Gosto de ouvir alguns programas das nossas rádios AM, mas isso não quer dizer em absoluto que devo aceitar a tal frase “a imprensa é livre”, isso jamais em tempo algum vou aceitar.
O normal é isso aí, ou a imprensa está a favor ou está contra, depende muito do acerto e de outras coisitas mais.
Nesta manhã de sábado ouvindo um programa de boa audiência em uma das rádios locais, o seu apresentador lascou o pau na Secretaria de Turismo do Município de Ilhéus.
O mais importante da bronca é que o radialista foi feliz em todo o seu editorial, desde o puxão de orelha no nosso secretário até as idéias para que possamos proporcionar uma visão turística de melhor nível aos nossos turistas e visitantes.
Aqui no meu cantinho gostei do comentário apaixonado do apresentador do programa. Parabéns.
Passado o momento, fiz algumas reflexões a respeito do que foi dito e cheguei a uma conclusão desanimadora.
Afinal de contas QUEM MANDA NA CASA? É o alcaide ou os secretários?
Tudo bem que alguns secretários não conseguem levar o trem adiante, os motivos e atrativos a gente sabe mas não pode fazer nada.
Mas será que só os secretários têm culpa no cartório?

Afinal de contas QUEM MANDA NA CASA? É o alcaide ou os secretários?
Se a Secretaria de Saúde está esta bagunça que todos sabem será que é culpa apenas dos inúmeros secretários que por lá passaram?
Afinal de contas QUEM MANDA NA CASA? É o alcaide ou os secretários?
Se a cidade não consegue deslanchar na temporada de verão é apenas culpa do Secretário de Turismo?
Se a coleta de lixo, varrição de ruas, limpeza das praças e jardins não atingem um nível aceitável é culpa apenas do Secretário de Desenvolvimento Urbano?
Se não tem salva-vidas nas praias, se as barracas não prestam um bom serviço e tiram o couro dos turistas nos preços é culpa apenas do secretário?
Se a Praça do Cacau está abandonada e sem atrativos é culpa apenas do secretário?
Se outras ações de promoção do turismo não são realizadas, é culpa apenas do secretário que não fez um projeto para a temporada?
Se a assessoria de imprensa dispara seus factóides, é culpa apenas dos jornalistas?
Minha gente toda casa tem alguém que manda ou tenta mandar. Delegar poderes não é largar o subordinado à própria sorte.
Quem manda na casa tem a OBRIGAÇÃO e o DEVER de chegar junto, ver o que está acontecendo, corrigir os desvios, trocar peças, mudar de lugar, enfim, tudo fazer para cumprir e fazer cumprir a missão para a qual foi eleito e diplomado para exercer o maior cargo administrativo do município e da sua cidade.
Portanto, aqui do meu cantinho, na gostosa e carinhosa Sapetinga, salvo melhor juízo, não devo e não posso colocar toda a culpa apenas nos secretários.
Sei e todos sabem que temos alguém para mandar na casa, se não manda ou não consegue mandar, aí a coisa pega feio e a cidade vai pro brejo.
E numa casa normal quando ninguém manda ou tem referência, o núcleo principal (família) sofre as conseqüências e afeta todos os seus membros.
Afinal QUEM MANDA NA CASA?
ZÉCARLOS JUNIOR