WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia embasa embasa secom bahia secom bahia secom bahia


abril 2015
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  






:: 13/abr/2015 . 21:33

EQUIPE CAMPEÃ

CONVITE EQUIPE

Candidatos a Soldado da PM iniciarão formação em maio

Atenciosamente,

  Polícia Militar da Bahia
Departamento de Comunicação Social (DCS)

Aula inaugural abre atividades da primeira escola de percussão afro-brasileira de Ilhéus

Com o objetivo de formar músicos, e desenvolver a sensibilidade e a integração dos alunos, foi fundada em Ilhéus a primeira escola de percussão afro-brasileira. O início das atividades está programado para esta terça-feira, 14, com aula inaugural, a partir das 19 horas, no Terreiro de Matamba Tombenci Neto, sede da escola, situado na Avenida Brasil, 485, alto da Conquista.

Aula inaugural será netsa terça-feira - Secult.

Aula inaugural será netsa terça-feira – Secult.

As aulas vão acontecer às terças e quintas-feiras, das 19 às 21 horas, para iniciantes de percussão, músicos, além de alabés e kambondos (tocadores de atabaques) de Ilhéus e de outros municípios sul-baianos. A inscrição também pode ser feita no mesmo dia e local, a partir das 18h30min. O aluno paga taxa de inscrição de R$ 20, e mensalidade de R$ 40. Informações adicionais podem ser obtidas através dos telefones (73) 8809-3958 e 8154-5402 ou no site www.matambatombencineto.blogspot.com.br.

O projeto é idealizado pelo percussionista, cantor e compositor Marinho Rodrigues, criador da orquestra Gongombira de Percussão e organizador de cursos e workshop de percussão em Ilhéus e região. Segundo ele, a proposta da escola é disponibilizar espaço de aprendizado e troca de saber da música afro-brasileira para iniciantes da percussão em Ilhéus e de outros municípios baiano.

Agricultores têm até 06 de maio para regularizar situação ambiental da propriedade

Agricultores familiares de todo o Brasil têm até o dia 06 de maio para preencher o Cadastro Ambiental Rural (CAR) e continuar acessando políticas públicas e créditos do Governo Federal. O Cadastro é obrigatório e gratuito e tem como finalidade reunir informações ambientais dos imóveis rurais para compor uma base de dados para controle, monitoramento, planejamento ambiental e econômico e de combate ao desmatamento.

A estimativa é de que 5,6 milhões de propriedades rurais façam o Cadastro. Segundo o assessor da Secretaria Executiva do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Marco Pavarino, o agricultor pode ser punido caso não preencha o registro. “Se ele não tiver preenchido o CAR até a data limite, ele estará descumprindo uma determinação da lei. O fato de ele não estar no Cadastro significa que ele será, inclusive, multado por alguma infração ambiental que ele já tenha. Entrar no CAR significa que ele está regularizando a situação ambiental da propriedade dele”, diz.

:: LEIA MAIS »

Estado publica resultado final do concurso para delegado, investigador e escrivão

O Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (14) divulga o resultado final do concurso público para os cargos de delegado, escrivão e investigador, carreiras do quadro da Polícia Civil. Na mesma edição também vai ser publicado o resultado final e recursos de outras duas etapas – investigação social e avaliação de títulos, esta última em consonância com a Ação Civil Pública ajuizada pela Defensoria Pública da União (DPU).

Promovido pelas secretarias estaduais da Administração (Saeb) e da Segurança Pública (SSP), sob organização do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe/UnB), o concurso foi realizado em 2013, com a oferta de 600 vagas, para ampliar o quadro de policiais civis no Estado e, ao mesmo tempo, fortalecer a segurança pública, uma das prioridades do atual governo.

A publicação do resultado final do concurso ocorre após a solicitação da Saeb para agilidade no envio das informações pela Cespe/UnB. O certame havia sido suspenso por conta de ação ajuizada pela Defensoria Pública da União (DPU), que determinou a reabertura de prazo para que os candidatos eliminados na fase de exames biomédicos reapresentassem os exames médicos exigidos.

Luiz Castro em: DECOLORES

 As diferentes maneiras de noticiar um fato

 Se história da Chapeuzinho Vermelho fosse verdade, como ela seria contada na imprensa do Brasil?


Veja as diferentes maneiras de contar a mesma história.

Jornal Nacional

(William Bonner): ‘Boa noite. Uma menina chegou a ser devorada por um lobo na noite de ontem…’

(Fátima Bernardes): ‘…mas a atuação de um lenhador evitou a tragédia.’

Programa da Hebe

‘…que gracinha, gente! Vocês não vão acreditar, mas essa menina linda aqui foi retirada viva da barriga de um lobo, não é mesmo?’

Cidade Alerta

:: LEIA MAIS »

ORIGENS E RAÍZES DA FRANCO-MAÇONARIA – PARTE VIII

 Por José Everaldo Andrade Souza

Ir.’. Everaldo

Ilustres seguidores do R2CPRESS, participantes e simpatizantes da Franco-Maçonaria. Conforme anunciado em nossa edição anterior, faremos um breve relato a respeito dos Graus pelos quais passavam os pedreiros medievais.

GRAUS

Aprendizes

Todas as guildas ensinavam seus ofícios aos aprendizes que, por sua vez, os transmitiam à geração seguinte. Na Grã-Bretanha, a regulamentação mais antiga relativa ao bem-estar dos aprendizes data de aproximadamente 1320, cerca de um século antes que a Aprendizagem começasse a ser exigida pelas guildas de ofício a fim de ser difundida…

Existem poucas referências a respeito dos aprendizes de pedreiros, provavelmente porque o que se sabe a respeito dos primórdios da construção em alvenaria diz respeito a relatos de projetos de construção em larga escala, e os aprendizes eram inferiores demais na hierarquia para merecerem qualquer menção.

O termo “aprendiz aceito” (entered apprentice) aparece, em inglês, pela primeira vez em 1723, no Book of Constitutions (Livro das Constituições), mais de 120 anos depois que se soube ser uma característica da Maçonaria Escocesa. Era prática padrão para um aprendiz, que completara seu estágio de sete anos, ser admitido na Loja como aprendiz aceito. Diferente de seus irmãos estagiários, os aprendizes aceitos tinham permissão para realizar algum trabalho por iniciativa própria, mas não tinham liberdade para empregar subordinados.

 Companheiros

:: LEIA MAIS »

USO DO CELULAR

Desnecessário tecer maiores comentários sobre o uso do celular. O aparelhinho está espalhado pelos quatro cantos do mundo e não tem mais jeito, não tem mais retorno.

A cada dia as empresas criam novos modelos, com mais aplicativos e a turma não deixa passar barato, compra tudo, custe o que custar, pois o mais importante é estar antenado, na frente.

Claro que ninguém vive mais sem celular, pessoas com mais de um aparelho e/ou com números de todas as operadoras, fazer o que?

Mas o que está me chamando a atenção é como esses aparelhos estão sendo usados por funcionários de empresas, senão vejamos:

Nas farmácias o balconista lhe atende e lê a receita com o celular no ouvido (e conseguir lê uma receita médica não é fácil); nas clínicas e hospitais mesmo procedimento; nas lojas,  boutiques, materiais de construção, os produtos são mostrados e discutidos os preços, o comerciário com o celular colado no ouvido; o cobrador de ônibus, naquele balança mas não cai e passando o troco, não larga o  celular; nos mercados o celular fica em local estratégico, o caixa registra as mercadorias e ao mesmo tempo olha para o celular; o taxista atende dirigindo e confirma onde está e manda o próximo passageiro aguardar; os agentes de trânsito não largam o celular, pois este serve para conversar e aplicar multas; já foi pego motorista de ônibus conversando no celular; o motoboy não fica atrás; o motorista do veículo coletor de lixo acha que tem tempo bastante para conversar; os médicos já entraram na roda, atende o paciente e suspende a consulta para atender o celular, às vezes é um amigo com um assunto sem nenhuma importância; os vigilantes bancários não ficam atrás; os funcionários públicos aderiram à nova moda; pedreiros, carpinteiros, serventes podem estar em qualquer lugar da construção, até na laje, mas não largam o celular; enfim, todo mundo tem celular e atende a qualquer hora e em qualquer lugar, pouco se importando se tem na frente um cliente.

:: LEIA MAIS »

Disponível resultado da primeira fase da seleção pública da Secretaria de Desenvolvimento Social de Ilhéus

Candidatos aprovados serão submetidos a entrevista, de acordo com calendário estabelecido

A Prefeitura de Ilhéus, por meio da Comissão de Seleção, instituída pela Portaria n° 140/2015, torna público o resultado da primeira fase, por ordem alfabética, da Seleção Simplificada número 02/2015, para contratação temporária em cargos na Secretaria de Desenvolvimento Social. Os classificados para a fase posterior, de entrevistas, ficam convocados a comparecer à Secretaria de Desenvolvimento Social – SEDES -, localizada na Rua Vereador Mario Alfredo, s/nº, Conquista, Ilhéus, Bahia conforme programação abaixo:

Dia 15/04: psicólogo; assistência social; advogado. Dia 16/04: cuidador. Dia 17/04: psico-pedagogo, pedagogo, coordenador I, coordenador II, sub coordenador, monitores sociais, nutricionista, auxiliar administrativo, educador social, arte terapeuta, cozinheiro, auxiliar de cozinha, auxiliar de distribuição e auxiliar de manutenção.

A Secretaria de Administração (Secad) de Ilhéus alerta que os convocados devem atentar às regras para a entrevista, como constante no edital da seleção.

A lista dos convocados está disponível no diário oficial do município e pode ser acessada neste linkhttp://goo.gl/5tJKhT,  a partir da página 10.

Circuito Ilheense de Corrida Rústica 2015 será iniciado no feriado de Tiradentes

A primeira das quatro etapas – denominada Tiradentes – acontecerá no dia 21 de abril, na Avenida Soares Lopes. As inscrições estão abertas e podem ser feitas no Ginásio de Esportes Herval Soledade, na Avenida Canavieiras, e nas academias VIP, localizadas na Avenida Litorânea Norte e no Bairro Nossa Senhora da Vitória

Lançado no último dia 18 de março, o Circuito Ilheense de Corrida Rústica 2015 terá seu início no próximo dia 21, feriado de Tiradentes. O percurso será feito no decorrer da Avenida Soares Lopes, região central da cidade. Promovido pela Diretoria de Esportes, em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS), o projeto conta com o apoio da Sutran (Superintendência Municipal de Trânsito), Academia Vip e Polícia Militar. A principal proposta é fortalecer o esporte amador de Ilhéus com vistas, também, à promoção da saúde e do bem-estar da população.

Com largada prevista para às 9 horas (feminino) e 10 horas (masculino), das imediações da Praça Dom Eduardo, a prova terá percurso de 6,4 quilômetros (duas voltas completas da Praça até a Concha Acústica). “Importante ressaltar que a ideia é levar esse circuito para outras localidades, como os bairros Hernani Sá, Teotônio Vilela e a Avenida Lomanto Júnior”, afirmou o consultor esportivo Victor Montargil.

Inscrições – O diretor de Esportes da Prefeitura de Ilhéus, Roberto Andrade, informou que as inscrições para as 200 (duzentas) vagas disponíveis foram abertas no mês passado e podem ser feitas das 8 às 12 horas, no Ginásio de Esportes, na Avenida Canavieiras. Segundo ele, as inscrições também poderão ser efetuadas, nesse caso das 5h30min às 11 horas e das 14 às 21 horas, nas academias VIP, localizadas na Avenida Luis Eduardo Magalhães (Litorânea Norte), nº 349, e no Bairro Nossa Senhora da Vitória. “No ato da inscrição, basta que o maior de 18 anos apresente uma cópia da Carteira de Identidade. No entanto, para agregarmos ao Circuito Ilheense de Corrida Rústica 2015 um caráter social, todos os inscritos deverão entregar no dia 21, a partir das 7 horas, um quilo de alimento não perecível”, acrescentou Andrade.

A programação da Etapa Tiradentes do Circuito Ilheense de Corrida Rústica 2015 prevê aula de zumba (dança latina), às 7h20min; check in (recebimento das camisas com as numerações de competição, das 7h30min às 8h30min; corrida kids (com a participação de crianças e adolescentes de 9 a 12 anos das unidades ilheenses do Cras), às 8 horas; corrida rústica feminina, 9 horas; e, por fim, a corrida masculina, às 10 horas. Além de um palco montado nas proximidades da Catedral de São Sebastião, a infraestrutura do evento também contará com sistema de som, postos para distribuição de água e banheiros químicos

Desenbahia disponibiliza R$ 50 milhões para renovação de taxis

Proporcionar mais conforto e segurança aos taxistas, bem como aos passageiros que optam por este tipo de transporte no estado. Com este intuito, a Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia) desenvolve o Programa de Renovação da Frota de Táxis do Estado da Bahia (Protáxi). Além de Salvador, taxistas de outros 88 municípios baianos podem aderir a iniciativa. Um dos critérios de adesão ao programa é que o taxista atue em cidades com mais de 50 mil habitantes, ou em municípios com mais de 25 mil moradores, que estejam localizado em zona turística.

De acordo com a chefe da Central de Relacionamento da Desenbahia, dos R$ 50 milhões de reais disponíveis pela agência ao Protáxi para 2015, cerca de R$ 10 milhões já foram liberados nos três primeiros meses deste ano. Um total de 497 taxistas teve crédito aprovado entre os meses de janeiro e março. Ela também explicou que, para aderir ao programa, o taxista precisa ser cadastrado no órgão de classe e estar devidamente licenciado junto à prefeitura. “Após o órgão de classe encaminhar o taxista à Desenbahia, nós verificamos a documentação e enviamos o cliente para a área de operações para fazer a aprovação. É feita uma análise e, em um prazo máximo de dez dias úteis, ele recebe um telefonema para vir pegar a carta de crédito para solicitar o seu veículo [novo]”, explica.

No primeiro financiamento, o taxista pode obter R$ 20 mil para veículos de até R$ 32 mil; R$ 23 mil para veículos entre R$ 32 mil e R$ 40 mil; e R$ 30 mil para carros acima de R$ 40 mil. Já no segundo financiamento, que inclui um incentivo sujeito à consulta no histórico de pagamento do contrato anterior, o taxista pode obter R$ 25 mil para carros até R$ 32 mil; e R$ 28 mil para carros entre R$ 32 mil e R$ 40 mil. São subsidiados até 90% do valor do automóvel e o taxista tem até 45 meses para pagar, sem carência.

Desde agosto do ano passado, a Desenbahia passou a funcionar em novo prédio, localizado na Rua Ivonne Silveira, Doron, há poucos metros da Avenida Paralela, ao lado do Ministério Público Federal (MPF). Para saber outras informações sobre a linha de crédito, basta acessar o site da Desenbahia.

ILHÉUS / Semana Empreendedor

PARA LER EM TELA CHEIA CLIQUE NAS DUAS SETINHAS.





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia