WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom ponte ilheus embasa secom bahia





julho 2020
D S T Q Q S S
« jun    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  








Calendário da 2ª parcela do auxílio emergencial sai na próxima semana

O calendário para o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 sai na próxima semana. A informação foi dada hoje (1º) pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, durante videoconferência para apresentar balanço do pagamento da primeira parcela.

A previsão inicial era de que a segunda leva de pagamentos começasse a ser paga na última segunda-feira (27) para os inscritos no Cadastro Único e os cadastrados por meio do aplicativo e do site do programa. Mas o Ministério da Cidadania soltou uma nota afirmando que a divulgação do calendário deve ocorrer agora em maio.

Segundo Guimarães, o banco ainda está fechando o detalhamento dos pagamentos da primeira parcela e fechará o calendário após reunião com o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, e aprovação do presidente da República, Jair Bolsonaro.

Pagamento em dias diferentes

De acordo com o presidente da Caixa, o pagamento da segunda parcela ocorrerá em dias distintos dos dias para o pagamento do Bolsa Família. A medida visa evitar aglomerações nas agências bancárias.

“O segundo pagamento levará em conta tudo o que esta acontecendo agora. De uma maneira muito clara: não há condição de misturar o pagamento do Bolsa Família com o das contas digitais. Passamos este mês montando a base de dados”, disse Guimarães. “Na semana que vem, vamos publicar o calendário do segundo pagamento e ele vai ser muito mais simples porque já temos uma base de dados de 50 milhões de pessoas”, acrescentou.

Até o momento, cerca de 50,1 milhões de pessoas foram aprovadas para receber o auxílio. Desse total, 19,2 milhões são beneficiários do Bolsa Família; 10,5 milhões estão inscritos no Cadastro Único e 20,3 milhões são formados por trabalhadores informais, micro empreendedores individuais (MEI’s) e contribuintes individuais. Outras 12,4 milhões estão com o cadastro inconclusivo.

Problemas

Durante a coletiva, o presidente da Caixa disse que o pagamento da primeira parcela teve problemas devido ao banco ainda não ter informações mais precisas sobre o perfil de quem pediu o benefício. Guimarães disse ainda que um terço das pessoas não tinha acesso a conta em banco.

“Todos os que já receberam vão receber de novo e agora já sabemos quem é Bolsa Família, Cadastro Único e informais, estes últimos vão receber de acordo com a data de nascimento”, disse.

Medidas contra aglomerações

Questionado sobre as medidas tomadas para evitar aglomerações, Guimarães disse que o banco está adquirindo mais equipamentos de proteção individual para os empregados, como máscaras (560 mil), protetores faciais (11 mil) e 600 mil litros de álcool em gel. Também estão sendo contratados mais três mil seguranças para ajudar no controle de filas e 500 recepcionistas. Cinco caminhões da Caixa também vão ajudar no atendimento, especialmente em cidades das regiões com maior dificuldade.

Agência da Caixa Econômica Federal – Marcelo Camargo/Agência Brasil

“Teremos conversas com as prefeituras porque é fundamental, a gente precisa de ajuda das prefeituras não tem a menor dúvida disso”, disse. Vamos ter o máximo possível de cuidado na separação entre as pessoas, redução ao máximo desses dias de pagamentos para que não tenhamos no mesmo dia dois pagamentos [de benefícios] de pessoas carentes”, afirmou Guimarães.

FONTE: AGENCIA BRASIL

CAIXA ABRE NESTE SÁBADO EM ITABUNA E ILHÉUS PARA TIRAR DÚVIDAS E PAGAR AUXÍLIO

As agências da Caixa Econômica de Ilhéus e de Itabuna vão abrir neste sábado (2), das 8h às 12h, para tirar dúvidas de beneficiários do auxílio emergencial nascidos de janeiro a outubro e, ainda, fazer o pagamento daqueles que optaram em receber os R$ 600,00 em espécie (na boca do caixa).

Pelo calendário inicial informado pelo banco, nascidos em setembro e outubro receberiam o benefício a partir de segunda-feira (4), mas com a abertura das agências esse pagamento será antecipado. No dia 5 de maio será a vez de pessoas que querem receber a ajuda em espécie e fazem aniversário em novembro e dezembro.

Para evitar aglomerações, a Caixa orienta que a população só se dirija a esses locais em último caso. A prioridade é manter o atendimento digital, por meio do cadastramento por app, site e a movimentação do benefício pelo Caixa Tem, que dá acesso à poupança social digital.

“Dessa forma, o banco reforça o pedido para que a população só se dirija às agências em último caso. Aqueles que receberam o crédito por meio da Poupança Digital Caixa podem pagar boletos e contas de água, luz, telefone, entre outras, bem como fazer transferências para outros bancos por meio do aplicativo”, diz a Caixa em nota.

BAHIA CONFIRMA QUASE 300 CASOS DE COVID-19 EM 24H; ILHÉUS REGISTRA 5º ÓBITO

Nas últimas 24 horas, a Bahia confirmou 273 novos casos positivos da covid-19 e 11 óbitos. É o que revela o novo boletim epidemiológico da doença. Publicado por volta das 17h30min, o boletim registra 3.140 casos do novo coronavírus no estado desde o início da pandemia.

São 697 casos pacientes recuperados da doença e 2.326 casos ativos – que ainda são monitorados pelas equipes médicas e de Vigilância Epidemiológica. O estado chegou hoje a 117 óbitos causados pela covid-19, segundo a Sesab. Dos 11 óbitos das últimas 24h, uma das vítimas residia em Ilhéus. O homem de 49 anos foi transferido para o Couto Maia, em Salvador, onde faleceu ontem (30). A vítima não apresentava outra doença.

Os casos confirmados ocorreram em 137 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (63,54%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes são, pela ordem, Ilhéus (1336,81) Uruçuca (1072,18), Itabuna (923,92), Coaraci (765,02) e Salvador (694,55). Os quatro primeiros são da região sul do Estado.

O boletim epidemiológico registra 7.931 casos descartados e 14.743 notificações em toda a Bahia. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

TAXA DE OCUPAÇÃO

Na Bahia, dos 791 leitos disponíveis do Sistema único de Saúde (SUS) exclusivos para Covid-19, 306 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 39%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 318 leitos exclusivos para o coronavírus, 159 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 50%.

DO PIMENTA

Prefeitura demarca espaço das filas nas agências da Caixa

#Ilhéuscontraocoronavírus – Como medida adotada para enfrentamento à Covid-19, a Prefeitura de Ilhéus iniciou na manhã desta sexta-feira (1°) a demarcação do espaço ocupado pelas pessoas na porta das agências da Caixa Econômica Federal em filas, no centro da cidade e nos pontos de atendimento instalados para prestar orientação sobre o auxílio emergencial. A ação delimita o espaço de dois metros, evitando o contato físico enquanto as pessoas aguardam o atendimento.

“Mais uma iniciativa que reflete o cuidado com a saúde da nossa população. Demarcamos o espaço com o distanciamento necessário, a fim de evitar o contágio e para que possamos ter maior controle e fiscalizar o local”, destacou o prefeito Mário Alexandre.

O gestor informou que 93% dos munícipes utilizam máscara, um ponto positivo diante do cenário de combate à Covid-19. Fabrício Farias, gerente geral de uma das agências da Caixa, explicou que o calendário para pagamento iniciou em 27 de abril. As pessoas que nasceram em janeiro, fevereiro, março, abril, maio, junho, julho e agosto, por exemplo, já podem sacar o benefício.

“Com os stands montados pela Prefeitura conseguimos atender cerca de 300 pessoas para geração da senha, a fim de que o cliente possa sacar o auxílio emergencial nas lotéricas ou caixas eletrônicos”. É importante frisar que o pagamento entra na conta a partir da data estipulada no calendário, mas o saque pode ser feito nos dias seguintes. As pessoas que nasceram nos meses de setembro e outubro podem sacar o auxílio no dia 4 de maio e as nascidas em novembro e dezembro receberão o benefício em 5 de maio.

A ação é coordenada pela Superintendência de Transporte, Trânsito e Mobilidade (Sutram) e pela Secretaria de Serviços Urbanos (Secsurb), com apoio da Polícia Militar da Bahia.

Prefeitura de Ilhéus realiza cadastro de feirantes do Malhado: Por Secom

#IlhéusRealiza – A Prefeitura de Ilhéus, por meio de uma ação conjunta de diversas secretarias e a Associação da Central de Abastecimento do Malhado (Ascam), realizou na manhã deste 1º de maio o cadastramento dos feirantes como preparação para a reorganização da feira.

A ação, que conta com a coordenação e plano de estudo realizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SDE), é operacionalizada pela Superintendência de Indústria e Comércio para o cadastramento dos feirantes juntamente com a Ascam, o acompanhamento das secretarias de Meio Ambiente, de Serviços Urbanos (Secsurb), de ordem Pública por meio do apoio da Guarda Civil Municipal, da Polícia Militar para a segurança da atividade e da Superintendência de Transporte, Trânsito e Mobilidade (Sutram) para a organização do fluxo de veículos nas vias.

“No último decreto, o prefeito Mário Alexandre determinou a realização desta iniciativa que tem como objetivo a reorganização da feira, com novas barracas, tendo em vista a necessidade de atnder as recomendações de higiene e distanciamento entre as barracas. Os feirantes contarão com a limpeza e desinfecção do local, e receberão novas barracas”, explicou o titular da SDE, Vinícius Briglia.

O Governo do Estado está doando 150 barracas para esta iniciativa, cuja montagem será realizada pela Secsurb, na próxima semana. Uma verdadeira força tarefa que visa a manutenção das atividades dos feirantes neste período de pandemia.

A POESIA MUSICAL E OS INIMIGOS DO RITMO

(Capítulo XI do livro em formatação – VIVER EM DOIS SÉCULOS)

Luiz Ferreira da Silva.

O novo milênio não foi prodigioso com relação à música, aos intérpretes, e às bandas, nada se comprando com o período anterior. Um verdadeiro mau gosto e baixo nível cultural.

Nós da velha guarda, estávamos com os ouvidos acostumados com belas poesias de grandes mestres, dez das quais aqui insiro com saudades e devoção, sobretudo para que os jovens de hoje comparem com o seu mundo musical, eivado de letras esdrúxulas:

* A porta do barraco era sem trinco. Mas a lua furando o nosso zinco, salpicava de estrelas o nosso chão. Tu pisavas nos astros distraída, sem saber que a alegra dessa vida é a cabrocha, o luar e o violão. (Chão e estrelas, Orestes Barbosa)

* Vai minha tristeza e diz a ela que sem ela não pode ser. Diz-lhe numa prece, que ela regresse, porque eu não posso mais sofrer (Chega de saudades, Tom Jobim).

*. Hoje eu quero a rosa mais linda que houver. E a primeira estrela que vier para enfeitar a noite do meu bem. Hoje eu quero paz de criança dormindo. E abandono de flores se abrindo, para enfeitar a noite do meu bem Quero a alegria de um barco voltando. Quero ternura de mãos se encontrando, para enfeitar a noite do meu bem. (A noite do meu bem, Dolores Duran).

*. Você sabe o que é ter um amor, meu senhor? Ter loucura por uma mulher E depois encontrar esse amor, meu senhor, nos braços de um tipo qualquer? (Nervos de aço, Lupicínio Rodrigues).

*. Ah, se tu soubesses como sou tão carinhoso, e o muito, muito que te quero. E como é sincero o meu amor. Eu sei que tu não fugirias mais de mim (Carinhoso, Pixinguinha).

*. Não se deve amar ser amado. É melhor morrer crucificado. Deus nos livre das mulheres de hoje em dia. Desprezam o homem, só por causa da orgia. (Gosto que me enrosco, Senhor).

*. Eu sonhei que estavas tão linda. Numa festa de raro esplendor. Teu vestido de bale, lembro ainda. Era branco, todo branco, meu amor. A orquestra tocou uma valsa dolente. Tomei-te aos braços, fomos dançando ambos silentes. (Eu sonhei que tu estavas tão linda, Lamartine Babo).

*. A deusa da minha rua, tem os olhos onde a lua costuma se embriagar. Nos seus olhos eu suponho que o sol, num dourado sonho, vai claridade buscar. Minha rua não tem graça, mas por onde ela passa, seu vulto que me seduz. (A Deusa da minha rua, Newton Teixeira).

*. Tu és, divina e graciosa estátua majestosa do amor por Deus esculturada. E formada com ardor, da alma da mais linda flor, de mais ativo olor que na vida é preferida pelo beija-flor. Se Deus me fora tão clemente aqui nesse ambiente de luz. Formada numa tela deslumbrante e bela O teu coração junto ao meu lanceado. Pregado e crucificado sobre a rósea cruz do arfante peito seu. (Rosa, Pixinguinha).

*. Ainda é cedo, amor. Mal começaste a conhecer a vida já anuncias a hora de partida sem saber mesmo o rumo que irás tomar. Preste atenção, querida. Embora eu saiba que estás resolvida. Em cada esquina cai um pouco

tua vida. Em pouco tempo não serás mais o que és (A vida é um moinho, Cartola).

O século passado foi marcado por revoluções musicais. Grandes movimentos permitiram o aprimoramento das melodias, o surgimento de grandes intérpretes e o carimbo internacional da MPB.

A Bossa Nova, com figuras exponencias na arte musical, como Antônio Carlos Jobim, Vinícius de Moraes e João Gilberto, correu o mundo, encantando especialmente a nata americana, de Frank Sinatra a Elle Fitzgerald.

A Tropicália, com os baianos, Caetano e Gilberto Gil, numa mistura de ritmos e letras do cotidiano, fazendo multidões cantarem sob as belas vozes de Gal Costa e Maria Bethânia.

Em paralelo, a Jovem Guarda de Roberto Carlos, que satisfazia a uma faixa de jovens “prafrentex” de cabelos longos e conectados com o movimento do Rock Rol internacional.

Os Novos Baianos também deram uma contribuição fantástica à música, conjuminando-as com a excelência dos instrumentos musicais, notadamente as guitarras elétricas e a percussão. Moraes Moreira, Pepeu Gomes, Galvão, Paulinho Boca de Cantor e Baby Consuelo, marcaram época.

No Nordeste, a consagração de Luiz Gonzaga, o Rei do Baião. Juntamente com Humberto Teixeira e Zé Dantas, criando canções que cantavam a sua terra, fazendo a moçada dançar ao som do forró (Xote, Baião, Xaxado).

E para culminar, os Grandes Festivais que revelaram novos compositores como Chico Buarque de Holanda, Milton Nascimento, Edu Lobo, Geraldo Vandré, dentre outros de igual talento.

E o que aconteceu no século XXI? Desvirtuação total. Uma agressão à MPB. Primeiramente, as bandas de forró com uma parafernália instrumental, com letras sem nexo e intérpretes de baixa capacidade vocal.

Mexeram no samba, aquele de Paulinho da Viola e de Martinho da Vila, com um tal de pagode. Ritmo lento como se fora uma marcha, letras repetitivas e sem a batida original que ecoava nos morros cariocas.

O pior de tudo foi a agressão à genuína música caipira, denominando-a de sertaneja, com a proliferação de duplas, cujas letras nada refletem o espaço geográfico do meio rural, como se situavam Tonico e Tinoco, Pena Branco e Xavantinho, Cascatinha e Inhana, dentre tantos.

Não vale a pena se estender no repertório atual, inspirado em três temas: cachaça, chifre (gaia) e rapariga! Isso diz tudo, dispensando comentários.

Mas, mesmo negativamente, vale registrar o envolvimento da juventude universitária com esse esdrúxulo movimento musical, esbaldando-se nas baladas, não havendo distinção de gosto entre as classes socioeconômicas, nivelando-se todos, cantando aos gritos:

“Rapariga não, rapariga não Lava sua boca com água e sabão Rapariga não, rapariga não. Não é só um corpinho bonito. Ela também tem coração”.

Por outro lado, a bela música dos morros, desde Cartola e Dona Ivone Lara, se perdeu nas quebradas, sugada pelos bailes funks, caracterizados pela violência.

Adicionalmente, ao invés de cantar a beleza de suas comunidades, como Herivelto Martins o fez com sua Ave Maria no Morro, expressam diálogos, muitas vezes, sem pé e nem cabeça, através do Hip Hop, uma pobre imitação dos negros americanos, descaracterizando-o.

Este movimento musical de rua surgiu para expressar, com letras e movimentos corporais, a sua realidade social, mas sem visão negativista e destruidora, mas sempre como uma lição de fé.

E para encerrar, a música baiana que virou Axé e desvirtuou o Trio elétrico de Dodô e Osmar, com sua avidez economicista.

Estudantes baianos produzem tanques autônomos para criação de peixes

Projeto visa fornecer geração de renda para comunidades brasileiras
Em tempos de pandemia da covid-19, soluções para gerar renda são grandes aliadas no combate a uma possível crise econômica. Entre as diversas ideias que podem ajudar a sociedade a avançar após o isolamento social, está um projeto desenvolvido por pesquisadores da Universidade Salvador (Unifacs), chamado Aquaris, que consiste em tanques autônomos para criação de peixes, capaz de monitorar a qualidade da água, regular o nível de oxigênio dissolvido e até alimentar os animais com o despejo de ração.
À frente do projeto, o estudante de Ciência da Computação Italo Lopes explica o trabalho que desenvolve junto ao grupo de pesquisa conhecido como Pure, composto também por Gabriel Mascarenhas, Rafael Pinho e Gabriel Cardoso, estudantes de engenharia de controle e automação e mecânica. “O consumo de peixe pelos brasileiros está abaixo da média mundial e queremos contribuir para reverter esse índice, pois ao analisarmos a tendência de consumo, é possível identificar que a criação de peixes é essencial para a necessidade de gerar renda em algumas comunidades do nosso país”, afirmou ao relembrar que a inspiração para desenvolver este projeto surgiu na Campus Party, em São Paulo, onde eles apresentaram um trabalho similar e um dos ouvintes era um piscicultor, que pôde contribuir com informações a respeito da rotina de criação de peixes.
Italo ressalta que uma preocupação do grupo diz respeito ao desenvolvimento socioeconômico. “Observamos, através de pesquisas, que a situação de algumas famílias em comunidades na Bahia poderia ser melhorada com um acesso à tecnologia que proporcionasse mais autonomia. Por isso demos início ao projeto Aquaris, para viabilizar a criação de peixes por pessoas sem conhecimento técnico”, disse. Atualmente, o trabalho se encontra em fase de pesquisa e prototipagem para, posteriormente, iniciar a fase de testes.
O estudante acredita que, quando concluído, o projeto vai melhorar a economia das pessoas de baixa renda, trazendo conhecimento técnico para a criação de peixes. “Nosso foco está em melhorar a qualidade de vida dos peixes, de modo a garantir um produto melhor ao trabalhador. Para isso, contamos com um sistema IOT com monitoramento dos parâmetros da água e despejo de ração automático e nos tornamos parceiros de uma empresa com tanques autônomos equipados com tecnologia testada e vendida para possibilitar a criação de peixes próximo das residências”, declarou.
Entre os apoiadores do projeto estão a empresa BMD, que é responsável pelo fornecimento dos tanques de piscicultura nos quais serão implementados o sistema de controle e monitoramento. Além disso, Italo conta as próximas metas da equipe Pure para o futuro. “Pretendemos estabelecer parcerias com bancos que tenham em sua carteira clientes do agronegócio, na intenção de facilitar o financiamento para a compra do equipamento e suas primeiras manutenções, visto que é um produto que irá gerar renda para seus compradores, ou seja, oferecendo uma ‘garantia’ de retorno para a instituição financeira”, concluiu.

Guarda Civil de Ilhéus intensifica ação preventiva para conter aglomeração

Para conscientizar e orientar moradores de Ilhéus sobre a seriedade da pandemia do novo Coronavírus e as medidas decretadas pelo prefeito Mário Alexandre, com o objetivo de conter a proliferação do vírus na cidade, a Guarda Civil Municipal (GCM) realiza, por toda cidade, operações preventivas. Nas últimas semanas, o grupamento esteve em ações de fiscalização em mercados, estabelecimentos considerados essenciais e outros locais que geram reunião de pessoas.

Os guardas civis de Ilhéus têm orientado moradores e frequentadores de feiras livres, com a mensagem de alerta, pedindo que as pessoas respeitem o distanciamento social, medida que é considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como a principal forma de evitar a disseminação do vírus. A ação é vista também nas praias do município. No relato do GCM, Cleidson Santos da Silva, a população ainda não se conscientizou da real situação.

“Com o fechamento do comércio devido a pandemia, o fluxo de pessoas diminuiu, mas ainda há presença de pessoas nas mediações de bancos e casas lotéricas. Daí o surgimento de grandes filas para acessar os serviços. Orientamos a população evitando aglomerações. Então, o cuidado deve ser redobrado, além do uso de máscara nos locais de trabalho e nas ruas, caso haja necessidade de sair”, relatou Cleidson.

Ronda nas praias – Leonardo Bandeira, comandante da GCM de Ilhéus, informou que esta semana, a instituição atuou no perímetro de praias e relatou as ações. “Recebemos denúncias sobre a ocorrência e presenciamos a formação de ‘babas’ em algumas praias. Nossa ronda chegou ao local e precisou interromper a partida para acabar com a aglomeração. A guarnição destacada fez a orientação para que o grupo voltasse para suas casas”.

As operações preventivas da Guarda Civil Municipal continuam em toda a cidade e envolvem ainda o Setor de Fiscalização e Posturas e o Condecon da Prefeitura de Ilhéus. A instituição pode ser acionada por qualquer cidadão através dos números (73) 99982-9490; (73) 99909-2265 ou (73) 99981-1706, das 8h às 18h. O serviço também funcionará das 18h às 23h, nos números (73) 99913-1356 ou (73) 99857-8690.

Ilhéus: Novo decreto obriga uso de máscara e impõe medidas duras

Por secom

#Ilhéuscontraocoronavírus – Prefeitura de Ilhéus, por meio da atuação do Gabinete de Crise, diante do alarmante crescimento dos casos confirmados de Covid-19 na cidade, publicou na noite deste sábado (25) um novo decreto no Diário Oficial do Município com medidas mais duras. O uso de máscaras por todos os munícipes passa a ser obrigatório, alguns estabelecimentos essenciais funcionarão em dias intercalados e restrições no trânsito serão realizadas. O objetivo, conter o avanço da contaminação do novo coronavírus em Ilhéus. A vigência inicia na primeira hora desta segunda-feira (27).

A partir desta próxima segunda-feira (27) todas as pessoas no território do município de Ilhéus serão obrigadas a usar máscara facial de proteção, seja nas vias públicas, praças, em veículos, para acesso a estabelecimentos públicos ou privados, seja no trabalho ou não. Qualquer pessoa poderá acionar a polícia para a condução de quem não respeitar a norma à Delegacia de Polícia, podendo ser indiciado ou indiciada por crime contra a saúde pública.

Estabelecimentos autorizados a funcionar devem afixar avisos na entrada do imóvel com advertência aos clientes sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras, caso contrário, o consumidor não será atendido.

Agências bancárias e casas lotéricas devem registrar sinalização horizontal que indique o distanciamento entre as pessoas nos locais das filas, e colocar funcionários para manter a organização e o respeito à sinalização registrada. Além disso, os bancos devem apresentar um plano de ação para a descentralização do atendimento em agências, por meio da instalação de postos de atendimento para a solução de dúvidas e solicitações, nos bairros ou em pontos estratégicos da cidade, para diminuir as aglomerações. O prazo é de 72h após o início da vigência do decreto, sob pena de multa.

Uma alteração trazida pelo decreto é em relação à alternância do funcionamento de determinados estabelecimentos essenciais em alguns dias da semana, não mais sendo autorizado o funcionamento em dias corridos.

Lojas de alimentos em geral (padarias, hipermercados, supermercados, mercados, açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros, quitandas e centros de abastecimento de alimentos), distribuidores de gás e de água mineral, estão autorizados a funcionar em dias corridos da semana somente até às 19h, com exceção das farmácias, postos de gasolina e atividades delivery de alimentação que podem funcionar para além desse horário.

As lojas de vendas de material de limpeza, de material de construção, de manutenção de impressora, de recarregadoras de cartuchos, óticas e lavanderias, só podem funcionar nas segundas e quartas-feiras, das 9h às 15h.

Já as lojas de vendas de alimentação e remédios para animais, de insumos ou equipamentos agrícolas, oficinas, borracharias e autopeças, estão autorizadas a funcionar somente nas terças, quintas e sextas, das 9h às 15h.

Os estabelecimentos que desrespeitarem o decreto ou estiverem inadequados, serão multados, podendo o alvará ser suspenso ou cancelado, assim como a licença de funcionamento. Se necessário, poderá ser realizada a apreensão de bens e usada a força policial para fechamento, e o infrator se responsabilizado civil e criminalmente. A devolução dos bens apreendidos será condicionada ao pagamento da multa, com exceção de alimentos perecíveis, que serão revertidos para instituições beneficentes, como abrigos.

A Superintendência de Transporte e Trânsito Mobilidade de Ilhéus (Sutram), realizará blitze para fiscalizar o uso das máscaras pelos munícipes e o bloqueio de vias públicas consideradas estratégicas para o controle de circulação de pessoas, com o objetivo de reduzir o tráfego, bem como proceder à redução de vagas de estacionamento.

PSICOMUNDO <> TERRÍVEL PRAGA DE INSANIDADE DE VIOLÊNCIA CONTRA MULHERES <>

O perfil de homens autores de violência contra mulheres detidos em flagrante torna-se muito triste, desiguais e desumanos. São desastrosas as contribuições para o enfrentamento dentro de tantas residências em nosso País. E não podemos caracterizar essas ocorrências com dificuldades econômicas, pois verificamos tantas pessoas pobres financeiramente, o que podemos afirmar com certeza essa origem é a ausência de educação moral, social e humana. A violência contra a mulher compreende atos praticados em ambiente público ou privados e, em diversos contextos do cotidiano, porém, é no ambiente doméstico que, fundamentalmente, ela ocorre. É praticada quase sempre por homens da família que exercem relações de poder sobre as vítimas e, ao serem protegidos pelos laços afetivos, podem levar ao extremo as relações de dominação, originadas na cultura patriarcal que ainda se perpetua.

A união conjugal entre homens e mulheres perderam as importantes ações de projetos no conhecimento das qualidades em personalidades e temperamentos entre si. Daí a existência de tantas fragilidades criadas por fortes emoções de caráter. Muitas pessoas detidas em flagrantes delitos policiais, notadamente os homens, estão sempre sendo causadores de crimes e fortes desastres sociais em famílias. A partir das pesquisas e análises obtidas através dos resultados diante aos inúmeros depoimentos nas Delegacias das Mulheres, foi possível constatar que os agressores detidos eram, exclusivamente, do sexo masculino, com predomínio de adultos jovens, casados, contra a mulher, já que uma parcela significativa delas, mesmo tendo denunciado, retorna ao convívio do agressor no intuito de manter o vínculo familiar. Essa evidência também foi constatada em estudo desenvolvido com mulheres que sofreram violência e necessitaram proteger-se em uma casa-abrigo, no qual 18,3% delas manifestaram o desejo retornar ao convívio com o agressor.

O valor cultural entre as pessoas que buscam a convivência a dois em relacionamento para uma vida em família, nem sempre são valorizados, pensados e analisados olhando o futuro dentro de uma sociedade muitas vezes extravagante e desigual materialmente. Tem momentos que algumas pessoas buscam o ter e esquecem o ser. Nessas transformações de valores para obtenção do respeito recíproco e mutuo rolam muitos acontecimentos judiciais. Diante disso, imaginamos que a determinação de valores diferenciados para cada agressor também foi estabelecida, considerando que para definir o valor da fiança a autoridade deve considerar o tipo de infração cometida pelo agressor, suas condições pessoais de fortuna e vida pregressa, as circunstâncias indicativas de sua periculosidade, bem como a importância provável das custas do processo. Segundo as leis, nos casos em que o juiz constatar a impossibilidade de pagamento por motivo de pobreza, poderá conceder ao réu a liberdade provisória com isenção de valor monetário. :: LEIA MAIS »

DO FUNDO DO BAÚ DE JOSÉ LEITE

1) 60 ANOS DE JOSÉ LEITE EM ILHÉUS.

2) TUDO CUIDADO É POUCO.

3) FIQUE EM CASA.

4) AS FOTOS DESTAQUES DA SEMANA. :: LEIA MAIS »

Sergio Moro se demite e deixa governo Bolsonaro após mudança na PF

O ministro da Justiça Sergio Moro anunciou nesta sexta-feira (24) que está deixando o cargo, depois de um conflito com o presidente Jair Bolsonaro em relação ao comando da Polícia Federal. Considerado um homem de confiança de Moro, o delegado Maurício Valeixo foi exonerado da chefia da PF hoje. Desde ontem, a tensão entre o presidente e Moro chegou a um ápice na queda de braço pelo comando da polícia. “Tenho que preservar minha biografia e o compromisso que assumi que seríamos firmes no combate à corrupção”, afirmou. “E um pressuposto para isso é que nós temos que garantir o respeito à lei, à própria autonomia da Polícia Federal”.





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia