Uma operação de combate ao tráfico de drogas foi deflagrada pela Secretaria da Segurança Pública (SSP) nas cidades de Ilhéus e Itabuna. De acordo com a secretaria, estão sendo cumpridos mandados de prisão e de busca e apreensão em bairros das duas cidades e no sistema prisional.
Ainda de segundo a SSP, os grupos criminosos têm envolvimento direto com venda de entorpecentes, homicídios, roubos, corrupção de menores, entre outros crimes. Unidades territoriais e especializadas das polícias Civil e Militar da região participam das diligências.
Atualizada as 10:16

Apoio: Líder da facção, José Alan Conceição Costa Lemos, o ‘Alan Baton’, teve mandado de prisão cumprido, no Complexo Penitenciário de Mata Escura, em Salvador.

A operação ‘Lâncome’, deflagrada na madrugada desta quarta-feira (19), localizou 18 criminosos integrantes de uma quadrilha com atuação, no Sul da Bahia. Líder da facção, José Alan Conceição Costa Lemos, o ‘Alan Baton’, teve mandado de prisão cumprido, no Complexo Penitenciário de Mata Escura, em Salvador.
Investigados há sete meses pela 7 Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Ilhéus), os criminosos atuavam, na venda de drogas, homicídios, roubos e corrupção de menores naquela cidade e em Itabuna. Alan Baton, mesmo transferido para unidade prisional, na capital, permaneceu dando ordens para facção.
Além dele, também em presídios, nas cidades de Ilhéus, Itabuna e Barreiras, foram capturados Jorlandio Amaral Feliz, Leandro Santos Lima, Fágner Santana dos Santos, Carlos Alberto Céo dos Santos e Édson Alves dos Santos. Todos continuavam influenciando, nas decisões da quadrilha. “Através de ações de inteligência conseguimos desarticular uma ramificação desta organização criminosa. Continuamos com equipes nas ruas”, explicou o coordenador da 7 Coorpin, delegado Evy Paternostro.
Fora do sistema prisional e também com mandados expedidos, acabaram presos Fábio Ferreira da Silva, Simone Brito da Conceição Gomes, Rafael Santos Brasil, Oziel Santos Menezes, Ilton Goes Santos, Milena Silva de Oliveira Costa, Jéssica Monteiro de Oliveira e ‘Júnior do Gás’ (mesmo com apelido o traficante possuía ordem judicial).
Em um dos mandados de busca e apreensão, no bairro Conquista, um adolescente, suspeito de diversos homicídios, confrontou com as equipes, foi socorrido para o Hospital Regional Costa do Cacau, mas não resistiu. Com ele foram apreendidos um revólver calibre 38, munições, porções de maconha e uma quantia em dinheiro. Em local do mesmo bairro outro traficante foi flagrado também com drogas.
Já no bairro Vilela, dois homens, um deles de prenome Alisson do VILELA (alvo da investigação e do cumprimento da Busca) e o outro ainda não identificado, tentaram escapar do cerco, mas foram flagrados com drogas.
Antes da deflagração da operação nesta data, as forças de segurança efetuaram prisões em flagrantes com apreensão de Drogas, colete balístico, armas, dentre elas uma submetralhadora. E com ações de inteligências ações da facção visando matar rivais foram evitadas.
“Importante trabalho conjunto e com êxito devido o bom levantamento das ações desta quadrilha. Intensificaremos o trabalho nestas áreas”, avisou o comandante da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Cacaueira, major Ricardo Silva, em nomes das outras unidades da Polícia Militar.
Participaram da operação também equipes do Departamento de Polícia do Interior (Depin), das Rondas Especiais (Rondesp) Sul, da 6 Coorpin (Itabuna), das 68, 69 e 70 CIPMs (Ilhéus) e do Pelotão da Companhia Independente de Polícia Ambiental (CIPA).
O Delegado Evy Paternostro, Coordenador Regional, ressaltou a integração das Forças de Segurança, o acompanhamento do Ministério Público e presteza da 2a Vara Crime da Comarca de Ilhéus.A operação continua…