WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia





dezembro 2018
D S T Q Q S S
« nov    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  








UESC firma convênio beneficiando idosos do Abrigo São Vicente de Paulo

POR: BLOG DO JONILDO GLÓRIA

Uma boa notícia para os alunos do Departamento de Ciências da Saúde (DCS) da Universidade Estadual de Santa Cruz. Vão ganhar mais oportunidades de estágio. Com esse objetivo a reitora da UESC, professora Adélia Pinheiro juntamente com o diretor do DCS, professor Cristiano Santana, assinaram convênio de cooperação técnica com a Sociedade São Vicente de Paulo, (antigo Abrigo São Vicente de Paulo) representado pelo presidente, o padre Valdir José Gonçalves.
A reitora Adélia Pinheiro reafirmou “o objetivo de formalizar as condições básicas para a realização de estágios obrigatórios de alunos dos cursos de graduação da instituição de ensino superior. Mas o estágio somente poderá verificar-se em unidades que tenham condições de proporcionar experiência prática na linha de formação do estagiário, devendo o aluno estar em condições de realizar o estágio. Os estágios devem propiciar a complementação do ensino e da aprendizagem e serem planejados, executados, acompanhados e avaliados em conformidade com os currículos, programas e calendários escolares.”

O Abrigo São Vicente de Paulo, com sede na Avenida Luiz Viana Filho, 736, bairro Conquista, em Ilhéus, foi fundado em 10 de setembro de 1916, pelos “vicentinos”. É uma entidade sem fins lucrativos que vem prestando serviços à comunidade ilheense e da região, cuidando de idosos carentes.

“Hoje é uma referência no apoio a idosos e abriga cerca de 90 deles. Enfrenta dificuldade para manutenção dos internos, mesmo recebendo o apoio de parcela considerável da sociedade e dos vários segmentos religiosos. Isso cativa as pessoas a gera sentimentos de solidariedade e doação sem querer nada em troca, característica de nosso povo: se juntar, arregaçar as mangas e ajudar, mesmo que isso, hoje em dia, seja algo menos recorrente. O convênio é muito bem-vindo e abre outras possibilidade,” frisa o padre Valdir Gonçalves.

Demolições aceleram reurbanização na zona sul de Ilhéus

POR SECOM

O processo de demolição de imóveis desapropriados pelo Governo do Estado, em virtude da obra de construção da nova ponte de Ilhéus acelera o projeto de reurbanização daquela importante área da zona sul da cidade. A construção da primeira ponte estaiada da Bahia, com extensão de 533 metros, vai impactar diretamente na melhoria da mobilidade urbana na cidade.

O conjunto da obra inclui 2,2 quilômetros de rodovia, que se encerrarão ao lado da Catedral de São Sebastião, ao norte, e ao lado da cabeceira da pista do Aeroporto Jorge Amado, ao sul, onde estão sendo feitas as demolições dos imóveis. A nova pista no lado sul promoverá a reurbanização da Avenida Litorânea Mãe Amada, o que inclui uma ciclovia.

O Governo do Estado já efetuou o pagamento de quase todas as desapropriações negociadas com os moradores da localidade. Os casos que ainda não foram acordados são devido a pendência de documentos ou desavenças familiares quanto aos valores que o Estado aplicou. Os moradores tiveram prazo de 30 dias para a desocupação dos imóveis.

Além de uma ponte nova, que terá passeio, canteiro central, pistas duplas nos dois sentidos e uma ciclovia, Ilhéus ganhará uma moderna urbanização nas áreas Norte Centro e Sul, além de uma nova orla entre o Pontal e a pista do aeroporto. A urbanização da área demolida será feita conjuntamente com a Prefeitura de Ilhéus, que adequará o uso dos espaços públicos.

Fiscalização – Nesse sentido, a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável (Seplandes) realizará uma fiscalização em todas as áreas que passarão à gestão da Prefeitura para fins de urbanização. O gerente de gestão ambiental da Seplandes, Bruno Miranda, informa que o Município agirá contra o uso ilegal do espaço público naquele “novo local”, vedando ocupações.

Felisberto Santiago, 62 anos, que há 18 anos reside na localidade, considera a iniciativa excelente. “É uma das melhores coisas que o governo está trazendo para a cidade e para o desenvolvimento da região, temos que aplaudir. Moro e tenho meu bar aqui, e por conta da ponte vou sair, mas deu tudo certo, vou morar na rua de trás, e continuarei com meu comércio, e é isso que importa”.

Gilson da Hora, de 64 anos, e mora há 40 anos naquela rua, afirma que achou o projeto muito bom. “Muita gente não queria sair do local, pois reside aqui há muitos anos. Eu fui indenizado e já comprei minha casa no Nossa Senhora da Vitória; já vou me mudar e estou satisfeito graças a Deus”, declara.

 

Secretaria da Cultura de Ilhéus lança série “Cultura é…” com artistas locais

POR SECOM

Com o objetivo de dar visibilidade e valorizar o artista local, a Secretaria da Cultura de Ilhéus lança a série de depoimentos “Cultura é…”, que trata da transversalidade da cultura e seu papel transformador na sociedade com artistas e produtores culturais do município. Foram definidos 10 temas, a exemplo de inclusão social, entretenimento, dança, teatro, literatura, gestão cultural, geração de emprego e renda, tradição, música e memória. Os vídeos serão produzidos em parceria com a Secretaria de Comunicação (Secom) e lançados semanalmente, até o final do ano.

O secretário da Cultura (Secult) de Ilhéus, Pawlo Cidade, disse que a ideia é mostrar cada vez mais que a cultura está em todas as áreas e como ela pode agir de forma impactante nas atividades artísticas. “Desta forma, ao ouvir os depoimentos e as experiências dos fazedores da cultura do município, compreendemos seu papel transformador na comunidade”, salienta.

Por sua vez, o chefe de Culturas Populares e Identitárias da Secult, Gilsonei Rodrigues, disse que os artistas foram escolhidos por uma comissão interna. “Levou-se em consideração o perfil, experiência e a produção artística dos últimos quatro anos. São muitos artistas, todos com enorme potencial e selecionamos 30 profissionais, o que não foi nada fácil diante do grande talento de cada um”, lembrou.

 

BUERAREMA: OPERAÇÃO ELYMAS MAGUS INVESTIGA CONTRATOS DE LICITAÇÕES DA GESTÃO PASSADA

A Polícia Federal está na sede da Prefeitura de Buerarema fazendo buscas e apreensões em documentos referentes a licitações. Trata-se da operação Elymas Magus, que significa “feiticeiro” em latim e foi escolhido porque o líder da organização criminosa agia como um ilusionista, fraudando licitações e tumultuando os processos com a utilização de pelo menos dez empresas.

Segundo apurou o Blog Ipolítica, os policiais estão trancados em uma sala averiguando os documentos e já mandaram chamar um ex-secretário e membros da comissão de licitação da prefeitura na gestão anterior.

Conforme a Controladoria Geral da União (CGU), os valores repassados pelas prefeituras às empresas investigadas chegam a R$ 34 milhões.

DO IPOLITICA

ILHÉUS: PARCERIA GARANTE RECUPERAÇÃO DA ANTIGA CASA BRASIL

A inauguração de mais um empreendimento do Grupo Velanes, na segunda-feira (5), marcou o avanço do trabalho da comissão que visa à educação e proteção do patrimônio histórico cultural de Ilhéus. Instalada na antiga Casa Brasil, localizada na Rua Marquês de Paranaguá, a farmácia gera 15 novos empregos e fortalece o desenvolvimento econômico do município.

A comissão reuniu a Câmara de Patrimônio do Conselho Municipal de Cultura, Coordenação de Patrimônio da Secretária de Cultura (Secult), Núcleo de Urbanismo da Secretária de Planejamento, Faculdade Madre Thaís e os proprietários do empreendimento. “A ação atende à lei 2.312, de agosto de 1989, que define a proteção patrimonial de todo perímetro do Centro Histórico de Ilhéus. Outros projetos estão em discussão. Estamos avançando nessa proposta, pois Ilhéus merece”, declara o coordenador de Patrimônio da Secult, Airton de Carvalho Santos Júnior.

O resultado da recuperação da antiga Casa Brasil é o modelo da parceria entre a Prefeitura de Ilhéus e a iniciativa privada que norteará todo o trabalho de tombamento histórico na cidade. Airton Carvalho explica que a comissão discutiu as questões das leis com o empresário, que apoiou e contribuiu para garantir a reconstituição da forma original, mantendo uma pintura única em todo o prédio. “É a parceria que está dando certo, em função deste trabalho de educação e proteção patrimonial”, enfatiza. :: LEIA MAIS »

NOTA PÚBLICA – OPERAÇÕES DA POLÍCIA FEDERAL EM ILHÉUS

A Prefeitura de Ilhéus, levando em conta a deflagração, na manhã desta terça-feira (6), de duas operações simultâneas da Polícia Federal, com o objetivo de desarticular organizações criminosas especializadas em fraudar licitações e desviar recursos públicos que atuavam em diversos municípios da região sul da Bahia, esclarece que, no âmbito municipal, houve apenas busca e apreensão de documentos relacionados aos processos de licitações, nos quais, a polícia entendeu que poderia ter havido atuação das empresas investigadas. Além disso, durante o procedimento, servidores municipais cooperaram, prestando esclarecimentos e se colocando à disposição para demais informações.

Para obter mais informações, a Secretaria Municipal de Comunicação, ouviu a Procuradoria Geral do Município, que na oportunidade, destacou que esse tipo de operação é importante para o combate à prática de “cartel” ou “concertação” entre licitantes que, não raras as vezes, se ajustam entre si, com o objetivo de arrancar alguma vantagem das licitações, e que essa operação específica tinha como alvo empresas e seus dirigentes, não tendo sido expedido nenhum mandado de busca e apreensão contra ocupantes de cargos públicos da atual gestão.

Do ipolitica

“Manipulação de usuários na internet”, foi o tema da redação do Enem

O tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 é “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”, conforme informou o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).
O texto deve ser dissertativo-argumentativo, com até 30 linhas, e ser desenvolvido a partir da situação-problema e de subsídios oferecidos pelos textos motivadores. Além disso precisa ser opinativo e organizado para a defesa de um ponto de vista. A opinião do autor deve estar fundamentada com explicações e argumentos.
Os critérios de correção da redação, com cinco competências, estão detalhados na Cartilha de Participante – Redação no Enem 2018. As provas começaram às 13h30 e os participantes terão 5 horas de 30 minutos para resolvê-las.

Galinha de mais de um metro de altura é vendida por R$ 74 mil

DO ILHÉUS NOTÍCIAS

Ela se chama Betina da Diamante e tem um metro e cinco centímetros de comprimento. Betina é uma Galinha da Raça Índio Gigante e foi arrematada por R$ 74 mil. “Certamente me taxarão de louco ao saber que comprei uma galinha por quase R$ 74 mil, mas quem é do mercado sabe o quanto ela é preciosa. É difícil conseguir aves grandes e o acesso a essa genética exige alto investimento”, relata o criador Ademir Melauro, dono do criatório Francano. Ele já tem até um pretendente para Betina, é o galo Mezenga de 118 centímetros.
O leilão de galinha especial, realizado recentemente no interior paulista, revela os números de um segmento promissor, que gera cada vez mais lucros. “Com este resultado, Betina é certamente a franga mais valorizada da raça atualmente”, garante Heraldo Poliselli, um dos promotores do leilão.  Na Bahia ainda não há galinhas tão valiosas, mas o segmento vem crescendo 20% ao ano. Nos últimos cinco anos o número de criadores subiu de 15 para cerca de 150, espalhados por várias regiões do estado. “Tem cada vez mais gente interessada neste tipo de criação. Geralmente começa como hobby, muita gente cria até no quintal. Depois vira opção de renda extra, ou até se transforma no principal faturamento da fazenda” diz Irênio Rocha Júnior, presidente da Associação dos Criadores de Índio Gigante da Bahia (ACIG).
A associação foi criada no ano passado como reflexo da evolução do segmento. Em novembro está marcado um encontro de criadores na cidade de Seabra. Na Bahia, as galinhas da raça são vendidas por preços que variam de R$ 300 a R$ 5 mil. São valores, no mínimo, dez vezes maiores do que o das galinhas caipiras comuns, que custam entre R$ 30 e R$ 50 reais.
Os números se tornam ainda maiores entre os galos da raça. O Galo Índio Gigante é usado como reprodutor e alcança alturas ainda mais elevadas, entre 115 e 126 centímetros, quase um metro e meio.
Na Bahia há galos índios gigantes avaliados em até R$15 mil. Ano passado, também em São Paulo, um outro galo índio gigante chegou a ser leiloado por R$ 154 mil, o mais alto valor já alcançado em um leilão deste tipo. Hokaido, como é chamado, foi valorizado principalmente pela precocidade. Ele alcançou 124 centímetros e oito quilos antes do tempo regular.

DECOLORES: PROFESSORES EMÉRITOS

Na qualidade de ex-aluno da Federação das Escolas Superiores de Ilhéus-Itabuna – FESPI, fiquei por demais alegre em saber que três nobres professores: Soane Nazaré, Renée Albagli e Joaquim Bastos merecidamente passaram a integrar o grupo restrito dos Professores Eméritos da UESC, os quais se destacaram pelos relevantes serviços prestados à Universidade Estadual Santa Cruz.

Durante toda minha trajetória na qualidade de Ilheense e ex-aluno sempre admirei os referidos professores pela conduta ilibada não somente como cidadãos e acima de tudo como gestores.

A instituição UESC sempre primou por uma administração séria, firme, com ideais voltados para uma educação universitária com abrangência nacional.

Os currículos dos três professores homenageados são bastante para uma reflexão de todos os baianos, pois quando se administra bens públicos com seriedade, honestidade e dedicação, os resultados positivos aparecem e servem de exemplo para os atuais e futuros gestores públicos.

Enquanto vemos exemplos negativos de administradores do poder executivo e até mesmo legislativo, nunca ouvimos falar das gestões dos Reitores que por lá passaram e por certo assim será para sempre.

Parabéns meu ilustre amigo Soane Nazaré, com o qual tive inúmeras oportunidades de conversar com o mesmo na Fundação Cultural de Ilhéus, na gestão do saudoso escritor grapiúna Hélio Pólvora. :: LEIA MAIS »

PSICOMUNDO – PAZ E AMOR NO BRASIL PELA COMPREENSÃO ​

O nosso País passa por caminhos criando novos cenários. É tempo de acreditar visando na evolução das conquistas seres superiores que poderão nos ajudar a fim de seguir outras metas. Transformar em atitudes sérias as políticas que marcaram a vida de nossa população com tantas mentes poluídas. A civilização cria demonstração em regime de forças, exterminando a mobilidade da astúcia em beneficio de inúmeras maldades. Temos que assistir as destruições dos instintos animalescos que escondem a verdadeira personalidade de muitos dos seus habitantes. Essa é a observação que podemos ter quando analisamos o comportamento das classes políticas, a exemplo, mais enfático da classe dos administradores brasileira.

O histórico dos bons princípios que trouxeram paz e entendimentos aos povos do mundo foi bem acentuado quando acreditamos nos procedimentos de outros países, e aqui particularmente, vejo Israel um bom denominador comum para chegar com felicidade aos ditames e desígnios de Deus. O Brasil precisa de mudança porque permanece patente a existência de muita gente se escondendo em imprevisíveis máscaras. E poucos não sentem que tem sido essa é a fórmula mais tacanha de apenas o uso de uma arma para esconder fragilidades da sua própria personalidade. E, assim fica muito triste viver a evolução das pessoas através de espiritualização, desistindo de mostrar por inteiro como realmente são dentro do interior da sua própria consciência.

Na maioria das vezes nota-se que vivem em abstratas emoções no prosseguimento nos sistemas da vida. São tantas regras criadas por inusitados acontecimentos, e muitas pessoas vão se esquecendo de ter consigo noções de tanta gente espalhada em nossa nação. É interessante viver sonhos bons todas às noites, entretanto, observam-se muitas pessoas desconhecendo de lutar por apenas um sonho. Quantas vezes usa-se a mentira para esquecer que não tem condições de encarar a verdade. Dessa forma maltrata e muitas vezes destroem anseios de paz para o coração humano.

O olhar calmo e tranquilo basta muitas vezes para inspirar uma espécie de insegurança aos insubmissos, e assim se sentem então por instinto que não terão a última palavra. E o que reside nas decisões políticas no Brasil é a falta do poder de mando, e tudo pode ser projetado sem desavenças, apenas oferecendo uma direção equilibrada e que todos que representam a administração pública, entendam o anseio da nossa população a qual continua merecendo o devido respeito, emanado pela espera do trabalho e dedicação para mudar tantas mazelas que somente nos faz mal, e vive denegrindo a imagem de um país bastante rico. :: LEIA MAIS »

AS COISAS NÃO VÃO BEM, VIROU PALHAÇADA

CARA EDITORA DO R2, AS COISAS NÃO VÃO BEM.. AS LINCENCAS, A JUSTICA, PROMOTORIA, AS CIA s DE PELOTÕES. 65== 72..  NADA  FAZEM,  A JUSTICA NÃO ESTÁ CHEGANDO ONDE DEVERIA.    RITUAL SATANICO PERDE NO  QUESITO HARMONIA.  QUERO SABER DAS AUTORIDADES SE NÃO VÃO TOMAR PROVIDENCIAS== CONCHA ACÚSTICA, DEBAIXO DA PONTE, MAR DUS INFERNOS.. REUNEM- SE TODOS TIPOS DE ZUMBIS E MALASOMBRADOS DE ILHEUS, TRAFICANTES , MOTO- BOYS DISFAÇADOS DE BONS MOCOS,  MATADORES DE ALUGUEL, MACONHEIROS E CHEIRADORES, POLICIAS, E AFINS.  TODOS SABEM, MAS NÃO FAZEM NADA… NADA.

PRESENCIEI ONTEM NO MAR DUS INFERNOS, BRIGAS GENERALIZADAS, BATIDAS DE CARROS PROPOSITAIS, TIROS E CORRERIA, ISSO 4 E MEIA DA MADRUGA.. NENHUMA VIATURA APARECEU. SOCOS, CARAS  SANGRADAS, O LUGAR EH TAO EMBLEMATICO,  , QUE POLICIA ATIRA EM POLICIA, ISSO MESMO… O ÚLTIMO TIROTEIO ENVOLVENDO , MILITARES E CIVIS RENDE  ATÉ HOJE. PRA NOSSA SORTE O LUGAR É ISOLADO, POIS SE FOSSE NA JUNÇAO RESIDENCIAL DE UM PROMOTOR, COM SORRISO FALSO E FRANCO OU DE UM MANGANGÃO DA AUTORIDADE , IA CHOVER VIATURAS E PORRADAS ATÉ EM QUEM NÃO TEM NADA COM ISSO.  TÁ AÍ O RECADINHO CURTO E GROSSO, TOMEM JEITO E PROVIDENCIAS.  ASS.. HERALDO FASKOMY DE SA.

LEÃO, PIONEIRO CEPLAQUEANO

Por Luiz Ferreira da Silva

Fomos colegas, de 1958-1962, na UFRRJ. Estudante dedicado que conciliava o trabalho na própria Universidade com as árduas tarefas do Curso de Agronomia. Veio de origem rural lá do interior de minas, cursando Colégios Agrícolas, com uma bagagem prática importante. Contava-me da sua luta nos tempos pré -universitários, até passar no concurso para o SPF, na área administrativa.
Lembro-me da nossa viagem para assumir o emprego na Ceplac, em fins de janeiro de 1963. Encontramo-nos no aeroporto Santos Dumont e voamos para o desconhecido, mas confiantes no novo desafio.
Por quase 30 anos trabalhamos na mesma área profissional -Solos- continuando a admiração em mão dupla.
Aposentamos e eu deixei a região, mas mantivemos contatados de vez em quando. Da última vez, me falou que estaria pensando em morar no Rio. Só agora, Rezende – amigo comum- me informou da sua permanência na região, em Olivença, quando me comunicou seu estado precário de saúde.
Leão empreendeu a sua viagem estelar na data de hoje, 1 de novembro de 2018, deixando pegadas do bem por onde passou. E como tal, como acontece com aqueles de espírito elevado, não morreu, mas se encantou.
Que Deus o tenha em bom lugar!
Maceió, AL, 01 de novembro de 2018.























WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia