No último dia 30 (novembro) a ação de um comerciante do bairro Nelson Costa poderá colocar em risco a coleta domiciliar naquela localidade.
Um caminhão da empresa SOLAR AMBIENTAL foi danificado (vidro quebrado) por um comerciante que, segundo informações, é proprietário da Pão sem Droga. Ele, acompanhado de um funcionário do estabelecimento (padaria), na base da paulada, causou prejuízo para a empresa. Um BO foi registrado e a ação seguirá seu curso normalmente.
Vale dizer que foi uma ação é isolada e, portanto, não reflete o desejo/vontade dos moradores dalí. Os funcionários da empresa Solar Ambiental, em serviço, foram ameaçados e o clima ficou tenso.
O caminhão tem uma linha, segue por ela e retorna pelo lado oposto. Não se estabelece “prioridades”.

Veja as fotos:

Espaço aberto para o proprietário da Pão sem Drogas – querendo – se manifestar.