WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia secom saude embasa sesab bahia


Fevereiro 2021
D S T Q Q S S
« jan    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  






:: ‘Espaço do Leitor’

O Leitor pergunta!

Um dos assuntos mais discutidos nas ruas se refere à ligação da nova ponte com a zona norte (sai na Soares Lopes, onde? Passa no Social, no Iate? Mas essas ruas são estreitas!). Por que as autoridades competentes não divulgam um mapa a fim de reduzirmos nossas preocupações diárias com a atual engenharia de tráfego da City? Haverá ciclovia entre o cadeirante e o ônibus?

Josemildo Linhares

NOTÍCIAS DA AVEP

DEU EMPATE E GOLEADA DA EQUIPE DO CAP. MARCONI NA 2ª RODADA

No domingo(17) pela manhã a Associação dos Veteranos de Esporte Praiano –AVEP, entidade de “babas de praia” quase centenária em atividade de Ilhéus, realizou a sua 2ª rodada da referida modalidade esportiva marcada no Campo Grimado pelo empate das equipes dos capitães Alvinho e Crispa da Galera do Fla. Os gols pro primeiro foram de Eldon do Ofertão e Marcondes (contra); pro segundo fizeram Luciano Santana e Alex de Moises. No Campo Martial aconteceu goleada do quadro do Capitão Marconi sobre o do Capitão Renatinho dos Leais pelo escore de 7 a 1, aliás, a segunda vitória consecutiva desse comandante na temporada com gols marcando pelo próprio capitão Marconi(3), Mario Sergio, Zé Eduardo(2) e Charles; Alan Firula foi autor do único do perdedor. Marcaram os babas Wilson Salviano (Campo Grimaldo) e Ilmario Ursulana Rocha, ambos pertencem à Associação de Árbitros de Futebol de Campo de Ilhéus – AAFCI e marcaram bem de acordo os olheiros de árbitros. Receberam Cartão Amarelo os veteranos: Alan Firula, Itiuba, Cesinha da Nacional e Luciano Santana. Como acontece de duas em duas semanas os ‘babas’ foram realizados na praia da Avenida Soares Lopes (imediações do espaço cultural Tenda Teatro Popular de Ilhéus).

Equipes no Campo Grimaldo:

(Cap. Crispa da Galera do Fla): Goleiro Ricardo do Caminhão, Mario Cabeça Branca(Eduardo Japonês entrou no intervalo), Galletti da Rio de Engenho, Itiuba e Passos de Uruçuca; Adauto Negocinho, Danilo, Luís Humberto, Major do Bahia de Itabuna, Crispa da Galera do Fla e Eldon do Ofertão.

(Cap. Alvinho): Goleiro Rosivaldo, Geraldo da Ceplac, Marcondes Corretor, Alvinho e Silvio Reis (Ralio da Contabilidade entrou aos 15’ da 2ª etapa); Vado do Bradesco(Udson da Polícia entrou aos 20’ da 2ª etapa); Nilton do BB(Silva entrou no intervalo), Cesinha da Nacional(Paulinho da AFC entrou no intervalo), Luciano Santana, Tabosa do Ofertão (Duda Pantera entrou no intervalo) e Alex de Moises

Equipes no Campo Martial:

(Cap. Marconi): Goleiro Marcelo da Receita(Goleiro Fernando entrou aos 35’ da 1ª etapa), Gilson, Cesar de Militão, Luís Mario negocinho e Zé Eduardo; Heckel Januário (Pescador entrou no intervalo)(, Charles, Daniel Murta, Carlão do Taxi, Mario Sergio e Marconi.

(Cap. Renatinho dos Leais): Goleiro Luciano, Gutemberg Trator(Podão entrou no intervalo), Djalma Peludo, Luís Eduardo LE7 e Waldemar da Codeba(Souza da Polícia entrou no intervalo); Robson, Bira da Polícia, Claudio Assis(ninguém entrou em seu lugar – Assis saiu aos 35’ da 2ª etapa), Ismar Landgol, Alan Firula e Renatinho dos Leais.

COMENTÁRIOS

No espaço deste tópico anexamos o texto abaixo dedicado à Confraternização de fim-de-ano da AVEP, que saiu na Revista AVEP, impressa. :: LEIA MAIS »

PSICOMUNDO <> CONVIVENDO COM A FALTA DE HIGIENE MENTAL POLÍTICA <>

A nossa população precisa de muita atenção acerca do futuro político da sua majestosa cidade. Os escritórios dos políticos, os mesmos, aqui enraizados estão em fase de arrumação. Afinal está se aproximando os conchavos da escolha da classe política e os eleitores precisam ter cuidados com os engodos, demagogias, e se ligar nas ações da turma dos catadores de votos cheios de sorrisos e falsas promessas. Nada mais importante do que olhar nos olhos desses caras a fim de verificar as suas articulações para a conquista do poder da cidade de Ilhéus. Muitos ilheenses marcam decepções e vivem a pensar que o IPTU continua estacionado ai para ser cobrado novamente com os ditames votados numa madrugada, e todos sabem o grande articulador dessa farra, e muitas pessoas afirmavam ser o cinquentinha, é de matar qualquer cristão. Assim, já estão por aí se arrumando novamente, indivíduos supostamente com a cara de bons administradores e outros 19 pressupostos candidatos a vereadores, visando tomar conta da afortunada terra de São Jorge, e dizem os mais revoltados, Ilhéus se tornou uma pobre e desamparada viúva sem pai, sem mãe e sem filhos.

As campanhas para as novas eleições já estão em curso, porém, notamos que são poucas as realizações sérias para oferecer aos munícipes de forma imediata a impressão de que surgiram mudanças a fim de resolver tantos problemas administrativos que a classe política brasileira instalou no Brasil. O poder de gestão governamental em alguns setores da nossa nação sofreu uma desarrumação, deixando todos revoltados. Ficou insuportável a tremenda fase desconfortável que passa o nosso país, dessa forma a paz não poderá ser uma bandeira branca. Temos que exterminar a falta honestidade, viver com a alma limpa das pessoas que organizam o desenvolvimento da nossa Terra. Vivemos sempre em busca da serenidade e da fraternidade, contudo, poucos sabem o que significa no Brasil o respeito pela sua soberania.

A ideia da criação de uma sala médica para atender feirantes na Central de Abastecimento do Malhado foi coisa do passado e fora esquecido em outras administrações, nesse local cabe um Posto Médico. O que nos faz refletir é a situação da falta de higiene que há muito tempo a nossa população vem assistindo nas instalações dessa central. A falta de segurança de forma geral, notadamente, ligada aos assaltos relâmpagos contra os feirantes, costumeiramente praticados por vândalos ligados ao crime de furto dos pertences alheios. A ausência de fiscalização persistente nas qualidades dos produtos, muitas vezes deteriorados, ali colocados à disposição de venda aos consumidores. E sobtetudo, as condições sanitárias para atender com respeito e higiene a nossa população. Aliás, em nossa cidade é muito difícil a localização de sanitários públicos higienizados que venham atender, principalmente aos turistas que nos visitam. Esses seriam inicialmente os carentes projetos para a revitalização do local onde são adquiridos produtos alimentícios para as necessidades básicas dos ilheenses.

Na organização do nosso País, todos são chamados a colaborar, quer diretamente, quando ocupamos um cargo, seja qual for, na administração pública, quer na condição de mais um dos que, pelo pagamento de impostos e taxas, contribuem, igualmente, para o desenvolvimento e prosperidade da Nação Brasileira. Gerenciar projetos requer conhecimentos administrativos, pois precisamos lidar com pessoas o tempo todo, coordenando suas ações para que os objetivos sejam alcançados. E quais seriam esses objetivos? Cumprir os prazos de entrega, manter o orçamento disponível e realizar as ações com qualidade. Por lidarmos com pessoas e administrarmos valores, a ciência envolvida é administrativa.

No Brasil é fácil observar que as administrações públicas não demonstram transparência que imponha a confiança imperativa para sua população. Existe um desconhecimento de projetos para seguir modelos visando com seriedade metas governamentais. Então vale refletir com questionamentos aos políticos, representantes do povo, mais especificamente, o que é um projeto? É um conjunto de atividades temporárias, realizadas em grupo,

destinadas a produzir um produto, serviço ou resultados únicos. No entanto, a criação de um projeto é temporária no sentido de que tem um inicio e fim determinados no tempo, e, por isso, com objetivo estabelecido e com recursos definidos. Então, trata-se de realizações sérias e com a envergadura de trazer benefícios firmes e duráveis, ausentes de desvios de verbas e superfaturamentos reconhecidos por propinas. PENSEM NISSO!!!

Eduardo Afonso – Ilhéus-Bahia

Ilhéus – cidade literária

A cidade de São Jorge de Ilhéus é conhecida internacionalmente pelas belezas naturais e pela História, mas não somente essas características demarcam a cidade. A Princesa do Sul chama a nossa  atenção, a dos visitantes e de diversos interessados  também pela literatura. Não nos reta dúvida que o campo literário é construtor do imaginário da cidade de Ilhéus. Vários são os espaços físicos, as ruas e os alimentos que nos tocam pela literatura.  A literatura oriunda das terras de Ilhéus até pode ser considerada de cunho regionalista, mas foi universalizada e alcança o mundo.

Aproveito, com a devida vênia, para sensibilizar alguns, que Ilhéus pode aproveitar a qualidade de cidade literária para fazer parte do projeto da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) batizado de Rede de Cidades Criativas. Salvador integra no campo da música. Ilhéus pode fazer parte do clube pela via da literatura. Certamente fará bem a Princesa do Sul e a literatura regional. Certa vez, o escritor Adonias Filho perguntado sobre o que Ilhéus produzia, além de cacau, ele respondeu – escritores.

A Rede de Cidades Criativas foi criada pela UNESCO em 2004, cujo objetivo é promover a cooperação com e entre as cidades que identificaram a criatividade como um fator estratégico para o desenvolvimento urbano sustentável. A rede também está comprometida com o desenvolvimento da Agenda para o Desenvolvimento Sustentável 2030 e estão entre seus objetivos são o estimulo e o reforço as iniciativas lideradas pelas cidades-membros para tornar a criatividade um componente essencial do desenvolvimento urbano por meio de parcerias entre os setores público e privado e a sociedade civil.

É e transformador para os apaixonados por livros aos caminhar por cenários de obras e lugares onde viveram escritores.  Pode se vislumbrar uma experiência romântica, alvissareira, transformadora ou até mesmo alfabetizadora… os sentimentos são os mais diferentes. Afinal, a literatura nos leva a diferentes lugares, deixa-nos curiosos para conhecer e Ilhéus desperta esse fascínio internacionalmente. :: LEIA MAIS »

Estado Estamental versus Estado Democrático de Direito

Por Gustavo Kruschewsky

Não cabe mais aceitar “os desmandos” dos politiqueiros que historicamente desgovernaram e continuam desgovernando muitos Municípios e muitos Estados membros Brasileiros. A operação Lava Jato está chegando para acertar as contas dessa turma…

Não estamos mais na Idade Moderna. Esta ocorreu aproximadamente do século XV até o século XVIII e daí surgiu o famigerado Governo e/ou Estado Estamental, em que os “governantes” tinham “status jurídicos próprios”. Este fenômeno foi outorgado pelo continente europeu.

O Estamento surgiu de obras daqueles que botaram a mão no “Poder” de forma centralizada. Será que o Brasil se “desenvolveu copiando os princípios aplicados no Estamento? Será que existe uma centralização nos dias de hoje, mesmo dizendo-se e formalizando-se uma “manutenção” da tripartição de três poderes, legislativo executivo e judiciário?

O “primeiro estado moderno”, que é chamado de Estado Estamental, do qual visivelmente era uma centralização do poder, mantinha o dualismo entre Rei, que compreendia o Senhor feudal-suas corporações e parlamentos denominados por cortes.

O pior de tudo era que a Sociedade Estamental dominada pelos senhores feudais não se movimentava socialmente, portanto, existia uma dicotomia, entre os que já nasciam no berço, por exemplo, das corporações dos senhores feudais, até à morte, tinham privilégios daquela sociedade e quem nascia servo, “morreria servo”. Um absurdo.

Efetivamente que o Estado Democrático de Direito não é bem assim, é lógico, tem-se oportunidade de nascer pobre e ficar bem de vida como também quem nasce em berço rico poderá empobrecer a posteriori. Todavia, a igualdade de oportunidades é uma tremenda interrogação no Estado Brasileiro.

Um dos traços parecidos entre o Estado Estamental para o Estado democrático de direito Brasileiro, por exemplo, é que no Brasil os detentores de qualquer um dos três poderes, lembram o “dualismo” do Estamento, ou seja, têm privilégios absurdos até mesmo quando deixam o cargo “político” que ocupavam, até a morte, com aposentadorias robustas. Nessa toada observe o famigerado FORO PRIVILEGIADO, típico do ABSOLUTISMO, em que a pessoa enquanto no exercício de determinado cargo exercendo certa autoridade, isenta-se de julgamento, como qualquer outra pessoa está sujeita. O foro privilegiado, tem previsão na Constituição Federal, é um foro especial concedido por prerrogativa de função. Essa norma estabelecida pela Constituição Federal desiguala poucos privilegiados de muitos desassistidos.

Vamos observar como vem essa “Reforma” da Previdência do novo Estado Estamental Brasileiro, ou, desculpe, do Novo Governo Brasileiro. Pelo que se vê, desde priscas eras, são todos os dois parecidos, ESTADO ESTAMENTAL & ESTADO DEMOCRÁTICO DE “DIREITO”.

Solidariedade: um caminho para a Paz

A Paz desarmada jamais resultará apenas dos acordos políticos, todavia, igualmente, de uma profunda sublimação do espírito religioso. Como grandes feitos muitas vezes têm suas raízes em iniciativas simples, mas práticas e verdadeiras, de gente que, com toda a coragem, partiu da teoria para a ação, com a força da autoridade de seus atos universalmente reconhecidos, valhamo-nos deste ensinamento de Abraão Lincoln (1809-1865): “Quando pratico o Bem, sinto-me bem; quando pratico o mal, sinto-me mal. Eis a minha religião”. Ora, ninguém nunca poderá chamar o velho Abe de incréu…

Dinheiro e fama podem tornar-se um pesado fardo para o ser humano. Dificilmente trazem felicidade. A não ser à medida que correspondam a benefícios promovidos em favor do coletivo. Eis um caminho para a Paz entre aqueles que tudo têm e os que necessitam de auxílio: Solidariedade.

Quando você compreende o sentido da renúncia, aprende a amar. É nesse momento que a felicidade genuinamente se apossa do seu coração. Lição do Bhagavad-Gita“Conhece a Paz quem esqueceu o desejo”.

 

Pensamento firmado na Paz

Transformações perenes com frequência surgem nos instantes de grande agitação histórica. Os tenazes crescem em tempos de refrega. Se o fizerem com o pensamento firmado na Paz, o efeito de seus esforços marcará sua passagem pela Terra com o sinete da Luz. O ilustre médico brasileiro Dr. Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti (1831-1900) ensinava que,“se aspiramos transmitir a Paz, se queremos elevar o coração da criatura, não podemos prescindir, em nossas vidas, de uma profunda e radical mudança na busca do fortalecimento da Fé e do entendimento dela”.

 O efeito da Justiça será a Paz

Os povos geralmente conseguem sobreviver às maiores confusões que lhes atravessam o caminho. É muito boa essa teimosia, esse bom senso de tanta gente que fundamenta as suas ações na Coragem, como também no Amor, no Bem, na Solidariedade, na Fraternidade e na Razão esclarecida pelo raciocínio iluminado por Deus. No entanto, nunca no fanatismo.

Tamanho denodo é que tem feito a Humanidade subsistir a tanta loucura. A seguinte lição de Isaías, no seu livro do Antigo Testamento da Bíblia Sagrada (32:17), referenda essa realidade quando afirma: “O fruto da Justiça será Paz, e a operação da Justiça, repouso e segurança para sempre”.

 

José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.

[email protected] — www.boavontade.com

Solidariedade em prol da Educação brasileira

Câncer de Mama

Paiva Netto

O Dia Mundial Contra o Câncer e o Dia Nacional da Mamografia (respectivamente em 4 e 5 de fevereiro) chamam-nos a atenção sobre um mal que acomete cada vez mais pessoas.

Segundo informa o Instituto Nacional de Câncer (Inca), quase 60 mil novos casos de câncer de mama deverão ser diagnosticados no país a cada ano. E ainda ressalta que este é o “tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do de pele não melanoma, respondendo por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. No Brasil, esse percentual é de 29%. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença”.

Conforme ressalta o Inca, “o exame clínico da mama deve ser feito uma vez por ano pelas mulheres entre 40 e 49 anos. E a mamografia deve ser realizada a cada dois anos por mulheres entre 50 e 69 anos, ou segundo recomendação médica”. E mais: “Embora a hereditariedade seja responsável por apenas 10% do total de casos, mulheres com história familiar de câncer de mama, especialmente se uma ou mais parentes de primeiro grau (mãe ou irmãs) foram acometidas antes dos 50 anos, apresentam maior risco de desenvolver a doença. Esse grupo deve ser acompanhado por um médico a partir dos 35 anos (…)”.

Quando detectado nos estágios iniciais, as chances de cura são de aproximadamente 95%. Contudo, aponta Ricardo Caponero, presidente do Conselho Científico da Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama (Femama), “ainda falta conscientização das mulheres para a importância da realização periódica da mamografia. (…) Apenas 30% das mulheres fazem o exame”. Desde 2009, o procedimento tem cobertura gratuita pelo Sistema Único de Saúde (SUS), direito assegurado pela Lei no 11.664/2008. Em prol de sua saúde, as mulheres não podem abrir mão desse benefício.

Prevenção

Para melhor conhecimento de todos sobre o assunto, vale consultar o site do Inca (www.inca.gov.br). Vejam, por exemplo, algumas dicas de prevenção: “Controlar o peso corporal e evitar a obesidade, por meio da alimentação saudável e da prática regular de exercícios físicos, e evitar o consumo de bebidas alcoólicas são recomendações básicas para prevenir o câncer de mama. A amamentação também é considerada um fator protetor”.

Não prescindamos igualmente de recorrer ao Amparo Celeste, que tem em Jesus, o Divino Médico, o inesgotável manancial da saúde almejada por todos. Saúde espiritual e corpórea.

 

José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.

[email protected]www.boavontade.com

 

 

JABES NA BERLINDA

 Estou fazendo uns trabalhos em Itabuna, e por esta razão tenho passado mais tempo nesta cidade que em Ilhéus. Mas com alguma frequência estou na antigamente chamada Princesinha do Sul, e através das redes sociais me mantenho informado sobre o que acontece na terra em que nascí, me criei, amo, e para onde breve pretendo voltar. Uma coisa que tem me chamado a atenção ultimamente é a quantidade de notícias, artigos, postagens no facebook e em blogs, assim como conversas nas esquinas de Ilhéus, nas quais o assunto principal é o nosso ex-prefeito Jabes Ribeiro.
Muitas acusações, muitas críticas, algumas diria que até pertinentes, muitas verdades, algumas mentiras. Mas o que podemos constatar é que Jabes é, como se diz, a “bola da vez”. Vejam que até de ser o responsável pela demissão em massa de servidores municipais feita recentemente pelo Prefeito Mario Alexandre, para cumprir determinação judicial, ele foi acusado.
Tenho uma teoria sobre a razão destes, até inesperados acontecimentos, e narro a seguir. Já começou a campanha para a sucessão municipal e isto é sabido por todos. E todos sabem também a importância que tem Jabes neste processo eleitoral, seja com candidatura própria ou mesmo apoiando terceiros.
Então o que me ocorre é que andaram fazendo alguma pesquisa por aí e constaram que Jabes, diretamente ou mesmo indiretamente tem e terá enorme importância nas próximas eleições municipais.
Então seus adversários políticos, quase que de forma cooperada, passaram a fazer uma cruzada para tentar de todas as formas atingi-lo, diminuindo assim a sua importância nas próximas eleições municipais. Pois é meus amigos, o experiente político Jabes Ribeiro está vivíssimo inclusive politicamente e ainda assusta e enseja cuidados especiais por parte dos seus adversários. Vida politica longa a ele é o que desejamos.
CARLOS MASCARENHAS

PROJETO MÚSICA NA PRAÇA NÃO OFERECE BANHEIRO QUÍMICO

ATENÇÃO REDAÇÃO DO SITE R2CPRESS;

SOU FREQUENTADOR DA PRAÇA CASTRO ALVES (PRACINHA DA IRENE), NOS DIAS QUE ACONTECEM EVENTOS MUSICAIS, PORÉM NÃO EXISTEM BANHEIROS QUÍMICOS, NOS OBRIGANDO A SE DESLOCAR ATÉ O OUTRO LADO, NAS MEDIAÇÕES DA PISTA DO SKATE E POR ALI OS RISCOS SÃO NARRADOS DIARIAMENTE PELOS MORADORES DE ILHÉUS , NÃO PRECISAREI CITAR.

 

Transcendente valor da família

Paiva Netto

 Em nossos pensamentos diários, observemos sempre se estamos dando o justo valor à família. Um país melhor, mais feliz, e, por consequência, uma humanidade equilibrada dependem dos núcleos familiares bem constituídos, devidamente prestigiados por seus integrantes e valorizados pela comunidade. A importância da família transcende a compreensão mais comum. Nela, a vida humana encontra o seu refúgio. É na família que devem florescer os sentimentos mais ternos e sublimes do ser humano.

Ensinamento do Espírito Áulus, mentor citado por André Luiz (Espírito), em Nos Domínios da Mediunidade, na psicografia de Chico Xavier (1910-2002): “A família física pode ser comparada a uma reunião de serviço espiritual no espaço e no tempo, cinzelando corações para a imortalidade”.

 José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.

[email protected] — www.boavontade.com

Justiça Estadual de Conceição da Barra realiza leilão

Conceição da Barra, 24 de janeiro de 2019 – A Justiça Estadual de Conceição da Barra em conjunto com a leiloeira oficial Hidirlene Duszeiko, realizam leilão presencial e eletrônico no dia 19 de fevereiro de 2019, a partir das 13:00 horas, no Fórum e pelo site [hdleiloes.com.br]hdleiloes.com.br.

No evento, serão leiloadas instalações para pousadas e edificações localizadas na Vila de Itaúnas, distrito do município de Conceição da Barra. Os imóveis, com localização privilegiada, ficam próximos a área que dá acesso as dunas e as praias e, também a sede do Parque Estadual de Itaúnas, avaliados em R$ 740 mil poderão ser arrematados com 50% de desconto e ainda há a possibilidade de parcelamento. Interessados podem obter informações mais detalhadas pelo site [hdleiloes.com.br]hdleiloes.com.br ou então pelo 0800-707-9272.





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia