público ou privados e, em diversos contextos do cotidiano, porém, é no ambiente doméstico que, fundamentalmente, ela ocorre. É praticada quase sempre por homens da família que exercem relações de poder sobre as vítimas e, ao serem protegidos pelos laços afetivos, podem levar ao extremo as relações de dominação, originadas na cultura patriarcal que ainda se perpetua.

A união conjugal entre homens e mulheres perderam as importantes ações de projetos no conhecimento das qualidades em personalidades e temperamentos entre si. Daí a existência de tantas fragilidades criadas por fortes emoções de caráter. Muitas pessoas detidas em flagrantes delitos policiais, notadamente os homens, estão sempre sendo causadores de crimes e fortes desastres sociais em famílias. A partir das pesquisas e análises obtidas através dos resultados diante aos inúmeros depoimentos nas Delegacias das Mulheres, foi possível constatar que os agressores detidos eram, exclusivamente, do sexo masculino, com predomínio de adultos jovens, casados, contra a mulher, já que uma parcela significativa delas, mesmo tendo denunciado, retorna ao convívio do agressor no intuito de manter o vínculo familiar. Essa evidência também foi constatada em estudo desenvolvido com mulheres que sofreram violência e necessitaram proteger-se em uma casa-abrigo, no qual 18,3% delas manifestaram o desejo retornar ao convívio com o agressor.

O valor cultural entre as pessoas que buscam a convivência a dois em relacionamento para uma vida em família, nem sempre são valorizados, pensados e analisados olhando o futuro dentro de uma sociedade muitas vezes extravagante e desigual materialmente. Tem momentos que algumas pessoas buscam o ter e esquecem o ser. Nessas transformações de valores para obtenção do respeito recíproco e mutuo rolam muitos acontecimentos judiciais. Diante disso, imaginamos que a determinação de valores diferenciados para cada agressor também foi estabelecida, considerando que para definir o valor da fiança a autoridade deve considerar o tipo de infração cometida pelo agressor, suas condições pessoais de fortuna e vida pregressa, as circunstâncias indicativas de sua periculosidade, bem como a importância provável das custas do processo. Segundo as leis, nos casos em que o juiz constatar a impossibilidade de pagamento por motivo de pobreza, poderá conceder ao réu a liberdade provisória com isenção de valor monetário. :: LEIA MAIS »





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia