WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia secom bahia embasa secom bahia embasa


julho 2021
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031






:: 7/jul/2021 . 20:00

NOTÍCIAS DA AVEP

7ª RODADA COM VITÓRIA DO CAP. VALDIMIRO EUTIMIO E EMPATE

A 7ª rodada da Temporada 2121 da Associação dos Veteranos de Esporte Praiano –AVEP–, entidade de ‘babas de praia’ quase centenária de Ilhéus, realizada domingo (27) pela manhã deu vitória do time do Capitão Valdomiro Eutimio sobre o do Capitão Eldon do Ofertão por 3 a 1 (dois gols marcados pelo próprio Valdimiro Eutimio e um de Gagare; fazendo Lidimar para a perdedora) e empate de 2 a 2 entre os dos capitães Marconi (gols de Alex de Moises e Gicelio Ram Ram –contra- ) e Bira da Polícia (dois gols de Renatinho dos Leais). No campo 1 (ou Grimaldo) apitou Wilson Salviano, no Campo 2 (ou Martial), Ronivon Pereira Dias, com atuações de regular para boa, conforme informações dos analistas de árbitros; ambos pertencentes à Associação de Árbitros de Futebol de Campo de Ilhéus –AAFCI. Como sempre acontece, realizados na praia da Avenida Soares Lopes na área adjacente ao espaço cultural Tenda Teatro Popular de Ilhéus e aos campos de tênis da Associação Ilheense de Beach Tennis – AIBT. Coordenou a rodada mais uma vez, o próprio presidente Djalma Peludo como Diretor de Baba do Dia. Levaram Cartão Amarelo: Isaque, Gagare, Pardal, Badunga e Alex de Moises.

Equipes no Campo Grimaldo, conforme súmulas:

(Cap. Eldon do Ofertão): Goleito Rosivaldo, Vado do Bradesco, Lino, Silva e Pardal; Adauto Negocinho, Nilton do BB(Jackson Convidado entrou no intervalo) e Podão; Garrancho 100 Anos de Praia(Carlão do Taxi entrou no intervalo), Ludimar e Eldon do Ofertão

(Cap. Valdimiro Eutimio): Goleiro Marcelo da Receita, Sizinio do Remo, Junior Murta, Isaque, Paulinho da AFC e Everaldo Cabeça de Flande(Nilson Convidado entrou aos 25’ da 1ª etapa e Paulo Gois do Bradesco o sucedeu aos 26’ deste referido período do baba); Correia do HSBC, Carlos Henrique e Roberto Fraga(Rogerio Convidado entrou no intervalo); Gagare e Valdimiro Eutimio

Equipes no Campo Martial, conforme súmulas:

(Cap. Bira da Polícia): Goleiro Fernando, Zé Eduardo, Galletti da Rio de Engenho, Gicelio Ram Ram e Dinho da Van; Bira da Polícia, Badunga e Luís Humberto; Renatinho dos Leais, Charles Reis e Ivo Baba (Alvinho entrou no intervalo)

(Cap. Marconi): Goleiro Ricardo (Goleiro Vando entrou no intervalo), Eduardo Japonês, Gilson do Taxi, Paulo Cesar e Gutemberg Trator; Pedro Chama Gol, Luciano Santana e Major do Bahia de Itabuna; Pescador, Marconi e Alex de Moises :: LEIA MAIS »

Covid-19: Vacinação para público 38+ continua nesta quarta-feira em Ilhéus

A oferta foi prorrogada pela Sesau com a disponibilização de 800 doses para contemplar as populações que trabalham em horário comercial e que não conseguiram receber a aplicação da vacina até o momento.

Com a finalidade de oportunizar a oferta de mais doses da vacina contra a Covid-19 para pessoas com idade igual ou superior a 38 anos, a Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), estendeu a vacinação para esta quarta-feira, 7, em Ilhéus, no Teatro Municipal, Centro, e no Colégio Horizontina Conceição, na Urbis. O serviço de oferta da primeira dose estará disponível em horário alternativo, das 16h às 19h, ou enquanto durarem os estoques da vacina.

A oferta foi prorrogada pela Sesau com a disponibilização de 800 doses para contemplar as populações que trabalham em horário comercial e que não conseguiram receber a aplicação da vacina até o momento.

No ato da imunização, o usuário deve apresentar documentos como CPF; cartão do SUS; comprovante de residência; e cartão de vacinação, caso possua.

Serviço

1ª dose da vacinação contra a Covid-19

Público-alvo: Pessoas com idade igual ou superior a 38 anos.

Data: 07/07/2021 (quarta-feira)

Horário: Das 16h às 19h

Locais:

Teatro Municipal de Ilhéus

Colégio Horizontina Conceição (próx. ao posto da Urbis).

Documentos: CPF; cartão do SUS; comprovante de residência; e cartão de vacinação, caso possua.

 

por Anna Karenina de O. Vieira, Secom

Prefeitura de Ilhéus interdita boxe da Central de Abastecimento do Malhado por condições insalubres

A Prefeitura de Ilhéus interditou na manhã desta quarta-feira, 7, o boxe denunciado nas redes sociais por condições de insalubridade. A Vigilância Sanitária da secretaria municipal de Saúde (Sesau) e o Procon Municipal realizou uma fiscalização imediata no local ainda na tarde de ontem, 6, e como o estabelecimento inadequado estava fechado, hoje logo cedo foi ao local com o apoio da Polícia Militar e fiscais de posturas da secretaria de Mobilidade e Ordem Pública. O boxe, alvo da denúncia, estava aberto pela manhã e sem produtos para comercialização.

“Conversamos com o proprietário sobre a limpeza e adequação do boxe, mas em razão de terem sido constatadas condições sanitárias insalubres no local, interditamos o ponto”, explicou a enfermeira e coordenadora da Vigilância Sanitária da Sesau, Daiana Bonfim Pinheiro.

A Sesau informou que a ação sanitária realizou verificação, instrução e autuação de estabelecimentos para readequação, inclusive com descarte de alimentos inseguros para consumo.

A Vigilância Sanitária estará intensificando os trabalhos na Central de Abastecimento do Malhado, por meio da Vigilância Sanitária, em conjunto com a administração do equipamento e secretarias municipais.

 

por Anna Karenina de O. Vieira, Secom

DECOLORES

FALOU, TÁ FALADO DOUTOR – Ainda jovem aos nove anos de idade, meu pai me falava sempre sobre Doutor Henrique Cardoso, que se candidatou pela UDN e venceu as eleições em 1959.

Hoje com meus 70 anos de idade lembram-me de alguns episódios que aconteceram durante o transcorrer de seu governo municipal até 1963.

Henriquinho como era chamado, foi casado com Dona Olguinha, a qual era adorada pelos Ilheenses pela forma em que atendia a todos, principalmente os mais necessitados.

Seu governo foi impecável. Era um prefeito arrojado que sempre se posicionou diante dos acontecimentos que agradava e desagradava aos políticos da cidade com a mesma intensidade. O considero um dos mais dinâmicos prefeitos de Ilhéus.

Vale salientar que durante o seu governo, Ilhéus foi embelezada com parques e jardins públicos, várias obras foram erguidas a exemplo do Mercado Municipal na Avenida Dois de Julho, Alto do Teresópolis, Colégios Municipais no Interior do Município e a ponte da Barra de Itaípe, entre outras realizações

Conseguiu adquirir o prédio da Faculdade de Direito de Ilhéus com recursos do jogo de Bicho, semi-oficializado pelo governador da época.

O Dr. Henrique Cardoso, sendo homem de temperamento agressivo, linguagem violenta para com os inimigos políticos, contou com uma oposição muito grande na Câmara, e ele próprio alegou na época que essa oposição o impediu de fazer tudo quanto queria em beneficio da cidade. Sempre no seu discurso falava do amor que sentia por Ilhéus.

Diante de seu desempenho candidatou-se e elegeu-se a Deputado Estadual e posteriormente a Federal, sendo eleito com um número expressivo de votos e durante a sua gestão lutou pela criação de Estado de Santa Cruz, pois era um velho sonho nos tempos do apogeu da cacauicultura separar a região cacaueira do Estado da Bahia.

Meus famíliares foram eleitores de Henriquinho. Ele era por demais querido, seus carnavais eram bastante animados, com blocos, afoxés, cordões, escola de samba e batucadas, além da decoração que se estendia pela praça D. Eduardo nos tempos das três amendoeiras existentes defronte ao Bar Maron (Vesúvio) até Avenida Soares Lopes.

Lembro-me que certa vez houve um temporal muito forte em Ilhéus que afetou a população residente nos morros da cidade. Imediatamente o Prefeito decretou estado de calamidade pública e tomou várias providencias para amenizar o sofrimento da população, inclusive fez distribuição de cobertores na porta da prefeitura.

Em outra ocasião os magarefes fizeram um protesto contra o governo municipal, aumentando substancialmente o preço da carne. Diante da situação vexatória, o prefeito Henriquinho adquiriu através do município várias cabeças de gado para o abate no Banco da Vitória e mandou instalar barracas na Praça Cairú para comercialização do produto a preços mais accessíveis.

Por ocasião da ornamentação da Avenida Soares Lopes, foram construídos vários bancos de cimento em forma de S, embelezando aquela artéria. O fato interessante é que o próprio Prefeito fiscalizava a obra e dava esporro quando a coisa não ía de acordo o planejamento.

Conta a história que o querido Doutor Henriquinho como era chamado, foi atleta do Vitória Esporte Clube em Salvador – Bahia, vindo a ser Presidente do Clube após alguns anos.

Recordo-me que na minha Rua Fonte da Cruz, morava um grande jogador de futebol apelidado por Tinho, filho de Seu Jonas Almeida. E após inúmeras insistências por parte de Henriquinho, conseguiu levar o craque para capital a fim de jogar no seu clube de coração. Ocorreu, no entanto que meses depois Tinho II como era apelidado no Vitória foi acometido de um desastre automobilístico, vindo a falecer, para tristeza nossa, pois o mesmo estava sendo cogitado pela CBF para ser convocado para Seleção Brasileira.

Foi Henrique Cardoso que colocou refletores no Estádio Mario Pessoa, cuja inauguração foi entre o Vitoria Esporte Clube da Bahia e o Fluminense Futebol Clube do Rio de Janeiro.

Tive o privilégio de participar de várias inaugurações de obras realizadas pela Prefeitura, e a Filarmônica Santa Cecília se fazia presente e meu pai que era músico me levava. O Doutor Henrique Cardoso era Presidente de honra da Filarmônica.

Finalizando, quero incluir um personagem bastante importante na caminhada política desse grande lider político. Trata-se de Palangolé, que sempre estivera presente nos atos públicos do alcaide, e ao finalizar o discurso do Prefeito, ele exclamava em voz alta “Falou, tá falado Doutor!”.

Colaboração de Luiz Castro

Bacharel Administração de Empresa

Cia Esbórnia de Teatro participa de live sobre produção cultural

Elaboração de projeto, produção, assessoria de comunicação, direção artística e musical serão alguns temas abordados pela Cia Esbórnia de Teatro, durante live nesta quinta-feira (08). O grupo vai conversar com a turma de Fundamentos da Produção Cultural da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) a partir das 19 horas, pelo canal do YouTube do professor Felipe de Paula (www.youtube.com/felipedepaula73). O link para a transmissão também estará disponível na bio do perfil do Instagram @cia.esbornia.

Recentemente, a Cia Esbórnia realizou o projeto de contação de histórias Caminhos Indígenas em Cordel, contemplado pela Lei Aldir Blanc Bahia. Durante o bate-papo com os estudantes do Bacharelado em Produção Cultural, os artistas irão contar como foi o processo e o desafio de se executar uma atividade virtual e ao vivo. Mesmo sendo uma atividade do componente curricular da UFSB, o público externo também poderá assistir e participar, enviando perguntas e comentários ao vivo.

A live contará com as presenças virtuais da proponente do projeto e atriz, Márcia Mascarenhas, o diretor artístico, Maurício Lima, o diretor musical, Danilo Nascimento, a atriz Karoline Vital e a musicista Nanda Conegundes. Cada membro vai relatar, a partir do papel que desempenhou no projeto, como foi a experiência de fazer teatro na internet, suas potencialidades e limitações.





















WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia