Editoria ‘Saúde’

Ilhéus amplia atendimento a portadores de deficiências

A Secretaria de Saúde (Sesau) Ilhéus possibilita que portadores de deficiências assistidos pelo Núcleo de Atenção Especializada (Nae) tenham melhor qualidade de vida. Reformada com recursos próprios, a estrutura, localizada na avenida Soares Lopes, centro, conta com ambiente climatizado. Atualmente, o equipamento possui cerca de 2.280 usuários cadastrados, entre adultos e crianças que recebem acompanhamento de ortopedista, psicólogo, fisioterapeuta, assistente social, enfermeiros, fonoaudiólogos, e sala de ostomia.

Na tarde desta quarta-feira (10), o secretário municipal de Saúde, Antonio Ocké, destacou que o equipamento ganhou mudanças em todas as salas que não estavam funcionando devido à presença de infiltrações no imóvel. “Apesar de Ilhéus também contar com problemas de ordem financeira como vivenciam diversos municípios brasileiros, porém, o empenho da equipe garante importantes avanços e acesso da população aos serviços de saúde pública“.

Na oportunidade, Antonio Ocké lembrou que o Núcleo de Atenção Especializada atendeu neste semestre cerca de dois mil usuários. Um dos objetivos é atuar na reabilitação e inclusão social de portadoras de deficiências. O prefeito em exercício, Carlos Machado (Cacá), visitou o espaço, na última semana, acompanhado dos secretários Joaquim Bastos (Planejamento) e Frederico Vésper (Relações Instituições), para conferir o trabalho realizado no núcleo.

Como parte do programa municipal de doação de equipamentos a pessoas que têm dificuldade de locomoção, a Secretaria de Saúde de Ilhéus, em parceria com o governo da Bahia, fará próximos dias a entrega individual de cadeiras de roda, muletas e andadores a crianças previamente cadastradas na rede. “Observamos que a maioria desses equipamentos se encontra desgastada, devido ao seu uso permanente e também as pessoas não dispõem de condições financeiras para arcar com a compra”.

Ilhéus conscientiza população sobre a importância de doar órgãos

A Secretaria de Saúde de Ilhéus, por meio do Departamento da Atenção Básica, e em parceria com a Organização de Procura de Órgãos/Sul realizou, no bairro Nossa Senhora da Vitória, atividades referentes à doação de órgãos. As ações que aconteceram nesta segunda-feira, 8, na Estratégia de Saúde da Família, constaram de palestras ministradas pela enfermeira responsável pela educação continuada da entidade, Ana Aragão, dirigidas à população, profissionais de saúde e representantes de entidades sociais da localidade.

Comunidade participou de palestra sobre doação de órgãos em Ilheus. foto Sesau Ilheus (2)

Comunidade participou de palestra sobre doação de órgãos em Ilheus. foto Sesau Ilheus (2)

Atualmente, a Bahia possui seis entidades de procura de órgãos, sendo duas em Salvador e quatro situadas no interior do estado, que buscam doadores e fazem o acolhimento das famílias. As Organizações de Procura de Órgãos são grupos de coordenação regional que organizam e apoiam, no âmbito sua área de atuação, o processo de doar ou transplantar. A entidade segue o regulamento técnico do Sistema Nacional de Transplantes, conforme a portaria 2.601, de 21 de outubro de 2009 e o Plano Nacional de Implantação de Organizações de Procura de Órgãos e Tecidos.

De acordo com a enfermeira Ana Aragão, da Organização de Procura de Órgãos, todo paciente em morte encefálica pode ter os órgãos doados. “A morte encefálica é a do cérebro. Após este diagnóstico, a família deve ser consultada e orientada sobre o processo de doação. Para ser doador não é necessário deixar nada por escrito. Mas é fundamental comunicar à família o desejo. Contudo, existem órgãos que podem ser doados por pessoas vivas, a exemplo do rim, partes do fígado e do pulmão e a medula óssea”.

Por sua vez, o secretário de Saúde, Antonio Ocké, entende que é fundamental o esclarecimento da população sobre este ato que pode salvar vidas; e aos profissionais de saúde que estão diariamente em contato com possíveis doadores. “Durante este mês de agosto, as atividades continuarão a ser realizadas nas unidades de saúde. É importante que cada pessoa perceba sobre o ato de doação órgãos, que é vital para melhorar a realidade dos transplantes em nosso município

Governador vistoria obras do Hospital da Costa do Cacau e anuncia entrega para início de 2017

O Hospital Regional da Costa do Cacau, em construção no município de Ilhéus, no litoral sul da Bahia, deve ser entregue no início de 2017. A informação foi dada pelo governador Rui Costa, na manhã desta sexta-feira (22), durante visita ao canteiro de obras, que emprega 280 trabalhadores. No evento, ele esteve acompanhado pelos secretários Fábio Villas-Boas (Saúde) e Josias Gomes (Serin), entre outras autoridades.

BY SECOM

BY SECOM

“Essa é uma obra grande. Só na construção, estamos falando de quase R$ 80 milhões, mais os equipamentos que vamos comprar aqui. Estamos dobrando a capacidade de atendimento hospitalar nesta região e, portanto, no início do ano que vem a região ganha um novo hospital, moderno, que terá ortopedia, cardiologia e 30 leitos de UTI na primeira etapa. Daremos dignidade às pessoas que moram nessa região, além de qualificar e melhorar muito o atendimento às pessoas”, afirmou o governador.

Ainda segundo Rui Costa, a gestão do Hospital Geral Luiz Viana Filho, localizado na mesma cidade, ficará sob a responsabilidade da Prefeitura e a ideia é que a unidade se torne um hospital municipal materno-infantil.

“Esperamos que no início do ano que vem possamos estar com o Hospital Regional da Costa do Cacau funcionando e também possamos iniciar a reforma e requalificação do Hospital Luiz Viana, para que ele vire maternidade e hospital de criança”.

Na oportunidade, o governador também falou sobre a implantação da policlínica regional de saúde no município. “O próximo passo na área da saúde, aqui, é a instalação da policlínica regional. Quatro delas já estão em construção nas regiões de Teixeira de Freitas, Guanambi, Irecê, e Jequié. Em Ilhéus também está prevista uma. Estamos estruturando todo o sistema de saúde e chegaremos ao final da nossa gestão com a saúde qualificada e o atendimento digno, um dos melhores do país para população”, destacou o governador.

Também nesta sexta-feira, Rui visita às obras de construção da Barragem do Rio Colônia, no município de Itapé e participa do 8º Festival Internacional do Chocolate e Cacau, que acontece no Centro de Convenções da Ilhéus, onde autoriza o lançamento do edital de licitação para duplicação da BR-415, no trecho de 18 quilômetros que liga Ilhéus e Itabuna. Na ocasião também será autorizada a celebração de quatro convênios no âmbito do Programa Bahia Produtiva, nas áreas de bovinocultura, socioambiental, e pesca.

Encontro em Ilhéus discutiu práticas e cuidados com a saúde dos homens de terreiro

O Primeiro Encontro Homens de Axé de Ilhéus foi realizado no último fim de semana, dias 15 e 16, na Biblioteca Pública Municipal Adonias Filho, sendo uma promoção do Núcleo Homens de Axé – Renafro/Ilhéus. A iniciativa recebeu apoio da Secretaria de Cultura (Secult) de Ilhéus e discutiu, entre outros assuntos, temas relacionados à saúde dos homens adeptos das religiões de matriz africanas.

Na abertura, alunos da Associação de Capoeira Liberdade apresentaram uma roda de capoeira, em seguida, foram entoados cânticos de boas vindas e de louvor à vida e natureza. A mesa contou com a presença do prefeito em exercício de Ilhéus, Carlos Machado (Cacá), do titular da Secult, Paulo Atto, do secretário de relações Institucionais, Frederico Vésper, da professora Simone Flores, representante da Secretaria de Educação e do coordenador do Centro de Referência Nelson Mandela, em Salvador, Walmir França.

Durante a abertura, o prefeito Cacá ressaltou a importância de momentos como esse, que trazem à tona questões que envolvem a saúde do homem, muitas vezes considerada tabu, e também a relação do público masculino inserido nos terreiros com os cuidados médicos.

Após a abertura, Walmir França palestrou sobre o tema “As práticas de cuidados e a promoção da saúde dos homens de terreiros: o olhar da tradição religiosa afro-brasileira para as políticas públicas”, apresentando dados e estatísticas sobre casos de intolerância religiosa recebidos no centro que coordena.

No sábado, a programação seguiu durante todo o dia e foram discutidos os temas “Homens de Axé: Praticas de Saúde e Vivências nos Terreiros de Ilhéus”; “A política de atenção à saúde do homem no Brasil: Os paradoxos da medicalização do corpo masculino”; “O cuidado da saúde dos Homens nos Terreiros: Qual o papel do Terreiro na Saúde dos Homes”; “Jovens Homens de Terreiros: Drogas, o que os Jovens homens de terreiro têm a ver com isso”; “Por uma agenda de saúde para os homens de terreiros de Ilhéus”, além de debates que foram propostos.

Um caso sério

Não nos parece ser uma atitude correta deixar pessoas nesse estado, entregues à própria sorte ou, por comodismo, cruzarmos os braços e simplesmente questionar: O que eu posso fazer?

Algumas pessoas  da nossa sociedade, de espírito nobre e movidas pelo espírito da  solidariedade humana e cristã estão se mobilizando para , pelo menos, conseguir operar as vistas do Sr. Waldir.

Desnecessário entrar em detalhes ou relatar as suas necessitudes. As imagens “dizem” tudo.


BY HERALDO FASKOMY

Secretaria de Saúde

Nota Pública

Em relação à interdição do Restaurante Universitário da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), desde a última quinta-feira, 14, o Departamento de Vigilância Sanitária da Secretaria de Saúde (Sesau) torna público que:
1. A Sesau, por meio do Serviço de Vigilância Sanitária, recebeu, na ultima quarta-feira (13/07) denuncia relacionada a um surto de Doença Transmitida por Alimentos (DTA), ocorrido no Restaurante Universitário da instituição. Um surto de DTA é definido pelo Ministério da Saúde como um incidente em que duas ou mais pessoas apresentam uma enfermidade semelhante após a ingestão de um mesmo alimento ou água;
2. Em atividade conjunta, equipes da Vigilância Sanitária e da Vigilância Epidemiológica de Ilhéus realizaram ações pertinentes tão logo tomou ciência dos fatos;

3. A Vigilância Sanitária Municipal procedeu investigação no local e identificou que a alimentação suspeita refere-se ao almoço servido no dia 12 deste mês. Foram recolhidas amostras dos alimentos e enviadas para análise no Laboratório Central de Salvador – Lacen, com o objetivo de identificar o (s) patógeno (s) causador (es) dos eventos.

4. Devido à ocorrência deste surto, bem como da existência de inconformidades às normas sanitárias, já sinalizadas em notificação anterior, o estabelecimento foi interditado cautelarmente até que a sejam realizadas as adequações higiênico-sanitárias recomendadas;

5. Vale salientar que as atividades realizadas tiveram a participação de diversos departamentos da Uesc, culminando com uma reunião realizada na sexta-feira, dia 15/07, com a presença da Magnifica Reitora, Adélia Pinheiro, durante a qual foi definida a evolução conjunta dos trabalhos e as providências necessárias para a reabertura do Restaurante Universitário.

Ilhéus, 18.7.16

OBESIDADE E EROSÃO DOS DENTES

Adolescentes estão exagerando no consumo de bebidas esportivas

Estudo publicado recentemente no British Dental Journal revela que adolescentes com idade entre 12 e 14 anos têm consumido muitas bebidas esportivas socialmente, aumentando a ocorrência de obesidade e erosão dental. Sabor, preço, facilidade de aquisição e o fato de os pais não estarem a par dos riscos que essas bebidas representam para quem não é atleta se mostraram determinantes.  Quatro escolas participaram do estudo, com um total de 160 alunos nessa faixa etária. Metade deles confirmaram que consomem esse tipo de bebida regularmente. O principal problema é que as bebidas esportivas têm alta concentração de açúcar e níveis baixos de pH, favorecendo a formação de cárie, erosão do esmalte dos dentes e obesidade.

“Na última década, as bebidas esportivas – os isotônicos – se popularizaram bastante. Entretanto, não fazem bem aos dentes. Estudos indicam que os níveis de acidez dessas bebidas podem levar à erosão da superfície dental, comprometendo não só o esmalte e a aparência dos dentes, como também aumentando a sensibilidade e dor. É importante ressaltar, também, o consumo exagerado de sucos industrializados, que contribuem para o desenvolvimento da erosão”, diz Sandra Kalil, professora de Odontopediatria da Escola de Aperfeiçoamento Profissional da APCD (Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas).

De acordo com a especialista, as bebidas esportivas variam muito em sua composição de uma marca para outra. Mas todas têm algo em comum: devem ser consumidas preferencialmente por atletas. “Depois de treinos pesados, a hidratação com esse tipo de bebida alcança um resultado melhor do que a ingestão de água porque as substâncias presentes nas fórmulas repõem minerais e normalizam a quantidade de açúcar no sangue. Por outro lado, se ingeridas até mesmo por adultos que não estejam praticando exercícios, podem facilitar o sobrepeso e fragilizar os dentes, comprometendo a saúde bucal. “Crianças com uma dieta equilibrada jamais deveriam usar esse tipo de bebida. Normalmente, elas o fazem sem saber das consequências. Até mesmo os atletas de alta performance, que estão sempre com uma garrafinha de isotônico nas mãos, deveriam se acostumar a fazer bochechos ou escovar os dentes após a ingestão dessas bebidas altamente açucaradas”.

A cirurgiã-dentista explica que não é bem o açúcar que estraga os dentes, mas o ácido produzido na sequência. “Esse ácido ataca sem piedade o esmalte dos dentes, podendo resultar em lesões de cárie e outros problemas orais mais graves. Além de estimular os adolescentes a reduzir a ingestão dessas bebidas, é importante estimular as crianças desde cedo a beber muita água – que tem, entre outras tantas virtudes, a capacidade de ‘lavar’ a boca, impedindo altas concentrações de bactérias que resultam em cárie e mau hálito. Outra recomendação é preferir água filtrada à água engarrafada. Isso porque a água engarrafada não tem a mesma concentração de flúor que a água potável, tratada e distribuída nas residências brasileiras. E é graças ao flúor que a estrutura dos dentes se torna mais resistente a lesões de cárie. Sendo assim, o ideal é encher uma garrafinha com água várias vezes ao dia para se hidratar como se deve.”

Fontes: http://www.medicalnewstoday.com/releases/311255.php

Prof. Dra. Sandra Kalil Bussadori, professora de Odontopediatria da EAP/APCD – Escola de Aperfeiçoamento Profissional da Associação Paulista de Cirurgiões

Denúncia sobre a Saúde Pública

Bom dia, me chamo Jessica Augusta Veloso, e preciso de ajuda para salvar a minha mãe! Por favor, divulguem essa notícia.

Olá!
 Venho compartilhar com vocês a situação crítica da saúde no Brasil, mas quero falar principalmente o que está acontecendo no Sistema Público de Saúde em Salvador.  
Em especial vou relatar o que nossa família está vivendo na UPA do Cabula, que fica ao lado do Hospital Roberto Santos. Minha mãe Julinar Augusta Veloso, 65 anos, paciente que aguarda cirurgia cardíaca (ponte de safena) desde Janeiro de 2016. 
Ela deu entrada na Unidade citada acima na madrugada do dia 24 de junho, com suspeita de infarto, exames constataram que o problema é anemia grave (devido à retocolite ulcerativa), este quadro desencadeou uma oscilação da pressão arterial, sendo necessário o uso de Noradrenalina e equipamentos que monitoram a mesma. A médica solicitou regulação com pedido de vaga em Unidade de Terapia Intensiva e Hemotransfusão com urgência, número do pedido 1858459. Com a dificuldade e burocracia que sofremos em nosso Estado, não estamos achando vaga.
 Nossa família, amigos e a própria UPA vêm tentando encontrar uma solução para salvar a vida de Julinar. Porém, o nosso Sistema não está contribuindo para que o procedimento seja realizado com a brevidade e atenção que pede o caso da paciente. 
Peço sua ajuda para divulgar esta situação, que não se restringe à nossa família, mais afeta todo  o nosso país. 
Precisamos lutar juntos para mudar esse quadro, alarmante, que se instala em nossa Bahia, e principalmente em Salvador! 
Desde já agradecemos o apoio e atenção dada ao caso. 
Queremos compartilhar uma frase que resume à nossa luta: “Ainda bem que a gente tem a gente”.
Família Veloso

Ministério da Saúde avalia teste rápido do Zika Vírus produzido na Bahia

Na manhã desta segunda-feira (13), o ministro da Saúde, Ricardo Barros, visitou a capital baiana para conhecer o teste sorológico rápido de identificação do Zika Vírus, desenvolvido pelo Governo do Estado, por meio da Fundação Baiana de Pesquisa Científica e Desenvolvimento Tecnológico (BahiaFarma), em parceria com o Senai-Cimatec. Acompanhado do vice-governador, João Leão, e do secretário estadual da Saúde (Sesab), Fábio Vilas-Boas, o ministro avaliou o produto e falou sobre as intenções do governo federal em utilizar a iniciativa nacionalmente, no Sistema Único de Saúde (SUS).
Teste rápido do Zica víru _ By Camila Souza/GOVBA s

Teste rápido do Zica víru _ By Camila Souza/GOVBA
s

De acordo com o ministro Ricardo Barros, assim que forem realizados todos os procedimentos, será efetuada, junto à BahiaFarma, compra de grande volume dos testes, que estarão disponíveis pelo SUS. “Nós vamos aguardar a negociação de preço, ver o volume que podemos comprar e vamos estabelecer a população em situação de risco que receberão prioridade. A população de risco será atendida em primeiro lugar. Desde já, é importante que tenhamos a capacidade de atender as mulheres em idade fértil e gestantes, por causa dos riscos de má formação congênita e microcefalia relacionados ao vírus. São iniciativas como essa que demonstram a qualidade do nosso corpo científico que desenvolvem tecnologia no Brasil”, destacou o  ministro.
O teste rápido permite detectar se o paciente está com a doença ou se já foi infectado há mais tempo pelo vírus. O exame utiliza uma pequena amostra de soro do paciente e fornece os resultados em até 20 minutos. O aparelho do exame é composto por dois dispositivos portáteis (7×2 cm cada). Um deles reage à imunoglobulina M (IgM) – das infecções de até duas semanas, e o outro à imunoglobulina G (IgG) – infecção com tempo superior a duas semanas. Já registrado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), agora o teste passará por avaliação de qualidade.
Segundo o titular da Sesab, o processo de autorização do Ministério tem recebido prioridade e algumas etapas legais ainda precisam ser vencidas para a absorção do teste e incorporação pelo SUS. “Esse é um processo junto ao Ministério que já dura seis meses. Assim que for aprovado, temos condições de fornecer, de imediato, 100 mil testes rápidos. A nossa capacidade de produção é de até 500 mil unidades do exame, mensalmente, o que atende à demanda nacional. Ainda assim, solicitamos ao Ministério da Saúde recursos na ordem de R$ 7 milhões para investir na produção e ampliar ainda mais a nossa capacidade”, explicou Vilas-Boas.

 

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)

Começa hoje a suspensão de 35 planos de saúde
ANS disponibiliza também consulta por operadora no programa
de Monitoramento da Garantia de Atendimento

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) suspende, a partir desta sexta-feira (10), a comercialização de 35 planos de saúde de 08 operadoras, em função de reclamações relativas à cobertura assistencial, como negativa e demora no atendimento.
A medida faz parte do monitoramento periódico realizado pela reguladora pelo Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento. Se melhorar o serviço prestado e tiver redução do número de reclamações, a operadora pode ter a comercialização liberada no próximo ciclo, daqui a três meses.

 Informações detalhadas por operadora e por faixa de classificação

A partir de agora, os beneficiários também podem consultar informações do programa de monitoramento por operadora, conferindo o histórico das empresas e verificando, em cada ciclo, se ela teve planos suspensos ou reativados. Os dados estão disponíveis desde o 4º trimestre de 2015, quando teve início a nova metodologia do programa, introduzida pela Instrução Normativa nº 48/2015.

Para dar mais transparência e possibilitar a comparação pelos consumidores, a ANS disponibiliza ainda um panorama geral com a situação de todas as operadoras, com a classificação das empresas nas quatro faixas existentes (que vão de 0 a 3).

“Desde sua implementação, o programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento vendo sendo aperfeiçoado no sentido de gerar uma mudança de comportamento no setor para a melhor prestação de serviço ao consumidor. Com essa medida, a ANS amplia a proteção aos beneficiários, fortalece a disseminação de informações sobre o panorama das operadoras e fornece mais uma ferramenta para que sejam feitas escolhas conscientes e embasadas”, destaca a diretora de Normas e Habilitação dos Produtos, Karla Coelho.

Faça a consulta por operadora de plano de saúde

Resultados do 1º Trimestre de 2016

No período de 01/01 a 31/03/2016, a ANS recebeu 14.589 reclamações em seus canais de atendimento. Desse total,  12.022 queixas foram consideradas para análise pelo programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento. São excluídas as reclamações de operadoras que estão em portabilidade de carências, liquidação extrajudicial ou em processo de alienação de carteira, que já não podiam mais ser comercializados porque as empresas estão em processo de saída ordenada do mercado. No universo avaliado, mais de 90% das queixas foram resolvidas pela mediação feita pela ANS via Notificação de Intermediação Preliminar (NIP), o que garantiu a solução do problema a esses consumidores com agilidade.

Os planos de saúde suspensos possuem, juntos, 272 mil beneficiários. Estes clientes continuam a ter a assistência regular a que têm direito, ficando protegidos com a medida, uma vez que as operadoras terão que resolver os problemas assistenciais para que possam receber novos beneficiários.

Das 8 operadoras com planos suspensos neste ciclo, 3 já tinham planos em suspensão no período anterior e 5 não constavam na última lista de suspensões. Paralelamente à suspensão, 7 operadoras poderão voltar a comercializar 35 produtos que estavam impedidos de serem vendidos. Isso acontece quando há comprovada melhoria no atendimento aos beneficiários. Das 7 operadoras, 5 foram liberadas para voltar a comercializar todos os produtos que estavam suspensos e 2 tiveram reativação parcial.

A medida é preventiva e perdura até a divulgação do próximo ciclo. Além de terem a comercialização suspensa, as operadoras que negaram indevidamente cobertura podem receber multa que varia de R$ 80 mil a R$ 250 mil.

Para mais Informações, consulte www.ans.gov.br

 

Santa Casa de Itabuna

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Foi realizada na noite do dia 07 de junho uma Assembleia Geral Extraordinária da Irmandade, Corpo Clínico e Conselho Deliberativo da Santa Casa de Itabuna com objetivo de dar conhecimento do recebimento de Carta-Cobrança Especial (CCEI) da Receita Federal do Brasil, emitida em desfavor da instituição no valor aproximado de R$13 milhões com prazo de resposta em 10 dias úteis. Após a comunicação oficial, a Provedoria da Santa Casa de Itabuna apresentou um resumo do balanço financeiro da instituição nos últimos cinco meses, atestando a falta de fluxo de caixa para pagamento do débito na forma apresentada. As medidas jurídicas cabíveis estão sendo tomadas para tentativa de parcelamento do débito.

Att.

Eric Ettinger de Menezes Júnior

Provedor SCMI

 

Nota de repúdio do Sindicato dos Aposentados sobre o aumento abusivo dos planos de saúde

Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos da Força Sindical

Nota de repúdio do Sindicato dos

Aposentados sobre o aumento abusivo dos

planos de saúde

Em meio à uma crise profunda no país, a Agência Nacional de Saúde anunciou, ontem, o percentual de reajuste para os planos de saúde individuais na ordem de 13,57%, índice que superou a inflação.

Conforme os dados informados pelo IPCA – Preços ao Consumidor Amplo, o acumulado da inflação, nos últimos 12 meses, é de 9,28%, uma diferença de 4,29%. Com essa medida, achata-se a qualidade de vida dos brasileiros.

Para aposentados, pensionistas e idosos o impacto é ainda maior, uma vez que, dos 32 milhões de beneficiários da Previdência Social, cerca de 70% tem de sobreviver com um salário mínimo.

O aumento abusivo dos planos de saúde coloca em risco milhões de brasileiros que não possuem o amparo de um atendimento particular e nem podem contar com o sistema público de saúde que, em muitos Estados, encontra-se na UTI.

O Sindicato Nacional dos Aposentados, que possui representante no Conselho Nacional de Saúde, reforçará sua posição contrária ao reajuste dos planos de saúde e intensificará as ações para que o governo aumente a qualidade do atendimento no Sistema Único de Saúde.

Carlos Ortiz | (11) 9 9623-6876
Presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos da Força Sindical

Dr. Luiz Alberto Catanoce | (11) 9 9982-5960
Diretor, médico e representante do Sindicato no Conselho Nacional de Saúde

Suba na sua própria torre

Alexandre Almeida dos Santos faz parte de um grupo de amigos que, na troca de vídeos motivacionais, espalham mensagens de otimismo buscando, assim, um entrosamento maior e, consequentemente, difundi-las.

No dia 30 de maio, o Dr. Alexandre – cirurgião dentista – foi até o Salobrinho prestar serviços odontológicos substituindo um colega que se encontrava enfermo.

A equipe chegou por volta das 7 horas e, enquanto preparavam o ônibus para início das atividades ele, Alexandre, saiu para dar uma olhada na exuberante mata atlântica que circunda o local. De logo viu a possibilidade de criar um vídeo para ser exibido, exclusivamente, no seu grupo de amigos. Coincidentemente, ali bem próximo, está edificada uma torre de celular. Portões aberto ele se dirigiu até a torre. Usando dos seus conhecimentos adquiridos no seu curso de bombeiro civil, além de acostumado na prática de esportes radicais, subiu e de lá de cima gravou a sua mensagem motivacional tendo um dos mais belos visuais já vistos nesse tipo de trabalho. A força das palavras – embelezadas pela vista panorâmica da localidade – contribuíram, sobremaneira, para enriquecer o vídeo. Importante salientar que nesse espaço de tempo uma pessoa que declarou, abertamente, ser a responsável pelo ônibus naquela comunidade … “despachou o odontomóvel”…

Enquanto isso tudo acontecia – ao redor do odontomóvel – a pessoa “encarregada para assuntos odontológicos na localidade” não atendeu os constantes pedidos de moradores que estavam aguardando, ansiosamente, pelos procedimentos. Isso significa dizer, a bem da verdade, que o fato do ônibus retornar à base não foi por falta de gente para ser atendida porque elas estavam lá aguardando pacientemente. A responsável de lá deu a ordem para retorno sem prestar nenhum atendimento. Fato estranho, mas “justificado” mais abaixo no X DA QUESTÃO.

Para o dentista, que permaneceu à disposição da comunidade até a saída do veículo, foi uma ação equivocada da “autoridade” uma vez que não deu ouvidos aos inúmeros pedidos dos moradores que queriam que o tratamento fosse realizado.

O odontomóvel chegou às 7 horas no “campinho”. O vídeo tem duração de menos de dez minutos. Até às nove ainda reinava expectativa em torno do atendimento. E o que aconteceu, exatamente, para o ônibus retornar para a base?

O “X” DA QUESTÃO.

Existia a intenção dos aliados do político que se intitula representante daquela comunidade em sair “de porta em porta”, exibindo o profissional da saúde, como um troféu e isso com o objetivo que colher dividendos políticos pelo tal feito. Evidente que o Dr Alexandre não iria participar de uma encenação dessa por ser, no mínimo, inoportuna e incompatível com a sua função profissional. Essa negativa gerou descontentamento deixando claro e evidenciado que o tratamento e a atenção da equipe técnica eram pano de fundo porque o motivo principal era mostrar força dentro do executivo em que pese a equivocada solicitação.

A revolta daqueles que esperavam, há tanto tempo, pelo odontomóvel vai refletir e muito negativamente naqueles que engendraram tal visitação “porta porta”.

Por uma questão de justiça àqueles que noticiaram e repercutiram o tal fato, infelizmente, não viram a jogada política para não dizer trama daqueles que arquitetaram esse que já pode ser considerado o maior tiro no pé deste ano eleitoral.

Pacientes com glaucoma recebem atendimento especializado no HGRS

Hospital Roberto Santos oferece tratamento gratuito para Glaucoma

Hospital Roberto Santos oferece tratamento gratuito para Glaucoma

Fazer exames para identificar o glaucoma, doença que pode levar à cegueira e não apresenta sintomas, e, se for necessário, tratar-se para garantir a visão. Esta é uma possibilidade oferecida pelo Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), em Salvador, de forma gratuita.

O casal Ruy Dias, 71 anos, e Ana Mayre Oliveira, 64, realiza o tratamento contra a doença há quatro anos no hospital. Nesta quinta-feira (2), os dois passaram por mais uma consulta com a oftalmologista Vânia Correa, que foi residente na unidade e há oito anos é uma das quatro integrantes da equipe.

Ana leva o tratamento adiante para não perder a visão. “Já usei todos os métodos possíveis, mas a doutora Vânia disse que a doença está avançando e vou ter que fazer a cirurgia”. De acordo com Ruy Dias, neste período em que fazem tratamento no Roberto Santos, o atendimento só melhorou. “Quando nós começamos, não tinha esse anexo, e o tratamento já era bom. A gente vem de seis em seis meses fazer o acompanhamento. Com essa ala nova, o atendimento, que já era 9,9, agora está dez”.

•| MATÉRIA COMPLETA »

Prefeitura de Ilhéus realiza nova série de mutirões de saúde

Essa é uma forma de descentralizar os serviços de atenção básica

Calendário da Sesau preve mutirões em diferentes comunidades de Ilhéus-foto Gidelzo Silva Secom Ilheus

Calendário da Sesau preve mutirões em diferentes comunidades de Ilhéus-foto Gidelzo Silva Secom Ilheus

A Secretaria de Saúde (Sesau) realiza, neste mês de junho, uma nova série de mutirões de atendimentos básicos em comunidades de Ilhéus. Nesta quinta, 2, a ação chega ao condomínio Morada do Porto, com serviços como aferição de pressão arterial, orientações nutricionais e plantão odontológico. De acordo com o secretário Antonio Ocké, essa iniciativa busca proporcionar às comunidades mais distantes do centro urbano ter acesso aos serviços médicos e evitar grandes deslocamentos.

Seguindo a programação de junho, o mutirão acontecerá na próxima terça, 7, na zona rural de Vila Santaninha. Já na quarta-feira, 8, o distrito de Banco Central será beneficiado com serviços do Odontomóvel e cadastramento no programa Bolsa Família. O serviço acontece também no Banco da vitória, dia 09; Cascalheira, 14; Nossa Senhora da Vitória, 16; Vila Olimpio, 21; Nova Ilhéus, 28; e Lava Pés, 30.

O secretário Ocké ressalta que, desde o mês anterior, os mutirões passaram a contar com participação da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS), que oferecerá serviços como assessoria jurídica, cadastramento nos programas Bolsa Família, cartão do idoso e balcão do emprego, corte de cabelo, confecção do cartão do SUS, recreação para crianças e apresentações dança.

Hospital de Ilhéus foi indicado ao Oscar da Saúde na Bahia

O Hospital de Ilhéus foi indicadoà sexta edição do Prêmio Benchmarking Saúde Bahia, mais importante premiação do segmento médico-hospitalar do estado, na categoria Prêmios Especiais – Governança Administrativa e seu diretor, o médico Jorge Viana, como Empresário do Ano (Interior do Estado).Cerca de 90 nomes de toda a Bahia, entre instituições públicas e privadas de saúde, empresários e gestores do setor, concorrem em 24 categorias, avaliados com base em critérios como inovação, novos investimentos, credibilidade de mercado e assistência, além de visibilidade de mercado. Neste ano, a novidade é a maior participação de instituições e executivos do interior, inclusive nos sete prêmios especiais do evento. A comissão avaliadora é formada por representantes do trade de saúde da Bahia, entre empresários, CEO’s e demais atores do mercado, como consultores e autoridades. A votação vai do dia 17 a 31 de maio, com divulgação do resultado prevista para junho. A cerimônia de entrega do prêmio acontece em outubro. Mais informações no site www.benchmarkingsaude.com.br.

Assista o vídeo com a retrospectiva do Benchmarking Saúde Bahia do ano passado, clicando no https://www.youtube.com/watch?v=Ax2KSYxtefA

Bahia desenvolve primeiro teste rápido da Zika Vírus no Brasil

A Bahia deu um passo importante para o enfrentamento, no Brasil, ao Zika Vírus, doença transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypt. Por meio da Fundação Bahiafarma, órgão vinculado à Secretaria da Saúde (Sesab), o estado foi o primeiro a criar um teste sorológico rápido de identificação da doença, chancelado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A tecnologia, que poderá ser produzida e comercializada em todo o País, vai acelerar a conclusão do diagnóstico, que atualmente leva meses para ser obtida.

Fotos Alberto Coutinho GOVBA

Fotos Alberto Coutinho GOVBA

A informação foi divulgada à imprensa pelo secretário Fábio Vilas-Boas, em entrevista coletiva na manhã desta terça-feira (31), no Laboratório Central de Saúde Pública Professor Gonçalo Moniz (Lacen-BA), no bairro de Brotas, em Salvador.

O teste rápido permite a detecção por meio do comportamento dos anticorpos do paciente em qualquer fase da doença, o que, além de confirmar o diagnóstico em até 20 minutos, colabora também na identificação de infecções recentes (até duas semanas). O procedimento chega a custar 15 vezes menos do que a técnica laboratorial conhecida como PCR, usada atualmente para identificar os casos da doença. De acordo com Vilas-Boas, o teste em tempo hábil facilita as ações de combate à epidemia e dá mais segurança à população.

•| MATÉRIA COMPLETA »

Páginas: Anteriores 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 ... 32 33 34 Próximas