Jaqueline Jesus de Lima foi estrangulada e corpo foi encontrado no último domingo (2)

O homem acusado de ter matado uma adolescente de 16 anos foi preso nesta segunda-feira (3) em Ilhéus, no sul da Bahia. Ubirajara Santos Souza, de 30 anos, que era namorado da vítima, confessou o crime.

Segundo o delegado Norberto Cordeiro, Ubirajara levou a companheira para passear e, após discutir sobre a suposta traição, matou a adolescente Jaqueline Jesus Lima.

O crime aconteceu no bairro Novo Ilhéus, próximo a rodovia Ilhéus-Uruçuca, no último sábado (1). Em depoimento, o acusado disse que estava bêbado e que havia se drogado antes de cometer o crime.

O delegado Norberto Cordeiro, que investiga o caso, declarou que Ubirajara será autuado em flagrante. “Ele já está na carceragem e está a disposição da justiça”. disse.

Ainda de acordo com o delegado, embora o corpo tenha sido encontrado com algumas perfurações, a suspeita é que a causa da morte foi de estrangulamento com as mãos.

De acordo com a polícia, Ubirajara já tinha passagens pela polícia por furto, roubo e desordem, além de ser suspeito de homícidio de um outro crime. Ele pode responder por homicídio qualificado e ocultação de cadáver, podendo pegar até 30 anos. A adolescente estava desaparecida havia cinco dias.

Segundo informações da TV Santa Cruz, Jaqueline morava com Ubirajara. Ele teria mentido para a família da vítima, dizendo que ela não não estava desaparecida. O corpo da adolescente Jaqueline foi encontrado no domingo (2), já em estado de gigantismo, no fundo da casa do acusado.

Mayra Lopes| Redação CORREIO DA BAHIA
redacao@correio24horas.com.br