Equoterapia by  Heckel Junior

Equoterapia by Heckel Junior

Em decorrência do convênio assinado pela Secretaria Estadual da Agricultura (Seagri), com a Associação Baiana de Criadores de Cavalos de Passeio e Esporte (ABCCPE), e a Associação Baiana de Equoterapia (Abae), crianças carentes de Salvador e Região Metropolitana de Salvador (RMS), terão atendimento gratuito com sessões de Equoterapia. Com esse objetivo foi inaugurado nesse fim de semana o Centro Integrado de Equoterapia, no Parque de Exposições de Salvador, onde mais de mil crianças serão atendidas. Cerca de 500 já estão matriculadas. O Esquadrão de Polícia Montada da PM/BA é parceiro importante dessa ação.

A Equoterapia é um recurso terapêutico realizado com a utilização de cavalos em uma abordagem multidisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas portadoras de deficiência ou com necessidades especiais. Trata-se de um tratamento complementar na recuperação e reeducação motora e mental.
Explicando a importância dessa iniciativa, a presidente da Abae, Maria Cristina Guimarães, lembrou que numa clínica particular uma consulta de avaliação custa em torno de R$ 250,00, e uma sessão cerca de R$ 110,00, sendo que são necessárias no mínimo oito a dez sessões. “É um custo alto para famílias carentes, e o SUS não cobre essa terapia”, disse ela destacando a importância do apoio do governo do Estado através da Secretaria da Agricultura.

“O convênio que a Seagri assinou com essas entidades, possibilitando a utilização do Parque de Exposições de Salvador para a realização das sessões de Equoterapia, além do aporte de recursos, é uma demonstração de que o governo do Estado cumpre seu papel social, possibilitando a reabilitação e a inclusão social de crianças com dificuldades motoras ou com necessidades especiais, através da infraestrutura e a logística do Parque de Exposições, para o tratamento com a Equoterapia”, afirmou Antonio Almeida Junior, superintendente de Desenvolvimento da Agropecuária da Seagri (SDA)

De acordo com o vice-presidente da (ABCCPE), Leonardo Abreu, o Centro Integrado de Equoterapia vai possibilitar o aumento do atendimento para crianças e adolescentes com dificuldades motoras e psíquicas, além de promover a inclusão social.

Maria Cristina Guimarães disse ainda que “lutamos pela aprovação do projeto de lei número 4761/2014, que regulamenta a prática da Equoterapia”. O projeto já foi aprovado pela Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados, em janeiro do ano passado, e seguiu para tramitação na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, onde aguarda votação em caráter conclusivo, rito pelo qual o projeto é votado apenas pelas comissões designadas para analisá-lo, dispensada a deliberação do Plenário.

Curso de Equoterapia
Visando a formação de profissionais das áreas de fisioterapia, psicologia, fonoaudiologia e afins, a Associação Baiana de Equoterapia promove neste mês de abril, nos dias 20 a 24, no auditório do Centro de Treinamento da EBDA, em Itapoan, o I Curso Básico de Equoterapia. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser solicitadas através dos telefones 71.3249.0599 e 9963.5862.


Ascom Seagri
Josalto Alves